31/01/2017

[ LANÇAMENTOS ] Arqueiro - Fevereiro 2017

Olá amados leitores!!! 


Preparem o coração, pois os lançamentos desse mês estão imperdíveis. São tantos lançamentos que dessa vez o post é totalmente especial para a editora arqueiro. 



Durante uma viagem de fim de semana, a filha mais nova de Mack Allen Phillips é raptada e evidências de que ela foi brutalmente assassinada são encontradas numa velha cabana. Após quatro anos vivendo numa tristeza profunda causada pela culpa e pela saudade da menina, Mack recebe um estranho bilhete, aparentemente escrito por Deus, convidando-o a voltar à cabana onde acontecera a tragédia. Apesar de desconfiado, ele vai ao cenário de seu mais terrível pesadelo. Mas o que ele encontra lá muda o seu destino para sempre. Em um mundo cruel e injusto, A cabana levanta um questionamento atemporal: se Deus é tão poderoso, por que não faz nada para amenizar nosso sofrimento? As respostas que Mack encontra vão surpreender você e podem transformar sua vida de maneira tão profunda quanto transformaram a dele.



“Não sou nada especial; disso estou certo. Sou um homem comum, com pensamentos comuns e vivi uma vida comum. Não há monumentos dedicados a mim, e o meu nome em breve será esquecido, mas amei outra pessoa com toda a minha alma e coração e, para mim, isso sempre bastou.” Assim começa uma das mais emocionantes e intensas histórias de amor que você lerá na vida. Em outubro de 1946, dois jovens, Noah Calhoun e Allison Nelson, se conhecem e se apaixonam perdidamente. Tudo parece perfeito, até que a família de Allie a impede de continuar a vê-lo devido a enorme diferença de classe social entre os jovens. Allie e Noah lutam para levar uma vida normal, mesmo estando distantes. Até que um artigo de jornal muda tudo e reacende um amor há 14 anos adormecido. O livro é o retrato de uma relação rara e bela, que resistiu ao teste do tempo e das circunstâncias.

30/01/2017

[ RESENHA ] A Bela e o Ferreiro

Título: A Bela e o Ferreiro #3.5
Série:  Spindle Cove
Autora: Tessa Dare
Páginas: 144
Editora: Gutenberg
Estrelas: 5/5 <3

Diana Highwood estava destinada a ter um casamento perfeito, digno de flores, seda, ouro e, no mínimo, com um duque ou um marquês. Isso era o que sua mãe, a Sra. Highwood, declarava, planejando toda a vida da filha com base na certeza de que ela conquistaria o coração de um nobre. Entretanto, o amor encontra Diana no local mais inesperado. Não nos bailes de debute em Londres, ou em carruagens, castelos e vales verdejantes O homem por quem ela se apaixona é forte como ferro, belo como ouro e quente como brasa. E está em uma ferraria. Envolvida em uma paixão proibida, a doce e frágil Diana está disposta a abandonar todas as suas chances de um casamento aristocrático para viver esse grande amor com Aaron Dawes e, finalmente, ter uma vida livre! Livre para fazer suas próprias escolhas e parar de viver sob a sombra dos desejos de sua mãe. Há, enfim, uma fagulha de esperança para uma vida plena e feliz. Mas serão um pobre ferreiro e sua forja o felizes para sempre de uma mulher que poderia ter qualquer coisa? Será que ambos estarão dispostos a arriscar tudo pelo amor e o desejo?


Em um spin off da série intitulada do mesmo nome, iremos nos deparar com Diana Highwood, uma jovem de 23 anos querendo tomar suas próprias decisões. Após suas crises de asmas terem a deixado por um tempo, ela se sente saudável como nunca, e por isso acha que está apta para tomar suas decisões e ir contra a opinião de sua mãe. E a primeira coisa que ela quer independente, é tentar ir atrás da paixão que sente pelo Aaron Dawes, o ferreiro da cidade. Só que essa decisão, vai completamente oposta do que a mãe sempre quis na vida dela: se casar com alguém da aristocracia.

A Bela e o Ferreiro é um livro bem curtinho de romance de época — em torno de 140 páginas — onde podemos matar a saudade da cidade e de aprofundarmos mais na irmã do meio da Minerva — protagonista do 2° livro. Com uma escrita fluida, vamos voltar a ver uma personagem que até então não possuía destaque em nada. Sempre fazendo a vontade da mãe, Diana era ofuscada pelas suas irmãs no quesito personalidade.



Foi uma surpresa boa e divertida vê-la rebelando-se contra isso e fazendo suas vontades. O ápice disso é uma cena na taberna onde ela é acusada de roubo e situações bem atrapalhadas acontece. Não contarei mais porque vocês precisam ler, contudo garanto altas gargalhadas.

Também gostei demais da personalidade da caçula da família, Charlotte, que em todo momento ajudava a sua irmã até onde podia. Tem uma cena que ela faz com o ferreiro que você fica emocionada pelo carinho que uma sente pela outra.

27/01/2017

[ RESENHA ] Tropicorientao

Título: Tropicorientao
Autor: Nelson Capucho
Editora: Atrito Art Editorial
Páginas: 99
Estrelas: 5/5

Nelson Capucho é um respeitável experimentador. Já nos brindou com os lisérgicos versos da juventude, as viagens lúdicas do homem/menioe, recentemente, produziu uma safra de poemas realistas, alguns deles publicados com exclusividade pela revista Coyote. Em seu novo livro, Capucho faz uma espécie de homenagem tropicalista aos imigrantes japoneses. Aqui, o leitor encontrará um armazém de sutilezas. Há versos inspirados no I-Ching e no Zen-Budismo, hai-kais surpreendentes e alguns “bonsais” (micropoemas). Tropicorientao certamente proporcionará prazer a todos que sabem apreciar a arte da Poesia.



Olá, caros leitores!

Gosto muito de poemas, por isso fiquei muito feliz ao ganhar este livro. Foi bastante surpreendente, pois pude recebê-lo das mãos do autor, mas não foi por meio de uma parceria. Em um trabalho que fiz para a faculdade, precisei encontrá-lo e entrevistá-lo, o que fez com que ele percebesse meu interesse em seu trabalho e resolvesse me dar um de seus livros. Portanto, não estou escrevendo esta resenha por motivo de parceria, mas porque realmente gostei muito do trabalho do Capucho. Além disso, essa experiência acabou me servindo para estar mais aberta a ler livros de autores que moram na mesma cidade em que eu moro, afinal percebi que podem haver grandes escritores muito próximos de você sem que você saiba disso.


Este livro é composto por pequenos poemas, que raramente apresentam rimas, mas são capazes de envolver o leitor em um ambiente muito visual. E quando digo “ambiente visual”, não estou dizendo que o livro traz ilustrações, mas que as palavras empregadas nos poemas são constantemente objetos, animais ou cenários que são visíveis ao ser humano. O uso de termos que indicam emoções não é muito grande, mas é incrível o fato de que é possível captar os sentimentos de cada poema apenas imaginando a cena que o autor descreve neles.

“Vento no varal.
A lua filma meu quimono
abraçado ao seu vestido.” (pág. 66)

26/01/2017

[ RESENHA ] O Estranho Caso do Sono Perdido

Título: O Estranho caso do Sono Perdido
Autora: Míriam Leitão
Páginas: 36
Editora: Rocco Pequenos Leitores
Estrelas: 5/5
Uma das jornalistas mais conhecidas e respeitadas do país, Míriam Leitão segue exercitando sua faceta de ficcionista e contadora de histórias para crianças. Em O estranho caso do sono perdido, seu quarto livro infantil pela Rocco, ela narra a aventura de uma menina e sua avó que não consegue dormir. Disposta a ajudá-la a encontrar seu sono – perdido em meio a uma rotina agitada de viagens, compromissos e reuniões –, a menina convida a avó para embarcar numa viagem pelo mundo dos sonos, que deve ficar em algum lugar dentro da imaginação. Mas assim como a capacidade de dormir, a avó perdeu sua imaginação faz tempo! Resta a ela dar as mãos à neta e se deixar levar. E o que elas descobrirão no mundo dos sonos, e dos sonhos, ficará para sempre em seus corações, dia e noite.

Esse é simplesmente o livro infantil mais fofo que já li. Uma história muito bem bolada. Encontramos a história de uma menina e sua avó (uma mulher com uma vida profissional muito agitada) que acabara de chegar para passar uma noite com a neta, mas já pronta para dormir ela percebe que seus remédios para dormir não estão na mala e a menina acha aquilo muito estranho, e pergunta a avó por que ela não pode dormir com o próprio sono e sua avó diz que ele a abandonou.


A menina ficou inconformada logo procura uma forma de ajudar sua amada avó a buscar seu sono definitivamente e a única maneira era indo no mundo dos sonhos que logicamente estava na imaginação. Então a menina encontra outro problema, pois a avó diz que sua imaginação também foi embora a muito tempo, então a menina propões leva-la na sua imaginação até o mundo dos sonhos. 

25/01/2017

[ LANÇAMENTOS ] Sextante - Fevereiro 2017



A Dieta Espiritual - Allan Percy
A dieta espiritual é um guia prático para nos ajudar a eliminar os hábitos e comportamentos que roubam a leveza do dia a dia. Neste livro, Allan Percy apresenta as 24 causas mais comuns da infelicidade humana e mostra como nos livrar delas, uma a uma, semanalmente. Do estresse ao rancor, do medo à impaciência, do perfeccionismo à hostilidade, cada capítulo aborda um tema, a partir de um exemplo simples do cotidiano. Em seguida, os melhores “nutricionistas espirituais” de cada assunto mostram como aquele comportamento afeta nossa saúde, nossa alegria e nosso bem-estar. Organizado como uma dieta com metas semanais, este livro tem como missão reduzir as medidas da infelicidade e da angústia, sentimentos que se instalam quando perpetuamos hábitos emocionalmente nocivos.


A Cabana: Um Guia de Estudos - Brad Robison e William P. Young
Baseado no best-seller A cabana, mais de 4 milhões de exemplares vendidos no Brasil. Com sua mensagem de esperança e fé, A cabana inspirou milhões de pessoas no mundo, alcançando a marca de 20 milhões de livros vendidos. Agora, numa parceria com o psiquiatra Brad Robison, William P. Young criou um guia de estudos para quem deseja um encontro cara a cara com Deus. A partir de trechos originais de A cabana, os autores propõem reflexões instigantes, que nos fazem questionar o sentido da existência e nos deixam mais perto das respostas aos maiores desafios da vida. Este livro é um recurso indispensável para quem quer encontrar a própria coragem e enfrentar as provações do mundo. Ao ler este livro você vai poder refletir sobre os trechos mais inspiradores de A cabana e buscar as próprias respostas aos seus questionamentos espirituais.

24/01/2017

[ RESENHA + ENTREVISTA ] 2000 Milhas a Oeste


Título: 2000 Milhas a Oeste
Autora: M. Csartan
Páginas:334
Editora: Young Editorial
Estrelas: 3.8/5
Por que você deveria levar esse livro pra casa? Bem, se você gosta de seriados, boa notícia: ele é escrito em episódios, não em capítulos, o que te obrigará a fazer aquela maratona. E isso aqui pode até parecer mais uma daquelas histórias sobre uma adolescente em um novo lar, mas se você olhar de perto... Ora, tem eu! O que falar sobre mim? Certo. Eu sou realmente boa em me meter em problemas, especialmente os que não têm nada a ver comigo. Mas falar sobre mim... Quero dizer, tudo bem, 16 anos, geminiana, acho a Califórnia uma droga (é ensolarada demais pra minha pele de lagartixa!), um pouco encrenqueira, talvez meio rabugenta... Okay, isso não esta funcionando. Também tem essa japa realmente incrível que é minha melhor amiga, Angie Urashima, que o que tem de rica, tem de absurda (o que me coloca em pelo menos 3 confusões por dia); tem o Dexter, aquele típico nerd de estimação que no fundo é o homem dos sonhos e que toda garota gostaria de descobrir na escola; tem os meus inimigos mortais: Samantha (aquela bruxa) e os gêmeos Fanning, totalmente encapetados, mas que até que são meio gatos (ok, risque isso, que vergonha) e vocês vão odiar amar. Tem várias pessoas legais (e mais um cara muito gostoso – eu não deveria estar dizendo isso também); e outras que precisam levar uns chutes! Se depois de tudo isso você ainda não se convenceu… Então, quem não quer que você leia esse livro sou eu!


Lembra de séries como The OC, One Three Hill e Gossip Girl e de como ansiávamos por mais episódio? Então, foi inspirada nessa paixão que a autora M. CSartan escreveu 2000 Milhas a Oeste. O primeiro livro é do episódio 1 ao 6, mas não se enganem: muita água vai rolar e os eventos diversos acontecem como nas séries, não se prolongam demais, assim ficamos sempre ansiosos pela próxima aventura da protagonista e seu amigos.



A motivação para comprar e ler esse livro vieram da capa, da sinopse e do local onde é ambientada: a minha tão sonhada Califórnia.


Apresentações feitas, vamos falar da história?

“Apesar de tão parecidos, eu não conseguia mais imitar a alegria e a jovialidade dele. Meu pai era, no final das contas, meu melhor amigo, e por mais que doesse reconhecer, eu estava feliz por suas vitórias. Ainda que significasse minha derrota absoluta.”

21/01/2017

[ RESENHA ] A Menina Feita de Espinhos


Título: A Menina Feita de Espinhos
Autor: Fabiane Ribeiro
Páginas: 352
Editora: Universo dos Livros
Estrelas: 5/5
A incrível história de uma menina com uma deformidade no corpo, que faz com que ela seja considerada uma aberração por aqueles que só se preocupam com a imagem. Vivendo escondida do mundo, ela encontra o amor onde menos esperava.




Encontramos aqui uma história cheia de aprendizados e uma lição de vida encantadora. 

Kat nasceu com espinhos venenosos e durante seu nascimento sua mãe morreu devido ao veneno desses espinhos. Ela cresce isolada do mundo, por causa do preconceito Kat e seu pai são obrigado a se mudar para um lugar afastado da cidade, mas nem isso é capaz de proteger Kat. 

Até mesmo as crianças a maltratam, ela é agredida tanto de forma verbal quanto de forma física por causa da sua aparência, nada bonita devido aos espinhos que cobrem todo o seu corpo. 

Durante toda a sua vida Kat consegue fazer apenas um amigo, mas mais uma vez seu coração volta a ser machucado quando esse amigo sofre sem dar noticias.

Em meio a tanto sofrimento ela sempre teve o amor e o carinho do seu pai, mas nem mesmo isso era o suficiente para amenizar a dor física que seus espinhos lhe causavam e a dor emocional causada pelo preconceito das pessoas. Ainda assim, Kat continua sendo uma boa menina, carinhosa e adorável.

20/01/2017

[ RESENHA ] O Cavaleiro dos Sete Reinos

Livro: O Cavaleiro dos Sete Reinos
Autor: George R. R. Martin
Páginas: 416
Editora: Editora Leya
Estrelas: 5/5
Duzentos anos após a Conquista, a dinastia Targaryen vive seu auge. Os Sete Reinos de Westeros atravessam um tempo de relativa paz, nos últimos anos do reinado do Bom Rei Daeron.
É neste cenário que Dunk, um menino pobre da Baixada das Pulgas, tem uma chance única: deixar a vida miserável em Porto Real para se tornar escudeiro de um cavaleiro andante. Quando adulto, o cavaleiro morre e Dunk decide tomar seu lugar e fazer fama no torneio de Campina de Vaufreixo.
É quando conhece Egg, um menino de dez anos, cabeça totalmente raspada, que é muito mais do que aparenta ser. Dunk aceita Egg como seu escudeiro e, juntos, viajam por Westeros em busca de trabalho e aventuras. Uma grande amizade nasce entre eles – uma amizade pela vida toda, mesmo quando, anos mais tarde, os dois personagens assumem papéis centrais na estrutura de poder dos Sete Reinos.
As aventuras de Dunk e Egg trazem para os fãs de As Crônicas de Gelo e Fogo a oportunidade única de vivenciar outro momento da história de Westeros, de conhecer e analisar fatos que teriam desdobramentos noventa anos depois, na guerra dos tronos.

Olá leitores!

Hoje trago a resenha desse livro incrível cujo gênero é fantasia épica (ou simplesmente história medieval), escrito pelo condecorado e brilhante autor George R. R. Martin.

“Uma estrela cadente traz sorte para quem a vê, Duck pensou. Mas aos demais estão nos pavilhões agora, encarando a seda em vez do céu. Então a sorte é só minha.”

Por onde começar... O Cavaleiro dos Sete Reinos é um livro que reúne três contos que acontecem 90 anos antes de A Guerra dos Tronos, que é o primeiro volume da série As Crônicas de Gelo e Fogo. E através da HBO, recebeu uma adaptação de série de TV chamada Game of Thrones.

Nesse livro é narrada a história de Duck, um garoto pobre que cresceu na Baixada das Pulgas, em Porto Real, mas que deixou essa vida miserável ao se tornar escudeiro do cavaleiro andante, Sor Arlan de Centarbor.

19/01/2017

[ LANÇAMENTOS ] Arqueiro e Sextante - Janeiro



ninfeias_negras_1480518887631760sk1480518887b
Giverny é uma cidadezinha mundialmente conhecida, que atrai multidões de turistas todos os anos. Afinal, Claude Monet, um dos maiores nomes do Impressionismo, a imortalizou em seus quadros, com seus jardins, a ponte japonesa e as ninfeias no laguinho.É nesse cenário que um respeitado médico é encontrado morto, e os investigadores encarregados do crime se veem enredados numa trama em que nada é o que parece à primeira vista. Como numa tela impressionista, as pinceladas da narrativa se confundem para, enfim, darem forma a uma história envolvente de morte e mistério em que cada personagem é um enigma à parte – principalmente as protagonistas.Três mulheres intensas, ligadas pelo mistério. Uma menina prodígio de 11 anos que sonha ser uma grande pintora. A professora da única escola local, que deseja uma paixão verdadeira e vida nova, mas está presa num casamento sem amor. E, no centro de tudo, uma senhora idosa que observa o mundo do alto de sua janela.



meio_mundo_1480994702633230sk1480994702b
Os tolos alardeiam o que vão fazer. Os heróis fazem.
Thorn Bathu não é uma garota comum. Mesmo tendo sido criada numa sociedade machista, ela vive para lutar e treina arduamente há anos. Porém, após uma fatalidade, ela é declarada assassina pelo mesmo mestre de armas que deveria prepará-la para as batalhas.
Para fugir à sentença de morte, Thorn se vê obrigada a participar de um esquema do ardiloso pai Yarvi, ministro de Gettland. Ao lado dela se encontra Brand, um guerreiro que odeia matar, mas encara a jornada como uma chance de sustentar a irmã e conquistar o respeito de seu povo.
A missão dos dois é cruzar meio mundo a bordo de um navio e buscar aliados contra o Rei Supremo, que pretende subjugar todo o Mar Despedaçado. É uma viagem desafiadora, em que Brand precisa provar seu valor e Thorn fará o necessário para honrar a memória do pai e se tornar uma verdadeira guerreira.
Guiando os personagens por caminhos tortuosos em busca de amadurecimento e redenção, Joe Abercrombie mais uma vez nos maravilha com uma história grandiosa, que se sustenta sozinha por seu vigor, mas também dá continuidade à saga de Gettland e Yarvi. Finalista do prêmio Locus, Meio Mundo deixará o leitor na expectativa do desfecho desta série épica.


18/01/2017

[ SORTEIO ] O Placebo Junkies

Olá pessoal!
A editora Rocco maravilhosa está disponibilizando o livro O Placebo Junkies para ser sorteado aqui no CL e tenho certeza que vocês vão curtir esse livro maravilhoso. Vamos participar do sorteio?


REGRAS: 
Para participar é mega fácil, só tem duas entradas obrigatórias, que são as primeiras e o restante é extra (o que significa que você vai ter mais chances de ganhar!)

a Rafflecopter giveaway


17/01/2017

NOTA

Olá meus queridos.

O blog ficou parado por alguns dias e queria explicar o motivo.

Minha internet ficou bugada por uma semana e só agora está começando a entrar nos eixos. Amanhã os posts seguem normalmente por aqui. 

Obrigada pela atenção!

12/01/2017

[ LANÇAMENTOS ] Rocco - Janeiro




Num planeta em guerra, numa galáxia em que quase todos os seres estão conectados por uma energia misteriosa chamada “a corrente” e cada pessoa possui um dom que lhe confere poderes e limitações, Cyra Noavek e Akos Kereseth são dois jovens de origens distintas cujos destinos se cruzam de forma decisiva. Obrigados a lidar com o ódio entre suas nações, seus preconceitos e visões de mundo, eles podem ser a salvação ou a ruína não só um do outro, mas de toda uma galáxia. Primeiro de uma série de fantasia e ficção científica, Crave a marca é aguardado novo livro da autora da série Divergente, Veronica Roth, que terá lançamento simultâneo em mais de 30 países em 17 de janeiro, e surpreenderá não só os fãs da escritora, mas também de clássicos sci-fi como Star Wars.



Cinco mulheres e um homem se reúnem para debater as obras de Jane Austen na Califórnia do início dos anos 2000 e acabam descobrindo, entre casamentos frustrados, arranjos sociais e afetivos, que suas vivências não são assim tão diferentes das experimentadas por Emma ou outras personagens da escritora britânica que tão bem descreveu a sociedade de sua época, dois séculos atrás. No livro, que figurou na lista do mais vendidos do The New York Times e deu origem ao filme homônimo estrelado por Kathy Baker e Emily Blunt, a premiada escritora norte-americana Karen Joy Fowler disseca as relações contemporâneas com acuidade, humor e ironia dignos da autora de Orgulho e preconceito e outras obras que continuam fascinando leitores de todas as idades. Uma homenagem a uma das maiores escritoras da língua inglesa e uma deliciosa comédia de costumes dos nossos tempos.O livro é uma excelente porta de entrada para a obra de Jane Austen e agrada em cheio também aos já fãs da autora.

10/01/2017

[ RESENHA ] Uma Fada veio me Visitar

Livro: Uma Fada veio me Visitar
Autor: Thalita Rebouças
Páginas: 141
Editora: Editora Rocco
Estrelas: 3/5
Livro: Cedido pela Rocco
No meio de uma noite, véspera de prova de matemática, Luna, uma menina de quase 14 anos que não acredita em fadas, recebe justamente a visita de uma... fada. Estabanada, tagarela e desastradada, Tatu (esse é o apelido dela) esteve por aqui pela última vez na década de 60, o que a deixou um tanto desatualizada com as gírias e costumes do século XXI (isso sem falar nas roupas que ela usa). Em busca de uma promoção no mundo das fadas, Tatu precisa da ajuda de Luna para cumprir uma missão que envolve Lara – a patricinha-riquinha-metidinha do colégio –, que Luna odeia. Vai dar certo? Só lendo para saber. Mas não tenha dúvida: a vida de Luna vai virar de cabeça para baixo.


Luna estava prestes a tirar sua terceira nota vermelha no boletim e sabia que seu castigo seria 3 vezes pior, ficar sem televisão, shopping, festas, cinema e computador era terrível demais para uma adolescente. A solução seria devorar os livros de cálculos e tirar um boa nota. 
Ali no meio da bagunça do seu quarto ela teve uma pequena discussão com a mãe que insistia pela milésima vez que ela primeiro arrumasse o quarto e depois estudasse... Depois de muito a mãe dar broncas ela deu uma ajeitada de leve e pegou no sono e foi em seu sonho que conheceu Tatu, uma fada, fa-da.


Tatu recebeu uma missão, fazer com que Luna ficasse amiga de Lara Amaral (a menina que Luna mais odiava na terra) uma garota, linda, rica e popular. Mas qual o motivo que levaria Luna a ficar amiga de Lara se ambas não se davam nada NADA bem? Tatu sabia apenas que iria estourar um problemão na vida da menina rica e popular e que sozinha ela não suportaria, e Luna tinha sido a escolhida para ajuda-la a passar por esse momento.

09/01/2017

[ RESENHA ] Escândalo de Cetim

Livro: Escândalo de Cetim
Autora: Loretta Chase
Páginas: 272
Editora: Editora Arqueiro
Estrelas: 4/5
Livro: Cedido pela Editora Arqueiro
Irmã do meio entre as três proprietárias de um refinado ateliê de Londres, Sophia Noirot tem um talento inato para desenhar chapéus luxuosos e um dom notável para planos infalíveis. A loura de olhos azuis e jeito inocente é na verdade uma raposa, capaz de vender areia a beduínos. Assim, quando a ingênua lady Clara Fairfax, a cliente mais importante da Maison Noirot, é seduzida por um lorde mal-intencionado diante de toda a alta sociedade londrina, Sophia é a pessoa mais indicada para reverter a situação.
Nessa tarefa, ela terá o auxílio do irmão cabeça-dura de lady Clara, o conde de Longmore. Alto, musculoso e sem um pingo de sutileza, Longmore não poderia ser mais diferente de Sophia. Se a jovem modista ilude as damas para conseguir vesti-las, ele as seduz com o intuito de despi-las. Unidos para salvar lady Clara da desonra, esses charmosos trapaceiros podem dar início a uma escandalosa história de amor... se sobreviverem um ao outro.

Sophia é a irmã do meio entre as três irmãs Noirot, donas de um atelie chique e requintado. Cada uma das irmãs tem um dom especifico para o negocio, e o dom de Sophia é a área de vendas, por ser muito comunicativa e criativa, além dessas qualidades Sophia era campeã em se passar por outras pessoas e entrar em lugares a quais não era convidada, para ter acessos as fofocas mais quentes para ser publicadas do jornal de escândalos de Londres o Spectacle.

As irmãs tinham enfrentado muitas coisas e se levantado. Mas depois que a irmã mais velha Marcelline se casou com o duque Clevedon, elas arrumaram uma grande inimiga lady Warford, que tinha planos de casamentos do duque Clevedon com sua filha Clara. E depois disso as vendas do atelie Maison Noirot reduziu consideravelmente deixando as irmãs a beira da ruína.

07/01/2017

[ RESENHA ] Boo

Livro: Boo
Autor: Neil Smith
Páginas: 332
Editora: Editora Rocco
Estrelas: 4/5
Livro: Cedido pela Rocco
Oliver Dalrymple é o típico “looser” americano: aos 13 anos, magro e pálido como um fantasma, está mais interessado em biologia e química do que em esportes e vida social. Um dia, enquanto se recupera de um dos frequentes episódios de bullying de que é vítima recitando a tabela periódica em frente a seu armário, ele desfalece para sempre. E é aí que sua verdadeira vida começa. O “céu” onde Oliver acorda depois do que acredita ter sido uma parada cardíaca em função de um problema congênito chama-se Cidade e é povoado por pessoas que morreram aos 13 anos, como ele e seu colega de escola Johnny Henzel, que chega dias depois de Boo à Cidade, trazendo notícias perturbadoras sobre a causa da morte deles. Notícias que mudam para sempre a percepção de Oliver Boo sobre sua personalidade e seu lugar no mundo. Elogiado pela crítica e adorado pelos leitores, Boo é um romance cativante sobre amizade, confiança, bullying e a difícil tarefa de ser adolescente.


Gente, não é que eu esqueci de resenhar esse livro? hahhaha

UMA HISTÓRIA SOBRE AMIZADE,
BULLYING E A DIFÍCIL TAREFA
DE SER ADOLESCENTE

Boo é um garoto de 13 anos, tímido, inteligente e sofre bullying por todos a sua volta. O garoto tinha finalmente decorado toda a tabela periódica em frente ao seu armário de numero 106 quando do nada ele morre.
Logo em seguida Boo acorda em um lugar diferente, digamos que um tipo de céu chamado CIDADE para crianças americanas de 13 anos. Ou seja, um céu separado por países e idades.
Quando Boo acorda na Cidade se depara com Thelma que é habitante da Cidade a muuuito tempo e ajuda os recém-chegados, ou recém-nascidos (tanto faz). 

06/01/2017

[ SORTEIO ] Harry Potter e a Criança Amaldiçoada



Olá meu povo lindo.
2017 já começou animado aqui no CL. Esse mês recebi da Editora Rocco um kit lindo contendo um livro (HP e as Crianças Amaldiçoadas) uma ecobad do mesmo como livro, e se você me conhece sabe que eu não curto HP e como esse livro ficaria empacado na minha estante (juro que até dei uma folheada para ver se eu teria vontade de ler, mas não deu) então pensei, que tal sortear para meus amados leitores? Até deixei na fanpage do blog uma imagem com esse livro e um outro para vocês escolherem qual deveria ser sorteado e HP ganhou... Então vamos as regras.

REGRAS: 

Para participar é mega fácil, só tem duas entradas obrigatórias, que são as primeiras e o restante é extra (o que significa que você vai ter mais chances de ganhar!)

05/01/2017

[ TOP 5 ] Meta de leitura de 2017

Olá meu povo!
Hoje trago minha pequena lista de 5 livros que serão minha meta de leitura para esse ano. Tenho muitos livros na minha estante e como os livros de parceria com as editoras tem prioridade esses outros livros acabam ficando empacados na estante e esse ano resolvi ler pelo menos 5 deles. Escolhi cinco que eu quero muito ler. Tem um extra, pois eu tinha que roubar hahahhaah.
Esse ano pretendo ler 30 livros pelo menos... Torçam por mim.


1- Mar da Tranquilidade
Resultado de imagem para mar da tranquilidade
Nastya Kashnikov foi privada daquilo que mais amava e perdeu sua voz e a própria identidade. Agora, dois anos e meio depois, ela se muda para outra cidade, determinada a manter seu passado em segredo e a não deixar ninguém se aproximar. Mas seus planos vão por água abaixo quando encontra um garoto que parece tão antissocial quanto ela. É como se Josh Bennett tivesse um campo de força ao seu redor. Ninguém se aproxima dele, e isso faz com que Nastya fique intrigada, inexplicavelmente atraída por ele. A história de Josh não é segredo para ninguém. Todas as pessoas que ele amou foram arrancadas prematuramente de sua vida. Agora, aos 17 anos, não restou ninguém. Quando o seu nome é sinônimo de morte, é natural que todos o deixem em paz. Todos menos seu melhor amigo e Nastya, que aos poucos vai se introduzindo em todos os aspectos de sua vida. À medida que a inegável atração entre os dois fica mais forte, Josh começa a questionar se algum dia descobrirá os segredos que Nastya esconde – ou se é isso mesmo que ele quer.

2- Labirinto de Ilusões
Resultado de imagem para Labirinto de ilusões
Eva era uma garota comum e tinha uma vida tranquila ao lado de sua mãe e de suas amigas, até o dia em que Willian, um misterioso rapaz, surge em sua vida e lhe revela um mundo que ela sequer poderia sonhar existir, e mais, um mundo ao qual ela também pertence. Numa tentativa desesperada de proteger Eva e preservar seu segredo, Willian, Dante e Edgar embarcam com ela em uma emocionante e arriscada viagem para o outro lado do mundo em busca da única pessoa que talvez possa ajudá-los. Esta empolgante sequência de Labirinto de espelhos, com novos personagens que balançam as estruturas do relacionamento que Eva e Willian tentam manter em meio ao caos, conta com muita ação, romance e revelações que te farão não querer largar o livro nem por um segundo até chegar ao fim.

04/01/2017

[ RESENHA ] As Cordas Mágicas

Livro: As Cordas Mágicas
Autora: Mitch Albom
Páginas: 350
Editora: Editora Arqueiro
Estrelas: 4/5
Livro: Cedido pela Editora Arqueiro

Francisco Presto nasceu numa pequena cidade da Espanha em plena guerra civil. Com a infância marcada por tragédias, Frankie se torna pupilo de um professor de música cego, que se dedica a lhe ensinar tudo o que sabe.
Ao completar 9 anos, ele foge para os Estados Unidos carregando consigo apenas seus bens mais preciosos: um violão e seis cordas mágicas.
Com um talento fora do comum para tocar e cantar, Frankie rapidamente alcança o estrelato e influencia o cenário musical do século XX, apresentando-se ao lado de nomes consagrados como Elvis Presley e Little Richards.
No entanto, seu dom se transforma em um terrível fardo quando ele percebe que pode afetar o futuro das pessoas: uma corda de seu violão fica azul cada vez que uma vida é alterada.
No auge do sucesso, assombrado por seus erros e por seu estranho poder, Frankie sai de cena por anos, apenas para ressurgir para um espetacular e misterioso adeus.



Algum amante de música por aí? Rock, Jazz, Soul, Pop, Country? Sim? Então, para tudo e leia a resenha desse lindo livro chamado "As Cordas Mágicas" e se prepare para querer sair correndo para lê-lo agora, rs.

O livro começa com uma narradora atípica, nada mais nada menos do que a Música. Sim, a Música que atravessa gerações, anos, barreiras sociais, vida e morte. Todos nós nascemos com um dom, dentre eles podemos citar a música, seja no canto, no violão, piano, guitarra, saxofone, bateria, enfim, quando nascemos agarramos um dom e dentre as infinitas opções alguns agarram com muita força a música. 


"Todos os humanos são musicais. Por que motivo o Senhor daria a vocês um coração pulsante?"


É o que aconteceu com o Francisco Presto, desde quando nasceu a música esteve ali em sua vida. Nunca teve contato com a sua mãe porque foi deixado a margem no rio e foi salvo por uma boa alma chamada Buffo e seu cachorro.



Buffo apresentou o pequeno Frankie para El Maestro, um idoso viciado em álcool que tocava lindamente violão, mas que devido a morte da esposa foi se tornando cada vez mais recluso e rabugento. Eram tempos difíceis, quando os alemães ganhavam mais espaço e já estavam empregando seus conceitos abusivos em parte da Espanha. A música era censurada, só algumas podiam ser tocadas, os músicos viviam com medo, mas mesmo assim Frankie foi aprendendo pela rigidez de El Maestro como tocar sua viola para depois progredir a um violão... A vida não nasceu fácil para esse pequeno garoto, sem mãe e em breve sem pai se vê obrigado a embarcar em uma dura jornada rumo a América do Norte.

03/01/2017

[ RESENHA ] Um Amor Para Lady Johanna

Título: Um Amor Para Lady Johanna
Autora: Julie Garwood
Páginas: 400
Editora: Universo dos Livros
Estrelas: 5/5
Uma jovem viúva. Um guerreiro escocês fascinante. Duas vidas transformadas pelo amor e por uma paixão avassaladora. Quando Lady Johanna soube que estava viúva, ela prometeu que jamais se casaria novamente. Com apenas dezesseis anos, ela já possuía uma força de vontade que impressionava a todos que enxergavam além de sua beleza avassaladora. Contudo, quando o Rei John ordenou que ela se casasse outra vez – e selecionou um noivo para ela – pareceu que a moça deveria se conformar com esse destino. Seu irmão, no entanto, sugere ao Rei um novo pretendente: o belo guerreiro escocês Gabriel MacBain.
No início, Johanna estava tímida, mas, conforme Gabriel revelou com ternura os prazeres magníficos a serem compartilhados, ela começou a suspeitar que estava se apaixonando por seu novo e rude marido. Logo ficou claro para todo o clã das Terras Altas, portanto, que o ríspido e galante lorde rendera completamente seu coração. Porém, a iminência de uma intriga da realeza ameaça separar o casal e destruir o homem que ensinou a Johanna o significado do verdadeiro amor, que a transportou além de seus sonhos mais selvagens.

Hey leitores!
Tudo bem?
Hoje eu trouxe a resenha de um livro cujo gênero é um dos meus favoritos!

Um Amor Para Lady Johanna é o primeiro livro que leio da autora Julie Garwood e foi possivelmente uma das minhas melhores leituras do ano!

Após três longos e atormentados anos de casamento com o barão Raulf, Lady Johanna recebe a notícia inesperada que se tornou viúva, mas seu alivio dura pouco, pois carrega consigo uma terrível evidência que condena o maldoso rei John e seu reinado. Ele tem suas suspeitas e para manter Johanna sob controle acerca do que sabe, ordena que ela se case de novo (com outro homem igualmente horrível!).

Mas o irmão dela, Nicholas, intercede e sugere outro pretendente, o lorde escocês Gabriel MacBain.

Gabriel é um homem rude e orgulhoso, mas honrado e um excelente guerreiro, sendo agora lorde, sua principal preocupação é seu clã e assegurar suas terras. Nicholas, que já teve sua vida salva duas vezes por ele, acredita que Gabriel defenderá Johanna contra qualquer mal.

Quando Johanna o conhece fica apavorada com a ideia de estar caindo nas mãos de outro homem monstruoso, mas Gabriel não demora a provar que as aparências enganam. O casamento deles é na certa por pura conveniência, ela tem as terras que Gabriel quer garantir ao seu clã e ele a manterá longe do alcance do rei da Inglaterra.

02/01/2017

[ TOP 5 ] Melhores Livros lidos em 2016

Olá pessoal!




Como todos sabem, o ano de 2016 foi bem corrido para mim, final de gravidez e aprendendo ser mãe, cuidando de recém-nascido etc... Não consegui ler muitos livros. Não atingi nem a metade da meta de 2015, mas agora em 2017 vou colocar uma meta de 30 livros (vou pegar leve haha). E entre esses 30 livros quero ler pelo menos 5 livros que estão empacados na minha estante. No próximo post vou deixar a listinha para vcs.
Mas agora vamos aos 5 melhores livros lidos em 2016 por mim.


1- Talvez Um Dia
Quem me acompanha aqui no blog sabe que eu sou fã da CoHo e é claro que um livro dela tinha que estar no topo desse post. A história desse livro é linda, tocante... Leia a resenha (aqui).
Resultado de imagem para talvez um dia
Sydney acabou de completar 22 anos e já fez algo inédito em sua vida: socou a cara da ex- melhor amiga. Até hoje, ela não podia reclamar da vida. Um namorado atencioso, uma melhor amiga com quem dividia o apartamento... Tudo bem, até Sydney descobrir que as duas pessoas em quem mais confiava se pegavam quando ela não estava por perto. Até que foi um soco merecido. Sydney encontra abrigo na casa de Ridge. Um músico cujo talento ela vinha admirando há um tempo. Juntos, os dois descobrem um entrosamento fora do comum para compor e uma atração que só cresce com o tempo. O problema é que Ridge tem uma namorada, e a última coisa que Sydney precisa agora é se transformar numa traidora.


2- De Volta a Blackbrick
Esse livro foi maravilhoso, tocante, emocionante. Tenho certeza que quem ler vai amar. ( Resenha )
Neste livro sensível e delicado, a autora utiliza o universo fantástico para falar sobre memória. O protagonista é Cosmo, um menino que vive com o avô e muitas vezes tem pouca paciência com ele. Na verdade, o avô sofre de Mal de Alzheimer e está perdendo a memória. Um dia, ele dá uma chave a Cosmo e pede que ele vá até a mansão de Blackbrick. O menino descobre que o local é, na verdade, um portal para o passado, e lá encontra o avô aos 16 anos. Com a nova convivência, ele vai conhecer de verdade sua história.


© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo