27/07/2016

[ RESENHA ] A Geografia de Nós Dois

Título: A Geografia de Nós Dois
Autora: Jennifer E. Smith
Páginas: 272
Editora: Galera Record

Estrela: 3/5
Livro: Cedido pela Galera Record
Lucy mora no vigésimo quarto andar. Owen, no subsolo... E é a meio caminho que ambos se encontram - presos em um elevador, entre dois pisos de um prédio de luxo em Nova York. A cidade está às escuras graças a um blecaute. E entre sorvetes derretidos, caos no trânsito, estrelas e confissões, eles descobrem muitas coisas em comum. Mas logo a geografia os separa. E somos convidados a refletir... Onde mora o amor? E pode esse sentimento resistir à distância? Em A Geografia de Nós Dois, Jennifer E. Smith cria tramas cheias de experiências, filosofia e verdade.

Quando vi este lançamento da Galera Record, logo fiquei empolgada para conhecer essa história, que parece prometer um romance delicado, cheio de reflexões e claro, com aquela dose de realidade que só autora sabe colocar. E eis que aqui estou trazendo a resenha desse livro que me fez refletir em diversas proporções.

A Geografia de Nós Dois apresenta a história de Lucy e Owen. Ambos se conheceram no elevador: Lucy estava indo para o apartamento dos pais e Owen planejava ver as estrelas no terraço. Os planos dos dois se frustam - ou talvez não - quando um blackout acaba acontecendo em toda Nova York, o que consequentemente faz o elevador ficar preso entre o 10º e 11º andar.





Lucy não tem praticamente nada para fazer, pois seus pais estão viajando, na verdade fazem isso com certa frequência, mas nunca a levam. Com os irmãos longe também, tudo que a espera é um apartamento solitário. Já Owen é filho do novo administrador do prédio, vivendo no subsolo, tudo que ele quer é que o pai volte logo para casa, pois o dia nada mais é do que o aniversário de casamento da sua falecida mãe e por isso o pai dele fica bem sensível.

“— Nada é o que é. As coisas estão sempre mudando. Elas sempre podem melhorar”.

Sem nada para fazer, ambos iniciam um diálogo e acabam conhecendo um pouco mais sobre o outro. Ao sairem finalmente do elevador, eles descobrem que toda NY também está sem energia e assim quando decidem cada um seguir o seu caminho, percebem que não querem ficar sozinhos. Assim, os dois resolvem ir fazer compras e logo descobrem que o sorvete, a cerveja e todos os produtos congelados, estão em promoção. Além de várias pessoas estarem caminhando pelas ruas, todos fazendo percurso pela cidade a pé.

Depois de uma longa conversa e várias confissões, o evento enfim termina. Mas quando retornam a suas vidas normais, Owen descobre que vai fazer uma viagem pelo país com o seu pai. Enquanto Lucy esta indo morar em outro país com os seus pais. Sem muitas alternativas, ambos acabam seguindo com suas vidas, mas não conseguem parar de pensar um no outro. E a única forma que encontram para manterem um contato, são cartões postais. Estes fazem o coração deles acelerarem a cada resposta recebida, no entanto, será que o amor pode sobreviver a distância? 

“Mas, naquela noite, o mundo caíra em silêncio. Não havia nada exceto a cortina negra do céu e as pinceladas das estrelas lá em cima, ardendo tão fortes, que Lucy percebeu que não conseguia desviar os olhos”.

Com uma narrativa em terceira pessoa, esse livro conseguiu expor bem os sentimentos tanto do Owen quanto da Lily. Me vi sentindo cada reflexão que eles faziam, as percepções deles sobre o futuro e fato de não conseguirem parar de pensar um no outro. Já adianto também, que ambos são personagens muito bem construídos, Owen é muito responsável para a sua idade e está sempre se preocupando com o pai e colocando defeito em tudo. Já Lily é uma jovem otimista, que tem grandes planos, mas ao mesmo tempo muito solitária. Os demais personagens não tiveram tanto destaque e senti falta disso na leitura.

O foco do livro é o romance e o reconhecimento dos sentimentos pelos dois, que tiveram muito pouco tempo para dar uma oportunidade para a relação. É perceptível que se eles não tivessem se conhecido no elevador, possivelmente estariam seguindo normalmente com a sua vida e com isso acredito que realmente o romance foi o que sustentou o elo entre os dois, embora a conexão que eles criaram, para mim, não engancharia uma relação. Confesso que não torci para os dois ficarem juntos, mas gostei do desfecho dado a obra e o toque de realidade que a autora soube criar. 

A escrita da autora como sempre, consegue me arrebatar e por isso essa leitura fluiu muito facilmente. A capa do livro é incrivelmente condizente coma história e gostei muito dessas estrelinhas. A diagramação é simples, mas isso é bom pois ficou bem condizente. Não tive problemas com a digitalização. 

Por fim, recomendo a obra para todos que gostam de romances leves com um toque reflexivo. Além disso, se você já passou/passa pela dúvida de construir um relacionamento a distância, apreciará essa essa obra também.


14 comentários:

  1. Um encontro no elevador! Não poderia ser mais interessante e inusitado :)
    Manter um relacionamento a distância, realmente envolve um sentimento muito forte de ambos os lados.
    Já li alguns livros que possuem a premissa da troca de cartas. Gostei de todos que li, e este, pare ser bem interessante. Ainda mais por causa das reflexões que o mesmo proporciona.
    Amei a resenha.
    Parabéns ao blog. Sucesso cada vez mais.

    ResponderExcluir
  2. Nossa essa é a minha próxima leitura :)
    Louca para começar depois da sua resenha.
    Beijos,
    http://www.fabulonica.com/

    ResponderExcluir
  3. Nossa! Se tem um livro que eu quero ler é esse, esse é um daqueles encontros que só acontece em filmes. Só leio resenhas positivas dessa obra. Então vai parar na lista de desejados. Torcer para virar filme.

    ResponderExcluir
  4. Oiii Vivianne, comovai?
    Esse livro deve ser realmente incrível hein, demonstra a superação que um grande amor não importando a distância pode trazer, me encantei e quero ler com toda certeza.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Oi, Viviane
    Vive um relacionamento a distância que deu certo, entao acho que gostaria do livro.
    É a primeira pessoa que vejo não torcer para ficarem juntos no final, mas só eu lendo para entender.
    Que bom que o desenvolvimento e construção dos personagens foi satisfatória. Leria com certeza.

    ResponderExcluir
  6. Gosto muito de romances improváveis, pois como vc falou, se eles não tivessem se conhecido no elevador eles não teriam se envolvido.
    Também fiquei curioso com o final do livro pelo que vc contou.
    Um abç,

    ResponderExcluir
  7. Oie
    foi uma leitura recente que tive e achei bem legal, é um romance adorável e diferente com um tema que ainda hoje é recorrente, achei bem legal

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  8. Oii,

    Achei a história bem fofinha e um pouco clichê, que confesso que adoro uma história clichê..hahahaha
    Fiquei interessada em ler essa história e já coloquei o mesmo na minha lista.

    beijos

    ResponderExcluir
  9. Oiii!!!

    Eu não li esse livro ainda, mas tenho curiosidade para conhecer o enredo. Sei que não é algo tão extraordinário e profundo mas será uma leitura boa para auto conhecimento.

    Vwi

    ResponderExcluir
  10. Ooi!
    Não conhecia o livro, mas me parece bom. A premissa me convidou a lê-lo, fiquei um pouco receosa quando disse que não torceu para o casal, mas, ainda tenho curiosidade. Espero ter a oportunidade de lê-lo.

    Beijos!
    http://estantemineira.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  11. Olá, tudo bem?
    Já coloquei esse livro na minha lista de leituras futuras.
    Achei interessante você não torcer pelo casal, o que me deixou mais curiosa para ler.
    Parabéns pela resenha.

    Abraços

    http://www.viciadosemleitura.blog.br/

    ResponderExcluir
  12. Gente, eu amei tanto essa leitura. Gostei de como os personagens conheceram e desenvolveram o relacionamento deles.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir
  13. Nunca tive um relacionamento a distancia, mas imagino o quanto deve ser tenso. Confesso que de imediato o livro não me chamou a atenção, mas sua resenha despertou minha curiosidade, espero poder ler em breve.

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo