31/07/2016

[ RESENHA ] Silêncio

Título: Silêncio
Autora: Richelle Mead
Editora: Galera Record
Páginas: 280
Estrelas: 4/5
Livro:
Cedido pela Galera Record
Um romance de fantasia e aventura da mesma autora de Vampire Academy. Pelo que Fei se lembra, nunca houve um ruído em seu vilarejo todos são surdos. Na montanha, ou se trabalha nas minas ou na escola, e as castas devem ser respeitadas. Quando algumas pessoas começam também a perder a visão, inclusive a irmã de Fei, ela se vê obrigada a agir e a desrespeitar algumas leis. O que ninguém sabe é que, de repente, ela ganha um aliado: o som, e ele se torna sua principal arma. Ao seu lado, segue também um belo e revolucionário minerador, um amigo de infância há muito afastado em função do sistema de castas. Os dois embarcam em uma jornada grandiosa, deixando a montanha para chegar ao vale de Beiguo, onde uma surpreendente verdade mudará suas vidas para sempre. Fei não demora a entender quem é o verdadeiro inimigo, e descobre que não se pode controlar o coração.

A resenha de hoje se trata de um livro, que conseguiu prender toda a minha atenção, primeiramente com a capa e posteriormente com o enredo, que é simplesmente majestoso, inovando em elementos sobrenaturais de uma forma incrível.

Silêncio conta a história de Fei, uma jovem que sempre viveu em um povoado cercado por montanhas. Sendo assim, toda a população é impedida de descer e por isso todo o alimento é racionado, já que o terreno em que vivem não é nem um pouco fértil, restando somente o minério.

"Daqui a quanto tempo as pessoas vão começar a se voltar contra as outras por puro desespero? Foi para isso que meu pai morreu? Quantos outros vilarejos a cidade já dizimou desse jeito?"

29/07/2016

[ RESENHA ] Mãos Livres

Título: Mãos Livres
Autora: Francine S. C. Camargo
Editora: Chiado Editora
Páginas: 70
Estrelas: 4/5

Livro: Cedido pela autora
Mãos Livres reúne contos e crônicas da autora, com uma escrita poética e fabulizada. As palavras surgem de forma a realçar e tecer a realidade em uma sequência de emoções, narrando eventos inusitados como o encontro com um cão desordeiro, o diálogo de livros à estante e um lugar chamado Aboborolândia, ou passando por temas universais como o amor, a amizade, a maternidade, a morte, a rotina e a timidez, sempre fugindo das explicações comuns; com as mãos desimpedidas, “como se nada pudesse me fazer parar, como se fosse criar garras para lutar. Decerto, deparo com um abismo e aí, estou pronta, prontinha para voar”.

Olá, caros leitores!

Fazia algum tempo que eu não me deparava com um livro de crônicas, por isso o livro da Francine acabou me servindo como um lembrete do quanto a leitura deste gênero literário pode ser relaxante. Admito que não é o meu gênero literário favorito, mas muitas vezes é o que procuro quando a intenção é refletir sobre as coisas cotidianas da vida. E neste aspecto, o livro é ótimo!

Além disso, mesmo sendo um livro bem curto, talvez seja um dos que eu mais utilizei post-its para marcar os trechos que me causaram impacto. Há muitas frases que me chamaram a atenção ao longo da leitura, a autora escreve de uma forma incrível. Além disso, muitas referências usadas por ela me cativaram na obra, assim como também me fizeram perceber que ela deve conhecer muito sobre alguns outros grandes mestres literários que também gosto muito.


A única coisa que eu não gostei no livro foi a capa. Confesso que essa capa não me atraiu, tanto por causa das cores quanto da imagem e da fonte utilizada para o título, que eu achei que não valorizou a obra. Acho que uma capa mais simples teria combinado melhor com a proposta do livro, mas isso é apenas uma questão de gosto mesmo. Diversas outras características no livro compensaram isso para mim, então irei citá-las abaixo de forma mais organizada.

28/07/2016

[ PARA REFLETIR ] Os Dias Pelos Quais Vivemos Esperando


Os dias pelos quais vivemos esperando podem ser transformados a qualquer instante, não há regra especifica para os momentos para os quais você diz viver a espera, sinto que vivo para esperar chegar nesse recanto especial, sentar no chão de terra com minha roupa de sujar, escolher esvaziar a mente ou ter apenas bons pensamentos. Acordo cedo, procuro nos bolsos, gavetas e livros, valor contado para ida e volta de ônibus mais as moedas para o trajeto no trem, jogo a mochila nas costas e vou. Sozinha mesmo, ou nem tanto, Ele sempre vai comigo.

Você já viajou só? É uma sensação de liberdade, de silêncio acordado entre você, sua alma e a bagunça sentimental que causou a si mesma. Deixe- se ir. Não seja preguiçoso nem submeta- se ao medo do que lhe espera, tanto as más quanto as boas e belas coisas podem acontecer com qualquer um. Não tenha medo. Tire um dia, por algumas horas para pensar ou fazer o oposto, limpe a mente -reaviva o espírito- seja a pessoa que é em seus melhores dias, saiba que tem escolha, sinta o pulsar de viver, seja valente.

27/07/2016

[ RESENHA ] A Geografia de Nós Dois

Título: A Geografia de Nós Dois
Autora: Jennifer E. Smith
Páginas: 272
Editora: Galera Record

Estrela: 3/5
Livro: Cedido pela Galera Record
Lucy mora no vigésimo quarto andar. Owen, no subsolo... E é a meio caminho que ambos se encontram - presos em um elevador, entre dois pisos de um prédio de luxo em Nova York. A cidade está às escuras graças a um blecaute. E entre sorvetes derretidos, caos no trânsito, estrelas e confissões, eles descobrem muitas coisas em comum. Mas logo a geografia os separa. E somos convidados a refletir... Onde mora o amor? E pode esse sentimento resistir à distância? Em A Geografia de Nós Dois, Jennifer E. Smith cria tramas cheias de experiências, filosofia e verdade.

Quando vi este lançamento da Galera Record, logo fiquei empolgada para conhecer essa história, que parece prometer um romance delicado, cheio de reflexões e claro, com aquela dose de realidade que só autora sabe colocar. E eis que aqui estou trazendo a resenha desse livro que me fez refletir em diversas proporções.

A Geografia de Nós Dois apresenta a história de Lucy e Owen. Ambos se conheceram no elevador: Lucy estava indo para o apartamento dos pais e Owen planejava ver as estrelas no terraço. Os planos dos dois se frustam - ou talvez não - quando um blackout acaba acontecendo em toda Nova York, o que consequentemente faz o elevador ficar preso entre o 10º e 11º andar.





Lucy não tem praticamente nada para fazer, pois seus pais estão viajando, na verdade fazem isso com certa frequência, mas nunca a levam. Com os irmãos longe também, tudo que a espera é um apartamento solitário. Já Owen é filho do novo administrador do prédio, vivendo no subsolo, tudo que ele quer é que o pai volte logo para casa, pois o dia nada mais é do que o aniversário de casamento da sua falecida mãe e por isso o pai dele fica bem sensível.

“— Nada é o que é. As coisas estão sempre mudando. Elas sempre podem melhorar”.

26/07/2016

[ RESENHA ] Arena 13

Título: Arena 13 #1
Autor: Joseph Delaney
Páginas: 320
Editora: Bertrand Brasil
Estrelas: 3/5
Livro: Cedido pela Galera Record
Leif tem uma única ambição: tornar-se o melhor lutador da famosa Arena 13. Lá, os espectadores apostam em qual lutador vai derramar sangue primeiro. E, em ajustes de contas, apostam em qual lutador vai morrer. Mas a região é aterrorizada por Hob, um ser maligno que se deleita torturando a população e exibe o seu poder devastador desafiando combatentes da Arena 13 a lutas até a morte quando bem entende. E isso é exatamente o que Leif quer, pois ele conhece bem os crimes de Hob. E, no cerne da sua ambição, arde o desejo de vingança. Leif procura revanche contra o monstro que destruiu a sua família. Mesmo que isso lhe custe a vida.
Joseph Delaney presenteia os leitores com mais uma obra de sucesso, desta vez com uma roupagem nova. Com a introdução de criaturas igualmente aterrorizantes e personagens tão bem construídos que nos fazem suspirar.


Em Arena 13 nos deparamos com o nosso mundo no futuro, onde um grande acontecimento devastou a civilização, sobrando somente um grande nada, sem muito aproveitamento das tecnologias ou grandes construções, restou somente um cenário que se assemelha a época medieval.

Neste mundo vive Leif, um jovem que viaja para a cidade de Gindeen com o objetivo de lutar na Arena 13 e fazer vingança contra a morte dos seus pais, que foram vítimas de Hob, uma criatura que aparece de vez em quando para desafiar os lutadores.  Ninguém sabe ao certo quando Hob aparece, mas sabem que ele somente faz isso na Arena 13. Mas para conseguir vencer, Leif vai em busca de Tyron, um famoso e excelente treinador.

"O sangue começou a fazer uma poça debaixo de seu corpo, espalhando-se para fora das beiradas, e seus gritos gradualmente se tornaram mais fracos."

23/07/2016

[ LANÇAMENTOS ] Editoras Única e Gente



Olá pessoas, vamos conferir as novidades das editoras parceiras?


Fique com Alguém que não tenha Dúvidas. - Marina Barbieri
Desnecessário dizer que todo mundo já teve uma história amorosa que deu errado. E se ainda não teve, um dia vai ter. Mas por que isso acontece com tanta gente e com tanta frequência? Falta de sorte? Dificuldade em dialogar? Falta de leitura do outro? Nada disso. A verdade é uma só: quando desejamos muito uma pessoa, ignoramos todos os sinais, os aprendizados e a experiência que temos e insistimos cegamente, mesmo que as chances estejam contra nós.
Sim, a paixão nos faz crer nas desculpas mais esfarrapadas e a descrer nos avisos mais óbvios, e então nos boicotamos tentando acreditar na ilusão de que dessa vez vai ser diferente. Nunca é.
Marina Barbieri está há anos tentando impedir suas leitoras de se enganarem. Autora do Deu Ruim, um dos blogs sobre relacionamentos de maior sucesso no Brasil, Marina Barbieri fala neste livro sobre tudo aquilo que no fundo você já sabe, mas se recusa a assumir. Você vai conhecer personagens que provavelmente já deve ter encontrado, como o sr. FeitoPara-Casar, o sr. Distância e o sr. Problema, entre tantas outras figurinhas que estão perambulando por aí e vez ou outra atravessam a sua vida.
Prepare-se para alternar entre rir alto e chorar baixinho com crônicas da vida de todos nós quando se trata de amor (ou da falta dele). Marina Barbieri compartilha com seus leitores as roubadas amorosas da própria vida, mostrando que amar pode ser mais simples do que nós fazemos parecer.

21/07/2016

[ RESENHA ] Meio Rei

Título: Meio Rei - Mar Despedaçado
Autor: Joe Abercrombie
Páginas: 288
Editora: Arqueiro
Estrelas: 5/5
Livro: Cedido pela Editora Arqueiro
Filho caçula do rei Uthrik, Yarvi nasceu com a mão deformada e sempre foi considerado fraco pela família. Num mundo em que as leis são ditadas por pessoas de braço forte e coração frio, ser incapaz de brandir uma espada ou portar um escudo é o pior defeito de um homem. Mas o que falta a Yarvi em força física lhe sobra em inteligência. Por isso ele estuda para ser ministro e, pelo resto da vida, curar e aconselhar. Ou pelo menos era o que ele pensava. Certa noite, o jovem recebe a notícia de que o pai e o irmão mais velho foram assassinados e não lhe resta escolha a não ser assumir o trono. De uma hora para outra, ele precisa endurecer para vingar as duas mortes. E logo sua jornada o lança numa saga de crueldade e amargura, traição e cinismo, em que as decisões de Yarvi determinarão o destino do reino e de todo o povo. Joe Abercrombie nos apresenta um protagonista surpreendente, numa história de percalços e amadurecimento que abre a trilogia Mar Despedaçado.


Meio-Rei é o primeiro livro da trilogia Mar Despedaçado, publicado pela editora Arqueiro e escrito pelo consagrado autor Joe Abercrombie.

Meio-Rei foi uma das minhas primeiras leituras de ficção medieval, e pretendo acompanhar toda a trilogia. Logo quando recebi a oportunidade de solicitar um livro da Arqueiro, folheei o catálogo e descobrir esta obra, que me interessou e então, pedi. Foi uma ótima escolha.


O livro conta a história do filho mais novo do rei de Gettland, uma das regiões do Mar Despedaçado, Yarvi, que depois de receber a noticia da morte do seu pai e do seu irmão, encara a necessidade de assumir o trono. Porém, Yarvi sabe que ser rei não é apenas mandar e desmandar sentado no trono... Os reis lutam e vão as guerras. Por este motivo, Yarvi queria ser ministro, pois nasceu sem uma das mãos, e não tinha nenhuma afinidade com a luta e a guerra. 

[ SORTEIO ] Jardim de Espelhos

Olá pessoas!!!

Estamos aqui com mais um sorteio imperdível. Esse livro já foi sorteado aqui no CL, umas 2 vezes e aqui estamos novamente, então imaginem o quanto esse livro é bom. Quero agradecer a editora giz por estar disponibilizando mais uma vez esse livro maraaa para ser sorteado. (Para quem não leu minha do livro jardim de Espelhos ► LEIA A RESENHA ◄)
Quem curte um bom romance de época precisa URGENTE ler Jardim de Espelhos. E para participar do sorteio é muuuuito fácil. 


REGRA:
Cumprir as 2 regras obrigatórias que são deixar um e-mail válido para contato e seguir o blog Coleções Literárias (ou seja, seguir esse blog haha). O restante são extras (o que significa que você vai ter mais chances de ganhar!)





a Rafflecopter giveaway


ATENÇÃO

20/07/2016

[ RESENHAS ] Delirium

Título: Delirium
Autor: Carlos Patricio
Páginas: 228
Editora: Página 42
Estrelas: 5/5

Desordens. Distúrbios. INSÂNIAS!Este é o tema de Delirium.Nesta coletânea de contos o autor preza, sobretudo, pela diversidade e a originalidade. Pois em que outro livro você encontraria realidade virtual, experiência com alucinógenos, assassinos sádicos, debates sobre crenças e religião, um desabafo a la Kafka, e, até mesmo, os infortúnios de uma fofoca? Uma culinária diversificada e bem temperada para todos os paladares.



Olá leitores! Tudo bem com vocês?
Que tal um livro que aborda temas dos mais inusitados os mais escandalosos? 

Delirium é uma coletânea que reúne sete contos e um poema, nos levando a histórias totalmente diversificadas e únicas. Pretendo comentar um pouco de cada, de modo objetivo e claro.


O primeiro conto se chama “Doutor Sádico”, que me fez lembrar o motivo para minha falta de entusiasmo por livros de terror. É um conto bastante ousado, pois explora as condições de uma mente doentia e perversa.  A história se inicia com Klose tentando disfarçar os últimos acontecimentos que envolvem não somente sequestros de crianças, mas como de adultos também, para sua filhinha Elizabeth não temer o início das aulas. Após ele deixar Elizabeth na escola, vai à um bar, onde pode afundar suas preocupações em relação ao emprego perdido. Lá ele conhece Hans Mozart, um homem cuja a aparência e o comportamento sugerem civilidade, mas foi assim que entendi o verdadeiro significado da frase “as aparências enganam”. Hans Mozart é na verdade conhecido como Doutor Sádico, um monstro que não conhece limites na hora de brincar com suas vitimas.
“Pedofilia, assassinato, torturas sangrentas, estupros, canibalismo, necrofilia, zoofilia, coprofagia, e entre outras práticas absolutamente asquerosas...”.

19/07/2016

[ QUOTES ] O Para Sempre de Ella & Micha

Olá pessoas!
Faz tempo que não atualizo essa coluna então aqui estou com quotes que amei desse segundo volume da série Segredos que eu simplesmente amo. Vamos aos quotes.


"O Vento soprava, e tudo o que eu podia pensar era o quanto a morte fazia parte da vida."


"O Importante não é se sentir bem com tudo o que fazemos, mas como nos sentimos no final, quando olhamos para trás e vemos o que fizemos."

18/07/2016

[ RESENHA ] Insaciável

Título: Insaciável #1
Autora: Meg Cabot
Páginas: 502
Editora: Record
Estrelas: 4/5

Meena tem o dom de prever o futuro e usa isso para escrever uma novela de sucesso. Justo quando ela previu uma moda de temas vampirescos, ataques de vampiros tomam NY. Ela vai ser usada por um simpático detetive da Guarda Paladina para, se aproveitando de seus dons de vidente, para procurar um vampiro de péssima reputação. O problema é que ela se apaixona pelo procurado.

Quando cheguei até esse livro, achei que encontraria nele uma campanha contra vampiros, pois ele foi lançado bem na época em que eles estavam na moda, e tudo que eu havia lido ou ouvido dele falava de algo assim. 

De fato ele é um tanto anti vampiros, mas não da maneira como eu imaginava, e a história me surpreendeu agradavelmente, Meena tem um dom singular, ela consegue ver quando vai ser a morte das pessoas, não que isso a agradasse, mas existia uma coisa que conseguia ser mais desagradável ainda para ela, era aquela estúpida moda de vampiro: Monstros misóginos que quer transformar a namorada em uma morta viva, ou o contrário, não quer transformá-la e ela o convence de fazê-lo, ela acredita que essa história toda é no mínimo machista e irritante. 

"E essa mania dos vampiros de sempre querer transformar a garota bonita em sua namorada morta-viva? Ou pior, não querer transforma-la em sua namorada morta-viva. E então ela o convence disso, para o deleite da plateia. Porque estar morta e acompanhada parece ser um final mais feliz do que estar viva e sozinha."

Ela é roteirista da novela insaciável, e graças a concorrente luxuria que com seu enredo cheio de vampiros está superando a audiência e os patrocinadores começaram a pressioná-la para colocar os malditos vampiros em seu roteiro. Logico que isso não a agradou nenhum pouco. Além do que aquela situação foi a causa dela ter perdido uma promoção que tanto estimava.

15/07/2016

[ RESENHA ] Cheio de Graça

Título: Cheio de Graça – Uma Biografia de José Henriques Maia

Autora: Clara Arreguy
Editora: Outubro Edições
Páginas: 119
Estrelas: 4/5
Livro: Cedido pela autora


O que fazer para contar a história de um homem como Seu Maia? Tecer loas, enaltecer o caráter, exemplificar a honradez? Ou, numa atitude muito dele, não levá-lo tão a sério e partir pros fatos engraçados que lhe enfeitam uma vida de luta, superação e conquistas? Partir do bom humor, sua marca registrada, para chegar ao que dava sustentação a essa superfície leve, parece um bom começo. Afinal, a leveza também foi uma das características que mais contribuíram para fazer dele o homem popular que foi.



Olá, caros leitores!

Este é um daqueles livros sobre o qual venho escrever com um sorriso no rosto. É o segundo livro que leio da Clara e, como já esperava, a autora não me decepcionou. A diferença entre esse e o outro livro que li dela, Tempo Seco, é que este é uma biografia enquanto o outro era ficção. Sempre gostei muito de ler biografias, por isso ter a oportunidade de conhecer a história de um homem como José Henriques Maia foi uma ótima experiência.

José Henriques Maia, mais conhecido como Seu Maia, foi o pai da autora. Como qualquer filha que conhece bem o próprio pai, Clara foi capaz de perceber o tipo de enredo que seria melhor para definir a vida dele e teve a sensibilidade de construir este livro de maneira bem diferente das biografias tradicionais. Nele não são relatados todos os fatos da vida de Seu Maia, mas aqueles mais marcantes, divertidos e engraçados que ele vivenciou com os amigos e a família.


Ao longo do livro, somos apresentados ao garoto que nasceu pobre e trabalhava desde cedo em um bazar para ajudar os pais. Apesar das dificuldades, Maia nunca foi de reclamar da vida e, ao longo dela, sempre fez uso do bom humor para lidar com os problemas em qualquer situação, fosse com os pais, amigos, vizinhos, namoradas, esposa, filhos ou netos.

“Uma vez, o América contratou um jogador chamado Civorlei. Pra quê? Papai passava o dia inteiro cantando:- Civorlei, Civorlei teu coração... Civorlaste, Civorlaste o meu também!!!”

14/07/2016

[ RESENHA ] Tensão


Título: Tensão #1 
Autora: Gail McHugh
Editora: Arqueiro
Páginas: 280
Estrelas: 4/5

Sinopse: Após a morte da mãe, a vida de Emily Cooper vira de cabeça para baixo. Ela precisa de um novo começo, e Dillon Parker, seu namorado, a convence a se mudar para mais perto dele a fim de passarem mais tempo juntos. Em Nova York, Emily arranja um emprego temporário como garçonete em um restaurante no centro de Manhattan. Ao sair para fazer uma entrega logo no primeiro dia de trabalho, ela esbarra em Gavin Blake, um empresário sexy e bem-sucedido. Assim que seus olhares se encontram, há uma tensão no ar, mas nenhum dos dois consegue entender ou explicar essa forte conexão. Atormentada, Emily tenta não pensar muito naquele desconhecido que mexeu tanto com ela. Porém, ela descobre que Dillon e Gavin são amigos e que terá de conviver com ele muito mais do que poderia ter imaginado. Perdida em sentimentos confusos, Emily sente o desejo por Gavin crescer e se tornar mais ardente a cada vez que se encontram. Será que os dois vão resistir à tensão ou se entregar a essa paixão, apesar de todas as consequências?





Olá mais uma vez pessoal, preciso dizer que eu não ia escrever a resenha desse livro, pois só estava passando o tempo, mas quando chegou nas primeiras 50 páginas, eu não conseguia mais parar de ler. A história é incrivelmente cativante.

O livro conta a história da Emily, uma jovem recém formada em pedagogia, que acaba perdendo a mãe para o câncer de mama e consequentemente resolve se mudar para Nova York, pois ela entende que não conseguiria viver na sua casa de infância, lembrando sempre da sua mãe. Assim, ela acaba concordando em vender a casa e se mudar para NY e morar com sua amiga Olívia, uma colega de faculdade. E também para ficar mais perto do seu namorado Dillon, o qual mantinha um relacionamento a distância.

Tudo parece certo para Emily e aos poucos ela vai se adaptando e até mesmo consegue um emprego de verão em um restaurante italiano e é justamente aí que a vida dela toma um rumo diferente. Quando ela está quase saindo do restaurante no seu primeiro dia de trabalho, o seu chefe o Antônio, pergunta se não seria incomodo que ela realizasse uma entrega primeiro. Querendo conhecer a cidade e não vendo mal nenhum nisso, a Emily acaba aceitando fazer a entrega e quando chega ao seu destino, ela é recepcionado por ninguém menos que Gavin Blake, um empresário muito lindo, de olhos azuis, corpo escultural e que fica caidinho por ela assim que a vê.


"Tenho mais certeza sobre nós do que do fato de que preciso de oxigênio para respirar".


Esse é um dos pontos mais altos do livro pessoal. A forma como ocorre a primeira interação dos personagens é muito bem construída. Não se torna um encontro clichê, pois a autora introduz a cena de uma forma diferente, com uma abordagem inteligente o que acaba nos levando a sentir toda a tensão no ar, que a Emily sente.


11/07/2016

[ RESENHA ] O Rouxinol

Título: O Rouxinol
Autora: Kristin Hannah
Páginas: 425
Editora: Arqueiro
Estrelas: 4/5

Sinopse: No pequeno vilarejo de Carriveau, Vianne Mauriac se despede do marido, que ruma para o fronte. Ela não acredita que os nazistas invadirão o país, mas logo chegam hordas de soldados em marcha, caravanas de caminhões e tanques, aviões que escurecem os céus e despejam bombas sobre inocentes. Quando o país é tomado, um oficial das tropas de Hitler requisita a casa de Vianne, e ela e a filha são forçadas a conviver com o inimigo ou perder tudo. De repente, todos os seus movimentos passam a ser vigiados e Vianne é obrigada a fazer escolhas impossíveis, uma após a outra, e colaborar com os invasores para manter sua família viva. Isabelle, irmã de Vianne, é uma garota contestadora que leva a vida com o furor e a paixão típicos da juventude. Enquanto milhares de parisienses fogem dos terrores da guerra, ela se apaixona por um guerrilheiro e decide se juntar à Resistência, arriscando a vida para salvar os outros e libertar seu país. Seguindo a trajetória dessas duas grandes mulheres e revelando um lado esquecido da História, O Rouxinol é uma narrativa sensível que celebra o espírito humano e a força das mulheres que travaram batalhas diárias longe do fronte. Separadas pelas circunstâncias, divergentes em seus ideais e distanciadas por suas experiências, as duas irmãs têm um tortuoso destino em comum: proteger aqueles que amam em meio à devastação da guerra – e talvez pagar um preço inimaginável por seus atos de heroísmo.





Hoje trago a vocês a resenha de um livro que há muito tempo eu estou querendo ler, mas por alguns infortúnios (lista de livros para ler) acabei demorando um pouco mais nessa leitura, mas acredito que cada tempo dedicado a essa história foi gratificante.O Rouxinol nos apresenta um drama repleto de reviravoltas, narrado sob a perspectiva de uma mulher, da qual só descobrimos quem é no fim da leitura, apesar de que eu já tinha uma vaga noção de quem seria. Bom, o livro se passa na França por volta de 1940, época em que a Alemanha levou a França a se render perante Hitler. Só pelo momento histórico do livro já dá para imaginar como o clima é pesado nessa história.

Somos apresentados então a duas irmãs  Isabelle e Vianne Roussignol, as duas perderam a mãe muito cedo e com a ida do pai para a Primeira Guerra, acabaram que quase se viram órfãs de mãe e de pai, já que esse último após retornar para casa, se tornou indiferente em relação as meninas, deixando as duas juntas em uma casa de campo em Carriveau (uma cidade da França) para se virarem.

Essa parte da infância das meninas, é narrada através da memória de ambas ao longo da trama, porque a história se desenvolve com a Vianne já casada e morando sozinha com a filha e o marido (Anthony) em Carriveu. Esse último, foi convocado para guerra, o que acabou deixando Vianne e Sophie (a filha) sozinhas para lidarem com as consequências de uma guerra.

09/07/2016

[ TAG ] Titanic Book Tag

Oie!!!!
Quanto tempo faz que eu não posto um post de tag aqui heim? Não perguntem, pois nem eu sei. haha Então hoje resolvi que a hora chegou, vamos dar uma pausa hoje nas resenhas e vamos nos divertir com essa tag que leva o nome do meu filme da vida. 
Vi a tag no blog do meu amigo Marcio - Um baixinho nos Livros - E a tag foi criada pela ILikeBooks e traduzida pela portuguesa do Little House of books .

A Tag consiste em responder perguntas baseadas no filme lindo e maravilhoso de desidratar um ser humano de tanto chorar, com livros... Enfim, continue lendo que vocês vão entender.



1- Que série de livros você venderia para conseguir seu bilhete para o Titanic?
Eita que já começou lascando com minha vida.  Eu poderia responder a saga crepúsculo, mas foi atravez dela que me apaixonei pelo mundo literário, então com muita dor no coração eu venderia a série Beijada por um anjo ♥  (Só destaquei esses 4 volumes, pois não tenho os 2 ultimos, rsrs)

08/07/2016

[ RESENHA ] Doce Sonho Alado

Título: Doce Sonho Alado #1
Autora: Sheila Lima Wing
Páginas: 331
Editora: Independente
Estrelas: 3/5
Livro: Cedido pela autora - pdf
Um crime abala a cidade de Coronel Boaventura: um corpo é encontrado na Biblioteca Municipal (que, aliás, estava trancada pelo lado de dentro), vestido com roupas elegantes e segurando um livro chamado "O Mistério do Caso Boaventura". Espalha-se pela redondeza o boato de que o livro possa estar amaldiçoado pelo fantasma do fundador da cidade. Enquanto isso, Evangeline Maria Ayler – uma garota de onze anos – e sua amiga Hanna Auster passam a estudar num semi-internato particular, o Instituto Educacional A. W. Sigma. Ambas são garotas simples, moram numa favela, e precisam se desdobrar para se adaptar à nova vida entre os filhos da elite. Evangeline logo descobre que há um mistério envolvido nesse convite a estudar no Instituto: o diretor Último Wing, seu tio de consideração, possui questões mal resolvidas com a mãe da garota, parece ser o tipo de sujeito no qual não se pode depositar confiança. Durante o ano letivo Evangeline tenta resolver vários mistérios, como o caso da morte na biblioteca, um rosto que lhe espia das sombras, um garoto estranho e seu gato peludo; além de vários outros enigmas e questões comuns que fazem parte dos desafios de ser uma pré-adolescente; tudo isso com muita diversão e aventura.

Recentemente a Taty pediu que eu resenhasse o livro Doce Sonho Alado, de autoria da escritora Sheila Lima Wing, a qual agradeço a gentileza em responder minha mensagem no facebook e se mostrar à disposição para quaisquer dúvidas.

O livro conta história da Evangeline (Evie), uma adolescente de 11 anos que mora em uma periferia com a sua mãe e sua irmã e que recebe a oportunidade única de estudar em um prestigiado colégio particular, o Instituto Educacional A. W. Sigma, uma espécie de colégio interno, mas que permite aos seus alunos passarem algum tempo em suas casas em determinados períodos da semana. A Evie só conseguiu essa bolsa, devido ao fato do seu tio (Último – é assim que ele é chamado mesmo) coincidentemente ser o diretor da instituição e ter oferecido para ela a oportunidade de cursar todo o ensino fundamental no colégio, conjuntamente com a sua melhor amiga a Hanna.

"Pode haver no mundo algo mais belo e mais inconstante do que um sonho alado?”

A princípio a Evie não fica muito animada com a ideia, pois sendo uma mocinha mais tímida, ela tem medo de não se adaptar ao lugar e sem falar que estudar em um colégio interno é um pouco assustador. Bom, coincidentemente a Evie se dá super bem no colégio e faz alguns amigos (que são muitos) e são personagens muito interessantes e bem construídos. Bom, a partir daí a autora começa nos mostrar alguns sinais de mistério existente no livro, por exemplo, a mãe da Evangeline, a Aurora, não tem uma relação muito boa com o Último e isso é meio afeta até mesmo a Evie, que se vê hesitante na escola quando encontra ele ou mesmo quando é abordada pelo mesmo.

“Sonhos não se destroem por completo, de certa forma cada um estará eternamente unido ao seu dono, só é preciso que a pessoa tenha a legítima vontade de reavivá-lo”.

07/07/2016

[ RESENHA ] O Sol É Para Todos

Título: O Sol É Para Todos
Autora: Harper Lee
Páginas: 349
Editora: José Olympio
Estrelas: 5/5 

Considerado um dos romances norte-americanos mais importantes do século XX, O Sol É Para Todos surpreende pela atualidade de seu enredo e estilo. A lamentável permanência do tema, o racismo, percorre a narrativa de Scout, criança sensível, filha de advogado Atticus Finch, responsável pela defesa de um homem negro acusado de estuprar uma mulher branca em Maycomb, pequeno município do Alabama, no sul dos Estados Unidos, no início dos anos 1930.


Um livro que discute com clareza o racismo no Estados Unidos no século XX através dos olhos de uma criança chamada Scout Finch, ela tem apenas seus 9 anos de idade, mas é muito esperta com relação aos problemas da sociedade. A autora Harper Lee em "O Sol é Para Todos" foi de extrema maturidade ao abordar um assunto tão sensível e se você, assim como eu, gosta de temas polêmicos essa obra é um achado que merece estar na sua estante.

A família Finch composta por Atticus (pai e advogado), Jem (filho mais velho) e Scout (filha) vive em uma cidadezinha chamada Maycomb no sul do país. 


Para Scout e Jem a rotina era simples e leve, relativamente perfeita para uma criança. Com momentos acompanhados do amigo Dill em todas as férias de verão onde brincavam o dia todo e compartilhavam planos de descobrir o que acontecia na casa do vizinho da frente. Isso porque este vizinho conhecido na cidade como Boo Radley nunca foi visto e vive por ali com seus pais e irmão, isolado completamente do mundo, por conta desse isolamento os irmãos conjecturam maneiras de vê-lo e entender por quê ele vive trancafiado em casa nunca colocando o nariz para fora.

06/07/2016

[ LANÇAMENTOS ] Galera Record - julho



Um Mundo Melhor (Série Brilhantes #2) - Marcus Sakey
Pessoas com poderes especiais numa trama que envolve conspiração, política e terrorismo. O aguardado segundo volume da série Brilhantes. Nick Cooper lutou para que os brilhantes, parcela da população dotada de habilidades incomuns, fossem aceitos e integrados na sociedade até uma rede terrorista, liderada por brilhantes, atingir três cidades e deixar o país à beira de uma guerra civil. Cooper é brilhante e agora também consultor do presidente dos Estados Unidos, e contra tudo o que os terroristas representam. Porém, conforme o país descamba para o caos, ele se vê forçado a participar de um jogo que não aceita perdedores, pois seus oponentes têm uma visão particular de um mundo melhor.




Noites Roubadas (Série Dias Infinitos #2) - Rebecca Maizel
Um novo ano começa no Internato Wickham. Uma nova chance para a vida, para redimir o mal em meu passado... Mas as coisas não são tão simples como parecem... No ano anterior, o grande amor da vida de Lenah Beaudonte morreu ao conduzir um ritual para torná-la humana outra vez. Agora, ela executou uma cerimônia idêntica para o amigo Vicken, sem nenhuma consequência drástica para nenhum dos dois. A poderosa mágica usada no culto fez mais que tornar Vicken humano. Ela atraiu alguém a Lover’s Bay... Alguém que não pertence à pequena e charmosa cidade. Ela quer o ritual; quer Lenah morta. E irá matar os amigos de Lenah um a um, até que a ex-vampira lhe entregue a fórmula. Como se não bastasse, o ritual também despertou a ira dos Aeris, os quatro elementos e mais fundamentais poderes da Terra. O resultado é uma punição capaz de esmagar o coração de Lenah... Ela deve fazer uma impossível escolha: amor ou vida; presente ou passado; anseio ou realidade.

05/07/2016

[ LANÇAMENTOS ] Arqueiro e Sextante - Julho




Meu Eterno Namorado (Trilogia A Pousada #2) - Nora Roberts
Tudo o que acontece na vida de Owen Montgomery é meticulosamente organizado em uma planilha ou lista de tarefas. No trabalho não é diferente, e é graças a sua obsessão por ordem que a Pousada Boonsboro está prestes a ser inaugurada – dentro do cronograma.
A única coisa que Owen jamais previu foi o efeito que Avery MacTavish, proprietária da pizzaria em frente à pousada, teria sobre ele.
Os dois foram namorados de infância, e desde então tinham estado bem distantes dos pensamentos um do outro. O desejo que começa a surgir entre eles, porém, não tem nada de inocente e é impossível de ignorar.
Enquanto Owen e Avery decidem se render à paixão e levar seu relacionamento a um nível mais sério, a inauguração da pousada se aproxima. Mas quando os traumas do passado de Avery batem à porta e a impedem de se entregar, Owen sabe que seu trabalho está longe de terminar. Agora ele precisa convencê-la a baixar a guarda e perceber que aquele que foi seu primeiro amor pode também ser seu eterno namorado.


Outlander : A Viagem do Tempo - Diana Gabaldon
Em 1945, no final da Segunda Guerra Mundial, a enfermeira Claire Randall volta para os braços do marido, com quem desfruta uma segunda lua de mel em Inverness, nas Ilhas Britânicas. Durante a viagem, ela é atraída para um antigo círculo de pedras, no qual testemunha rituais misteriosos. Dias depois, quando resolve retornar ao local, algo inexplicável acontece: de repente se vê no ano de 1743, numa Escócia violenta e dominada por clãs guerreiros.
Tão logo percebe que foi arrastada para o passado por forças que não compreende, Claire precisa enfrentar intrigas e perigos que podem ameaçar a sua vida e partir o seu coração. Ao conhecer Jamie, um jovem guerreiro das Terras Altas, sente-se cada vez mais dividida entre a fidelidade ao marido e o desejo pelo escocês. Será ela capaz de resistir a uma paixão arrebatadora e regressar ao presente?

04/07/2016

[ RESENHA ] Diários de Extermínio - A Guardiã #1

Título: Diários de Extermínio - A Guardiã #1
Autor: Braian Peruzzo
Páginas: 212
Editora: Arwen
Estrelas: 3/5
Livro: Cedido pelo autor – pdf
Sinopse: DESCUBRA, SOBREVIVA E DESEJE. O crepúsculo de todas as batalhas se dá nos momentos mais tenebrosos que existem. Assim como as noites mais obscuras, o mundo é um lugar sombrio, cheio de segredos. Quando o universo estava afundando em seu momento de maior lástima, os Guardiões surgiram para trazer o alvorecer, a luz e a paz de volta ao universo, ao nosso mundo e à Terra. Meu planeta natal, Zodark, foi destruído pela ganância de meu povo, e a Terra está prestes a ser destruída também, pelo mesmo motivo. Mas eu não permitirei. Meu nome é Lilian Moore, eu sou uma Guardiã, a que salvará a Terra e Zodark. Pelo menos é isso que eu espero! A Guardiã traz uma história épica, cheia de ação, aventura e ficção. Uma distopia feita para agradar a todos os públicos.


Olá Pessoal,

Hoje eu trago a vocês a resenha de exemplar de ficção científica, escrito pelo autor brasileiro Braian Peruzzo, que nos apresenta um universo espetacular, com direito a um certo suspense e até mesmo cenas de ação.

O livro conta a história da Lilian Moore, uma jovem que perdeu os pais em um acidente de carro e desde então viveu em um orfanato até atingir a maioridade. Após sair da instituição, a Lily sente o gosto da liberdade e da independência, se matriculando em curso universitário no Rio de Janeiro, fazendo suas próprias compras e até mesmo alugando um apartamento, tudo isso graças a uma quantia deixada por seus pais.

Bom, tudo parecia estar dando certo na vida dela. No primeiro dia de aula, ela conhece um jovem chamado Douglas, que se torna seu amigo e posteriormente ela acaba se apaixonando por ele e resolve convida-lo para jantar. E bom é exatamente aí que nos surpreendemos com o curso da história. Quando a Lilian encontra o Douglas no apartamento dele, ela demonstra o seu interesse e acaba sendo surpreendida com um jantar na cobertura do prédio. O que ela não esperava, no entanto, é ser empurrada da varanda rumo a uma morte certa.

Mas o que parecia que iria acabar com a vida da personagem, surpreende a nós e a ela mesmo, quando desejando viver, ela acaba retornando sã e salva para o prédio e não sofre nenhuma lesão. Após isso, ela fica muito intrigada pensando ter alucinado, pois foi tudo muito rápido. A prova de que tudo foi real, acontece quando o Douglas, que na verdade é uma mulher chamada Patrícia, retira todo o seu disfarce e aplica na Lily (que não desistiu sem lutar) um sonífero de coloração estranha e com isso a Lily se vê em um limbo de remédios e vozes ao seu redor.


© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo