18/07/2016

[ RESENHA ] Insaciável

Título: Insaciável #1
Autora: Meg Cabot
Páginas: 502
Editora: Record
Estrelas: 4/5

Meena tem o dom de prever o futuro e usa isso para escrever uma novela de sucesso. Justo quando ela previu uma moda de temas vampirescos, ataques de vampiros tomam NY. Ela vai ser usada por um simpático detetive da Guarda Paladina para, se aproveitando de seus dons de vidente, para procurar um vampiro de péssima reputação. O problema é que ela se apaixona pelo procurado.

Quando cheguei até esse livro, achei que encontraria nele uma campanha contra vampiros, pois ele foi lançado bem na época em que eles estavam na moda, e tudo que eu havia lido ou ouvido dele falava de algo assim. 

De fato ele é um tanto anti vampiros, mas não da maneira como eu imaginava, e a história me surpreendeu agradavelmente, Meena tem um dom singular, ela consegue ver quando vai ser a morte das pessoas, não que isso a agradasse, mas existia uma coisa que conseguia ser mais desagradável ainda para ela, era aquela estúpida moda de vampiro: Monstros misóginos que quer transformar a namorada em uma morta viva, ou o contrário, não quer transformá-la e ela o convence de fazê-lo, ela acredita que essa história toda é no mínimo machista e irritante. 

"E essa mania dos vampiros de sempre querer transformar a garota bonita em sua namorada morta-viva? Ou pior, não querer transforma-la em sua namorada morta-viva. E então ela o convence disso, para o deleite da plateia. Porque estar morta e acompanhada parece ser um final mais feliz do que estar viva e sozinha."

Ela é roteirista da novela insaciável, e graças a concorrente luxuria que com seu enredo cheio de vampiros está superando a audiência e os patrocinadores começaram a pressioná-la para colocar os malditos vampiros em seu roteiro. Logico que isso não a agradou nenhum pouco. Além do que aquela situação foi a causa dela ter perdido uma promoção que tanto estimava.

E em meio a todo esse caos ela conhece Lucien, no exato momento em que ele está sendo atacado por vários morcegos, mas ela interpreta que ele a tenha salvado do ataque dos roedores voadores. E ele pensa erroneamente que conseguiu apagar a mente dela depois do acontecido, mas percebeu que isso não era verdade um dia depois quando se encontram em um jantar feito em homenagem de Lucian.

"- E se eu dissesse para você que sou um vampiro?- perguntou Lucien, fazendo um pequeno circulo nas costas da mão dela.- Você me odiaria?"

 A narrativa é em terceira pessoa, e é alternada contando um pouco da vida de Meena e da vida de Lucian e ele é um vampiro, mas não qualquer tipo de vampiro, mas sim o príncipe deles. Ele mora na Romênia e trabalha de professor em uma universidade e se vê obrigado a viajar para Nova Iorque depois de algumas mortes de mulheres em ataques que ele sabia muito bem se tratar de um ataque vampírico. E ele devia descobrir quem estava por trás daquelas mortes e por um fim nisso. E logo em sua primeira noite é que acontece o imprevisto com Meena.

Depois do jantar ele a chamou-lhe para passar a noite consigo e ela aceitou muito prontamente, apesar de todo seu ser dizer que era melhor não, eles tiveram uma noite maravilhosa e depois disso ambos estavam completamente apaixonados um pelo outro, no entanto Lucian tem muitas coisas para resolver, pois com o numero de mortes aumentando chamou a atenção da sociedade secreta de caçadores de vampiros.

Que estão dispostos a tudo inclusive acabar com ele e todo o seu clã, ao mesmo passo que Lucian também está disposto a matar qualquer um que venha a impedi-lo de chegar até Meena. Daqui para frente não posso falar muita coisa se não acabo falando mais do que deveria, mas deixo algumas dúvidas no ar: Será que Meena vai continuar sentindo a mesma coisa por Lucian depois que descobrir que de fato ele é um dos seres que ela tanto odeia? Ate que ponto ela o ama de verdade?

"...depois de descer a boca dos lábios dela ate o queixo, em direção ao pescoço. Ele erguei o braço e pousou a mão sobre a curva de um dos seios, e sentiu o coração batendo sob seus dedos, disparado como o de um cão de caça, antes de baixar a cabeça para onde estava a mão, substituindo os dedos pelos lábios, apertando a boca contra a pele macia que ele descobriu ao afastar o decote do vestido e o bojo rendado do sutiã."

Os personagens são muito bem construído e o romance é super envolvente, o que me incomodou foi que em certo ponto da história eu cheguei perder um pouco do interesse, mas quando isso aconteceu já tinha passado da metade do livro, acredito que deu-se isso por se tratar de um livro longo e a autora deu uma pequena enrolada no meio do campo. 

O livro tem 502 pagina, impressos em paginas amarelas, a capa é maravilhosa, e apesar desse deslize no meio do livro, o final deixa o leitor com um gostinho de quero mais.


24 comentários:

  1. 502 páginas? :O
    Eu coloquei esse livro na mnha lista há pouco tempo atrás, por causa dessa abordagem diferente aos vampiros e pelo fato de ser da Meg Cabot tbm. Sua resenha me deixou mais animada ainda, vc explicou mais detalhes da história :)
    Bjs
    http://acolecionadoradehistorias.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim são 502 paginas. Grandinho né. Mas é uma leitura tão gostosa que quando vemos já está no final.

      Excluir
  2. Olá
    Gosto bastante de Vampiros, mas a modinha também me deixou com um pé atras com eles, gostei da mocinha ser uma escritora e que esteja lutando para não colocar vampiros em seu livro, mas acho que não leria o livro por causa do vampiro.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Dani! Sim o tema é vampiro. Se o tema não te agrada, de fato acredito que não iria curtir muito. beijos

      Excluir
  3. Olá,
    Vejo muitos comentários sobre esse livro, mas ainda não tinha lido nenhum que falava que se tratava de Vampiros.
    Eu gosto bastante do tema, principalmente por saber que sai do que temos encontrado ultimamente como tema central, sempre mais do mesmo.
    Gostei da resenha ter sido bem detalhada.
    Beijos
    www.estilogisele.com.br

    ResponderExcluir
  4. Oiee

    A capa desse livro é linda mesmo!
    Eu tive ele na estante, exatamente na época que vampiro era modinha kkkkkk. Depois enjoei e acabei trocando sem ler.
    Uma pena que a autora dá essa enrolada no meio de campo, mas o bom que o final compensou. Hoje acho que já não leria mais, mas é uma boa dica pra quem curte histórias com vampiros.

    bjs
    Fernanda
    http://pacoteliterario.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já fiz esse serviço, trocar um livro sem nem ter lido. rsrsrsrs... Acho que teria gostado, apesar da enrolada da autora. Pois a abordagem dela é um pouco diferente do que vemos. Mas sim, é uma ótima dica para quem curte.

      Excluir
  5. Olá! Amo vampiros, mas vampiros estilo Anne Rice! Achei legal essa pegada anti-vampiro, por sinal compartilho de algumas opiniões dela rsrsrs. Legal ela ter esse tipo de pensamento e se envolver com um vampiro. Fiquei curiosa para saber como vai ser desenvolvido esse romance. A capa é linda! Beijos!


    Entre Livros e Pergaminhos

    ResponderExcluir
  6. Eu curto a Meg Cabot de montão, mas esse negócio de amor vampírico me deixa mto de pé atrás. Pra mim amor de vampiro só se for por outro vampiro. Ou então o vampirão já chega tranformando igual Entrevista com o Vampiro rsrsrsrs
    Mas curti a resenha :D acho que curti mais a resenha do q curtiria o livro. Por isso q adoro ler resenhas ;)

    ResponderExcluir
  7. Olá
    Amo Meg Cabot. Leio até a lista de compras se ela publicar hehehhe
    Mas essa série não é a minha favorita dela, apesar de ser legal e sua resenha estar ótima.
    Bjs

    ResponderExcluir
  8. Olá Cristina,
    Tenjo vontade de conhecer a escrita da Meg e também por gostar de histórias que envolvam vampiros, creio que seria um ótimo começo, mas 502 páginas! Seria melhor se todas as páginas fossem envolventes, mas, como descobri através da sua resenha, sei que não são, então, é um outro fator a se pensar.
    Bjim!
    Tammy

    ResponderExcluir
  9. Meg Cabot sempre me remete a livros infanto juvenis, entao nem dei mta bola pra esse livro anteriormente. Tbm nao pesquisei nada, simplesmente nao me interessei. Essa eh a primeira resenha que li dele e, confesso, gostei bastante do que me foi apresentado por vc. Vai para lista.


    Raissa Nantes

    ResponderExcluir
  10. Olá, tudo bem?

    Gosto de vampiros, tenho uma queda (um tombo inteiro) por vampiros mais... vampiros - digamos assim - rs. Vampiros mais ao estilo Anne Rice, dentre outros... mas... confesso que também curto os "vampiros romantizados", desde que tenha uma história que me prenda, pq tem uns que ~.~
    Já tinha lido algumas resenhas sobre esse livro e todas me deixaram curiosa, é bom saber que no meio do livro tem algo que incomoda na história mas que o final surpreende, dependendo de como foi abordado a questão de anti vamps, pode ser bacana.
    Dica que já estava na lista permanece e a curiosidade aumentou. XD

    Beijo!

    ResponderExcluir
  11. Olá Cris,

    Sempre gostei muito de livros de vampiros e realmente essa obra parece ser impactante, com toda essa reviravolta que você contou e essa tensão latente. Além disso achei a capa muito bonita. Com certeza pretendo embarcar nessa leitura.

    Abraços
    oblogcaentrenos.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  12. Oi linda,

    A vontade por lê-lo chegou com sua resenha, porque como você falou tem uma abordagem diferente sobre os vampiros que são personagens que não gosto desde a infância e despertam uma rejeição intensa em mim, mas gostei dessa vidência e afins.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Oie
    eu adoro a meg e já li vários livros dela mas não tenho curiosidade nessa série, achei bem legal sua resenha e falam bem dessa parte mais adulta da autora porém, por enquanto não é pra mim

    Beijos
    http://realityofbooks.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Olá!
    Eu adoro os livros da Meg, acho a escrita dela ótima! Mas eu não conhecia essa série =O
    Confesso que não gosto muito de livros com essa temática (não aguento mais vampiros, rs), mas eu realmente me senti atraída pela premissa dessa obra.
    O fato de ser um romance envolvente com personagens bem construídos me deixa ainda mais animada!
    Dica anotada!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  15. Nunca li nada da Meg, acredita? Me sinto tão ET com isso...
    Achei a história muito interessante, adoro vampiros e adoro livros narrados em terceira pessoa. Preciso ler essa mulher logo.
    Bjks
    www.viciadosemleitura.blog.br

    ResponderExcluir
  16. Oi

    Nossa, estou perdendo tempo!
    Adoro a Meg, adoro vampiros e fiquei bem curiosa! Sua resenha mexeu com a minha curiosidade pra valer.
    Eu já tinha visto esse livro, mas não sabia do que tratava.

    Adorei

    Bjs

    ResponderExcluir
  17. Oi

    Nossa, estou perdendo tempo!
    Adoro a Meg, adoro vampiros e fiquei bem curiosa! Sua resenha mexeu com a minha curiosidade pra valer.
    Eu já tinha visto esse livro, mas não sabia do que tratava.

    Adorei

    Bjs

    ResponderExcluir
  18. Estava super empolgada para ler esse livro, tanto que tudo quanto era promoção eu participava. Acabei ganhando o volume dois (que me disseram que não é tão bom quanto esse) mas nunca recebi o mesmo...
    Ler sua resenha me lembrou isso - e me lembrou que eu ainda não li o livro. Pior é que era uma das histórias que mais me deixou curiosa por essa coisa meio anti vampiros, sabe?
    Não li muita coisa da Meg, e acho uma pena que o livro perdeu um pouco do interesse durante a leitura. As vezes tenho a impressão que o autor aumenta mais do que precisa e se perde e isso fica terrível para o leitor.
    Acho que está na hora de pegar o livro na estante, tirar o pó e ver se tenho a mesma opinião que você :)
    Beijinhos,
    Lica
    Amores e Livros

    ResponderExcluir
  19. Preciso ler algum livro dessa autora. Estou com um livro dela na esente e pretendo ler agora em agosto. Sei que vou adorar a leitura, sempre ouço falarem muito bem dela. Esse livro eu ainda não conhecia, mas já entrou pra minha lista de leituras.

    ResponderExcluir
  20. Meg Cabot é a autora do meu coração. Ela sempre publica livros pelos quais eu me apaixono. Ainda não li insaciavel porque eu ainda estou em A Mediadora, mas está na minha lista de leituras há algum tempo.

    http://laoliphant.com.br/

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo