26/09/2017

24 [ RESENHA ] O Adulto


Título: O Adulto
Autora: Gillian Flynn
Editora: Intrínseca
Páginas: 64
Estrelas: 4/5
Uma mulher é promovida da parte de trás da loja de leituras de áurea e videntes e agora atua diretamente com os clientes usuais. Ela já está acostumada em observar o comportamento humano, conhecer seu público e realizar suas pequenas fraudes. Foi assim que ela viveu a vida toda. Ela sabe dizer às pessoas exatamente aquilo que elas querem ouvir. Em uma das suas sessões ela atende Susan Baker. Susan é como várias outras clientes: rica e infeliz. Ela acredita que há algo de errado com seu enteado e com a casa para qual se mudou há pouco tempo. Sem perder tempo, a jovem """sensitiva""" tenta tirar proveito da situação e oferece seus serviços para curar o que houver na casa. Mas o convívio com a família e com o local vão provar que existe muito mais do que se acreditava e ela pode estar em perigo.

A narrativa se inicia explicando o trabalho pouco convencional da nossa protagonista. Outra coisa pouco comum é que ela não tem um nome ou descrição detalhada sobre si, então você terá que recorrer a imaginação. Ela conta como desde criança, ela e a mãe, enganavam as pessoas para viver. Elas não eram miseráveis, nem nada, apenas queriam o modo fácil. E assim ela vive até chegar no presente da história.

Susan Baker chega preocupada com sua família e desesperada por respostas e soluções. Assim ela adentra a vida de Susan e sua casa. Lá, ela conhece Miles, o enteado adolescente de Susan. Desde o começo ele se mostra um garoto estranho, sarcástico e cínico. Ele sempre parece prestes a fazer algo e tenta avisá-la para deixar a casa antes que seja tarde demais.  Com os acontecimentos macabros a sua volta, ela percebe que talvez tenha mesmo se envolvido em um problema de proporções desconhecidas.

“ – Eu espero que você vá embora e não volte mais. Para seu próprio bem – disse ele, sorrindo para nós duas.” 


Gillian Flynn é a autora por trás de Garota Exemplar. É uma das mentes mais geniais do gênero thriller psicológico. Eu posso ser suspeita para falar, porque ela é uma dos meus TOP 3 autores, mas quem já leu alguma de suas obras vai concordar como suas histórias criam um ambiente de tensão que torna quase impossível soltar o livro. Em O Adulto só temos 64 páginas já que o livro é apenas um conto que fez parte de outro livro, a antologia Rogues.  A autora fez especialmente à  pedido de George R.R. Martin (que vocês conhecem bem demais). Então vocês já podem esperar algo de muito bom gosto.

Não vou me estender muito porque, como é um conto, não posso entregar muita coisa. Mas ele não deixa nada a desejar. Gillian consegue manter aquele suspense, fazer você ficar nervosa pelos personagens e desconfiada de qualquer ação. Os personagens mais interessantes são a protagonista e Miles. Esse garoto é realmente difícil de decifrar. O conto dá uma sensação de aflição com reviravoltas à mil.

No geral, é um conto muito bem escrito, mas não é a melhor obra da autora. A transformação dele em livro foi claramente um marketing pela força do nome de Flynn. É uma leitura bastante rápida e fluida. Se você ainda não conhece o trabalho da autora esse pode ser um bom começo, e se você já conhece eu recomendaria lê-lo no livro original com os outros contos. No fim, ninguém sai perdendo, pelo menos nenhum de nós leitores.

“Empurrei a cômoda até a porta. Absolutamente nada com que me preocupar”


24 comentários via Blogger
comentários via Facebook

24 comentários:

  1. Só pela sinopse, consegui perceber que é um mega suspense, sua resenha só me incentivou a pensar que realmente preciso ler essa belezinha, adulto parece ser aquele tipo de livro que nos prende em todos os momentos até chegar ao desejado desfecho.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Com certeza é um livro que te prende até o final! Se gosta do gênero, super recomendo. Beijos.

      Excluir
  2. Nossa, sua resenha me deixou com MUITA vontade de ler esse livro/conto. Parece ser mesmo um livro de deixar a gente bem fissurado, acho que vou gostar. Dica anotada!

    Beijinhos,
    http://literaleitura2013.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Realmente espero que aproveite a leitura.
      Beijos

      Excluir
  3. Oiê!!
    Não tinha visto ninguém falando sobre esse conto ainda, mas isso é normal para mim porque não gosto muito da escrita dessa autora =(
    Tentei ler Garota Exemplar e parei na metade porque achei muito chato, por isso decidi não ler mais nada dela.
    Com sua resenha percebi algo que me incomodou em Garota Exemplar: parece que as motivações das personagens dessa autora são sempre egoístas, né? No geral a galera não tem problemas de verdade e adentra um caminho escuso porque quer, sei lá, isso não me inspira muita simpatia pela leitura =(
    Bjss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. No geral, sempre tem algum personagem sombrio que simplesmente tem a natureza má. Mas acho que esse é um ponto que a autora realmente quer mostrar e ela fez isso de maneira genial. Quanto à Garota Exemplar, eu recomendaria dar mais uma chance e tentar terminá-lo. Pode ser uma boa surpresa.
      Beijos

      Excluir
  4. Não conhecia esse conto, mas já amei! Amo a escrita dessa autora!!! Lerei com certeza!

    bjs
    www.livrosdabeta.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também sou apaixonada pela escrita de Flynn. Espero que aproveite o conto..
      Beijos

      Excluir
  5. Eu gostei da premissa do conto e achei a sua resenha bem detalhada, fiquei curiosa para poder ler também. Acho que a leitura me agradaria bastante. Ah, gostei das fotos, beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Beatriz! Espero que tenha a oportunidade de ler.
      Beijos

      Excluir
  6. Oi Thais, conheço o conto, mas não o li, aliás, não li nada da autora. É complicado mesmo falar de contos, mas você foi bem e fiquei curiosa.
    Bjs, Rose

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Como fã, posso ser suspeita, mas realmente indico muito os livros dela se você gosta de suspense, thriller, reviravoltas e personagens complexos.
      Beijos

      Excluir
  7. Não conhecia este livro, já li várias resenhas da autora, mas não o motivo pelo qual eu nunca me senti atraída a ler os livros dela. Não sou muito de conto e quando você diz no final da sua resenha sobre sua percepção de jogada de marketing de transforma-lo em um livro, possivelmente, para vender muito pelo nome já muito conhecido da autora, já tiro meu time de campo pq acho estas jogadas de uma sacanagem enorme.

    Bjo
    Tânia Bueno

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dependendo do seu gosto literário, talvez o gênero dela não caia bem. Mas se gostaria de um bom livro dela, Garota Exemplar é um bom começo e já tem o filme (com a atriz indicada ao Oscar) ou Objetos Cortantes que vai virar série com Amy Adams.
      Beijos

      Excluir
  8. Eu li Garota Exemplar e apesar de ter gostado, não é um gênero que costumo procurar para ler.
    Beijos
    Mari
    Pequenos Retalhos

    ResponderExcluir
  9. Olá!!!

    Esse não é meu gênero de leitura preferido, na verdade até evito, mas de um tempo para cá tenho sentido vontade de ler algo desse gênero e acho que por ser uma obra com poucas páginas possa ser um bom começo. Obrigada pela dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Olá!

    Morro de vontade de ler algo da Gillian, mas as opiniões são tão opostas, enfim, que bom que você curtiu a obra, se foi pedida por Martin, então é um texto de alto nível. Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  11. Oiii!

    Menina, não me mate, mas não consegui ler até hoje nada da autora... Tudo isso porque eu não consegui me guiar em sua escrita, uma pena... Gostei bastante de conhecer um pouco mais do conto e fiquei impressionada que foi um pedido tão especial para dar vida a ele.
    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  12. Olá. Eu sempre vejo essa livro à venda mas não sabia se tratar de um conto. Acho um pouco forçado mesmo querer lucrar com um único conto no formato livro. Se ainda fosse e-book por um preço menor... Mas enfim, nunca li nada da autora, mas só ouço elogios sobre ela. Acredito sim que seja um bom trabalho mesmo. Beijos.

    ResponderExcluir
  13. Oiee, já li um livro dessa autora e gostei muito da escrita, espero poder ler esse também, sua resenha me deixou super curiosa!

    obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  14. Opaaaa, conseguiu me deixar ansiosa para ler este conto.
    Amo um bom suspense, mas admito que teria mantido distância deste por ser um conto, sou do time que prefere histórias longas, porém sua resenha me mostrou que não é preciso muitas páginas para a autora mostrar que é muito boa no que faz.

    ResponderExcluir
  15. Oi, tudo bem?
    Tinha visto a capa em algum lugar mas não sabia que se tratava de um conto. Gostei da premissa e espero ler um dia.
    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem? Teve um tempo que quis ler Garota exemplar, mas, com o filme, a vontade passou. Sei que é uma autora bastante aclamada, mas não tenho interesse no gênero. Até me chama atenção, mas não mantém meu interesse, sabe? Gostei da sua resenha e do que você diz sobre as recomendações, mas não me fez querer ler :/

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  17. Nunca li nada da autora, mas essa resenha me convenceu que já passou da hora. rs. Fiquei super curiosa para saber mais sobre Miles. Esses personagens assim me deixam bem intrigada. Fiquei em dúvida sobre o gênero da obra. Você disse na resenha que a autora é rainha dos Thrillers psicológicos, mas fiquei na dúvida se é horror, terror... Deve ser um conto interessante e super rápido de ler, mas se é melhor ler o livro com os outros contos, vou anotar a dica. Amei conhecer esse conto. *-* Um beijo e sucesso sempre.

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ 2018 - Todos os direitos reservados ♥ imagem-logo