21/07/2016

[ RESENHA ] Meio Rei

Título: Meio Rei - Mar Despedaçado
Autor: Joe Abercrombie
Páginas: 288
Editora: Arqueiro
Estrelas: 5/5
Livro: Cedido pela Editora Arqueiro
Filho caçula do rei Uthrik, Yarvi nasceu com a mão deformada e sempre foi considerado fraco pela família. Num mundo em que as leis são ditadas por pessoas de braço forte e coração frio, ser incapaz de brandir uma espada ou portar um escudo é o pior defeito de um homem. Mas o que falta a Yarvi em força física lhe sobra em inteligência. Por isso ele estuda para ser ministro e, pelo resto da vida, curar e aconselhar. Ou pelo menos era o que ele pensava. Certa noite, o jovem recebe a notícia de que o pai e o irmão mais velho foram assassinados e não lhe resta escolha a não ser assumir o trono. De uma hora para outra, ele precisa endurecer para vingar as duas mortes. E logo sua jornada o lança numa saga de crueldade e amargura, traição e cinismo, em que as decisões de Yarvi determinarão o destino do reino e de todo o povo. Joe Abercrombie nos apresenta um protagonista surpreendente, numa história de percalços e amadurecimento que abre a trilogia Mar Despedaçado.


Meio-Rei é o primeiro livro da trilogia Mar Despedaçado, publicado pela editora Arqueiro e escrito pelo consagrado autor Joe Abercrombie.

Meio-Rei foi uma das minhas primeiras leituras de ficção medieval, e pretendo acompanhar toda a trilogia. Logo quando recebi a oportunidade de solicitar um livro da Arqueiro, folheei o catálogo e descobrir esta obra, que me interessou e então, pedi. Foi uma ótima escolha.


O livro conta a história do filho mais novo do rei de Gettland, uma das regiões do Mar Despedaçado, Yarvi, que depois de receber a noticia da morte do seu pai e do seu irmão, encara a necessidade de assumir o trono. Porém, Yarvi sabe que ser rei não é apenas mandar e desmandar sentado no trono... Os reis lutam e vão as guerras. Por este motivo, Yarvi queria ser ministro, pois nasceu sem uma das mãos, e não tinha nenhuma afinidade com a luta e a guerra. 

O garoto não tem escolha, assume o trono, e também assume a noiva que estava preparada para seu irmão, e de forma nada modesta, jura vingar-se da morte do seu pai, e matar o rei vizinho, responsável pelo estrago. 

Nada dá certo, o pequeno rei cai em uma emboscada e a partir de agora terá que lutar com unhas e dentes para cumprir sua promessa, afinal, ele é meio homem, mas pode fazer um juramento completo.

“Jurei vingar a morte do meu pai. Posso até ser meio homem, mas sou capaz de fazer um juramento por inteiro.”

Yarvi é um personagem inteligente e forte, com traços firmes desenhados pelo Joe, afinal, ele sempre suportou as humilhações por ter a mão deformada, a clara vergonha do pai, a soberba do irmão, e depois da morte deles, ainda teve que carregar um imenso fardo de vingança, ódio e sede de sangue. Durante tudo isso, teve de encarar, uma vida dura e solitária. 


Traído por a pessoa que mais confiava, Yarvi caiu de cara no mundo, e em um lapso de segundo, saiu da vida no castelo, para ser acorrentado em um banco de navio e virar escravo remador. 

Nesta sua nova vida, passará por experiências jamais vividas antes que ficarão para sempre em sua memória. Porém, cada segundo da ardorosa vida de Yarvi, é mais tempo para calcular e planejar a destruição de quem acabou com a sua vida. 

Joe é o tipo de autor que não deixa passar nada, ou seja, cada personagem e cenário tem uma tremenda importância no desfecho da obra. Por este motivo, são personagens fortes com personalidades distintas que compõem uma força-tarefa para Yarvi, que usará de toda sua inteligência para voltar a sua terra, e tomar o que é seu por direito.


É uma obra altamente descritiva, que traz uma excelente mensagem de superação e reintegração de virtudes pelo ser humano. O trabalho de revisão e tradução está excelente, aliando-se a simples diagramação e a capa com detalhes em relevo deram um toque único ao livro. Com certeza, uma das melhores leituras do ano. 

 Espero que tenham gostado, é uma boa pedida para leitores que curtem uma pegada mais dark e medieval nos livros. O que acharam da resenha? Já leram o livro? Deixe nos comentários! Até mais!

24 comentários:

  1. Li e resenhei esse livro lá no blog, mas ele não surtiu tanto efeito quanto surtiu para você Isaac! Mas achei a história legal , também não vejo a hora de ler os outros livros. ^^

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Que pena né! Mas, a história é legal mesmo.

      Excluir
  2. Oi Isaac, eu não conhecia esse livro. Ultimamente estou gostando de livros desse gênero e pela resenha sua resenha, estou apostando que será uma boa leitura.
    Beijos
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi! :)n

      Que bom que gostou, aposto que será uma boa leitura!

      Excluir
  3. Olá
    Gosto muito de fantasias medievais, estão entre meus gêneros favoritos, ainda mais com essa pitada dark, esse é um livro que já esta na minha lista de prioridades

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Tomara que goste, assim como gostei! :)

      Excluir
  4. O livro não faz o meu estilo, mas gostei bastante da sua resenha, muito bem escrita.
    Uma dúvida, essa faca veio com o livro? rs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Que bom que gostou, e pena não gostar do estilo do livro.
      Não, então tenha cuidado, essa face é minha hahaha

      Excluir
  5. Oi Isaac,
    Eu gostei muito da trama que envolve toda a história, com cenários medievais e narrativas envolventes através principalmente de Yarvi, que luta pela sua justiça. O livro me chama bastante atenção justamente pela sua descrição detalhada e profunda. Espero ler em breve.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi!
      Yarvi é um personagem muito forte mesmo. Tomara que leia e goste :)

      Bjs

      Excluir
  6. Oi Isaac!
    Já gostei do Yarvi, apesar do catálogo fantástico da Arqueiro não me chamar muita atenção não. Gosto muito do gênero, mas os livros que são publicados pela editora geralmente não despertam meu interesse. A trama parece boa, mas o fato de descrever muito, talvez venha ser um ponto negativo. Não gosto em autores que focam em muitos detalhes não, justamente por tornar a leitura, para mim, menos instigante.

    Abraços
    David
    http://territoriogeeknerd.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  7. Oi, gostei da premissa do livro e já gostei do Yarvi, achei um personagem forte e inteligente, e eu gosto muito do gênero, mas por ser uma trilogia, não sei se leria, pois estou saturada de trilogias e series, quem sabe num futuro.
    bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Que bom que gostou, mas vale a pena a leitura!:)

      Excluir
  8. Medo dessa faca nas fotos rs. Acho incrível livros com essa temática medieval, pelo visto esse livro é bem intenso tb, pois você buscou mostrar de uma forma clara os pontos do livro. Fique fascinado e vou querer ler.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá,
      Tenha medo mesmo hahaha!
      É um livro bem legal! Leia e não vai se arrepender!

      Excluir
  9. Logo no início da sua resenha você disse duas palavras que já me convenceu totalmente a procurar esse livro para ler " ficção medieval" sou apaixonada por livros com essa abordagem e claro o enredo me ganhou também. Eu ainda não conhecia esse livro é fiquei feliz por encontrar essa indicação aqui.
    Bj

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fico muito feliz por ser responsável por mais uma leitura sua!

      Beijo,

      Excluir
  10. Olá,nada que envolva guerras me chama muita atenção, a época medieval é algo que me interessa muito, mas gosto mais quando são contatos outros pontos sobre essa época, não os reinados e as guerras e batalhas pelo poder.
    Mas fico feliz que tenha gostado tanto do livro, é uma sensação maravilhosa quando achamos um livro que nos encanta.
    beijos

    ResponderExcluir
  11. A descrição do personagem, no começo, lembrou um pouco o Tyrion de Game of Thrones.
    Gostei da premissa da história.
    Quero ler mais livros do gênero.
    Este parece ser bem interessante.
    Sucesso!
    http://oblogcaentrenos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Sei não, há muitos livros bons no gênero de ficção medieval mas esse não me atraiu, talvez por ele ser muito descritivo, talvez pela história clichê de uma pessoa que não se sente preparada e tem que assumir um reino - mesmo sendo fraca fisicamente, mas muito inteligente. Bem, não vou ler mas tem quem goste e pode se apaixonar por ele como você.

    ABraços

    ResponderExcluir
  13. Oie
    bela resenha, não sou fã desse tipo de livro mas bem legal o enredo e tenho ouvido falar bem, quem sabe eu não arrisque um dia

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Amei essa capa, me lembrou um pouco de Game of Thrones...
    Apesar de ter um pouco de receio de ler fantasia, fiquei curiosa para conhecer esta trilogia, gosto quando os personagens precisam demonstrar que muitas vezes a inteligencia vale mais do que ser forte e poderoso!
    Parabéns pela resenha!

    ResponderExcluir
  15. Amo essa capa e estou louca pra ler esse livro desde que a vi pela primeira vez.

    Adorei a sua resenha! só me mostrou que eu tenho que ler mesmo.

    Bjs

    ResponderExcluir
  16. Amo essa capa e estou louca pra ler esse livro desde que a vi pela primeira vez.

    Adorei a sua resenha! só me mostrou que eu tenho que ler mesmo.

    Bjs

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo