20/02/2017

[ RESENHA ] Dançando No Ar

Título: Dançando No Ar (Trilogia Da Magia #1)
Autora: Nora Roberts
Páginas: 336
Editora: Bertrand Brasil
Estrelas: 5/5
Livro: Cortesia da Galera Record

Quando Nell Channing chega à encantadora Ilha das Três Irmãs, acredita ter finalmente encontrado um refúgio seguro, longe do relacionamento abusivo e da vida aterrorizadora que levava até oito meses antes. Mesmo nesse lugar silencioso e pacífico, Nell jamais se sente completamente à vontade. Exatamente no momento em que Nell começa a se perguntar se algum dia conseguirá se livrar do medo descobre que toda a ilha está sob uma terrível maldição que só poderá ser quebrada pelas descendentes das Três Irmãs, as feiticeiras que lá se estabeleceram em 1692. Com a ajuda de duas fortes e talentosas mulheres, Nell terá que encontrar o poder para salvar a sua casa, o seu amor e até mesmo a própria vida.



Especificamente no dia 22 de Junho de 1692, na Aldeia de Salém em Massachusetts, três mulheres completamente apavoradas se encontravam em segredo na floresta. Eram chamadas Ar, Terra e Fogo e por conta da ignorância e do delírio de alguns fanáticos, mulheres eram caçadas, julgadas no tribunal e condenadas a forca injustamente culpadas de serem bruxas. Após o ocorrido com Bridget Bishop, uma jovem inocente que mesmo não sendo uma bruxa fora condenada a morte, Fogo prevê o horror do futuro que as aguardavam, pois os aldeões não iriam parar de persegui-las com apenas uma morte, mas mesmo com medo nos olhos ela também possuía determinação. Nenhuma delas havia feito mal algum ao povo da aldeia, se recusavam a mancharem seus poderes pela raiva e pelo ódio. Por isso elas precisavam fugir e abandonar o lar que construíram e começar do zero.


 Mesmo com medo da solidão, as três irmãs, como eram chamadas, tentam tranquilizar umas as outras, pois não importava para onde iriam, sempre estariam juntas. Elas se unem formando um círculo e labaredas surgem da terra formando um anel de proteção em volta, com as chamas aumentando com o vento e as mãos unidas, elas olham para o céu e cada uma começa a recitar sua parte do encantamento. E após recitarem a última parte juntas, enquanto pessoas dormiam em suas casas calmamente sem saberem o que estava acontecendo, uma parte da terra é erguida ao céu e vai de encontro ao mar se transformando não apenas numa Ilha, mas também num refúgio onde as Três Irmãs poderiam ser livres e nenhum mal iria atingi-las ou separá-las... Isso era o que pensavam!

 Em Dezembro de 2003 na ilha da Nova Inglaterra, Nell Channing, uma linda loira, doce e inteligente que depois de fugir de um passado onde ela se via aprisionada num relacionamento com Evan Ramington, um homem que mesmo sendo muito belo, de olhos azuis, loiro, alto e forte, que poderia muito bem ser caracterizado como um príncipe encantado dos sonhos de qualquer mulher era apenas uma máscara por debaixo do que ele realmente era. Um homem assustadoramente frio, obsessivo, abusivo e controlador que tornara a vida de Nell num completo pesadelo. Sem ideias de como escapar e sempre num estado de puro terror, ansiedade e medo constante. Ela arquitetou um plano que finalmente teve êxito e que a havia libertado. Agora, após olhar várias pinturas que retratavam o farol das Três irmãs, que ela vira na loja de souvenirs na pequena cidade na costa, ela decide ir pelas barcas até a ilha.

Nell queria um lar, ter a chance de poder criar raízes em algum lugar depois de seis meses e oito semanas fugindo, se escondendo e mudando não apenas seu visual para que ninguém a reconhecesse como também de identidade. Queria ter uma família e amigos, e ela achava que poderia ter tudo isso naquele lugar tranquilo e que por algum motivo desconhecido, sempre esteve em seus sonhos desde que era criança. Queria estar longe de Los Angeles mesmo que não encontrasse trabalho na ilha, ficaria por alguns dias como se estivesse de férias. Aproveitando as praias, a pequena cidade, escalar penhascos e vagar pela floresta. E o mais importante, de alguma forma, tentar redescobrir e recuperar a si mesma, sua independência e seu amor próprio que havia sido destruído por causa de Evan.


Usando roupas simples e com uma única joia, um medalhão que pertencera a sua falecida mãe, Nell esperava em seu carro, enquanto o cais se aproximava lentamente da ilha. Passando por lojas, restaurantes, hotéis e sorveterias ela pensa em procurar um emprego e ao entrar numa livraria chamada Livros e Quitutes, Nell ouve duas mulheres conversando no andar de cima sobre a funcionária querer ir embora e a dona começa a ficar desesperada por não ter ninguém para ficar em seu lugar na parte da lanchonete, atendendo os clientes, cuidando da máquina de café e para ser a cozinheira.

Nell junta toda a coragem dentro de si e se oferece para ficar no lugar da jovem que havia se demitido, a dona se chamava Mia Divlin, uma ruiva muito bonita e que se vestia sempre em plena elegância e sofisticação, sendo uma mulher de negócios ela também gostava muito de lucros. Por alguma razão, Nell a intrigava e ao olhar em seus olhos, Mia viu uma inocência maltratada e competência, então decide não apenas contratá-la como também lhe mostra um lugar onde ela poderia morar. Um belo chalé que para Nell, parecia uma casa das fadas, onde com o salário ela poderia pagar o aluguel e redecorá-lo como ela quisesse. A jovem não sabia como agradecer e ao apertarem as mãos, Mia e Nell sentem uma fagulha estalar, como se fosse uma chama azul e depois sumir rapidamente, Nell fica confusa e isso faz com que Mia fique mais intrigada.

Nell se mostra uma ótima cozinheira em seu primeiro dia e já faz com que os moradores da ilha fiquem encantados e fascinados com a nova funcionária. Principalmente Zack Todd, um homem de olhos verdes, forte e bronzeado que após ouvir algumas fofocas sobre as delícias que Nell fazia na cozinha, ele precisava imediatamente conhecê-la e ao olhá-la, sentiu um arrepio rápido e agradável ao sorrir para ela, os dois conversavam agradavelmente, porém ao descobrir que Zack era o xerife da ilha, Nell perde toda a cor do seu rosto. Ela não poderia se envolver com ele, mesmo sentindo uma atração também havia o medo, e se ele tentasse desvendar o seu passado? Evan poderia encontrá-la e tudo que ela planejara estaria perdido. Mas ela não deixaria isso acontecer, se descobrissem quem ela era, teria que ir embora para sempre, mesmo que pela primeira vez em anos ela estivesse finalmente se sentindo em casa.

Ripley, a delegada e irmã de Zack estava de volta à ilha e no mesmo dia, enquanto Mia conversava com Nell, um terremoto acontece ao meio dia na lanchonete da livraria, porém os clientes pareciam não ter sentido nada, apenas as duas mulheres. Nell fica confusa, mas Mia finalmente descobre quem Nell realmente era. Nell, Ripley e Mia são descendentes das três irmãs, porém apenas Mia se denomina uma bruxa enquanto Ripley por pura teimosia negava seus poderes e Nell, por estar amedrontada demais, não sabe que os possui. Contudo, uma maldição ainda rondava a Ilha e se as três não se unirem e não aceitarem o que elas realmente são, algo ruim virá por Nell e haverá não apenas dor, mas também morte.
     
Uma história sobre três jovens bruxas que queriam ser livres para utilizar seus poderes, mas que também cada uma delas queria seguir o seu próprio caminho. Nesse primeiro volume, o enredo é aprofundado na personagem Ar, ou melhor, Nell. Sua vida e o seu sonho de encontrar o amor, mas também sobre o quanto ela pensava ter perdido, tudo que a definia, mas ao se reencontrar ela finalmente consegue encontrar o seu verdadeiro final feliz pelo qual ela sempre almejou.

Através de uma narrativa fácil e envolvente, com momentos tristes, intensos, hilários e de tirar o fôlego do leitor, Nora Roberts também nos dá detalhes sobre o interessante tema da história das bruxas de Salém, um romance viciante com um final lindo e muito bem escrito, fazendo com que o leitor se encante por essas três mulheres tão diferentes umas das outras e que ao mesmo tempo super divertidas quando estão juntas, não vendo à hora de ler as continuações sobre a história de Mia e Ripley. 

26 comentários:

  1. Excelente resenha, embora eu tende a ter um pouco de preconceito com esses livros, que sempre tenho a impressão que são feitos exclusivamente pro público feminino.
    A parte que mencionou sobre as bruxas de salém, me deixou curioso.

    Grande beijo Jennifer,
    Hugo,
    Raposa Cultural.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Hugo! Pois é, eu gostei bastante porque eu nunca tinha lido um livro que falasse sobre bruxas. Tem umas partes românticas como é esperado, mas também depende do gosto do leitor. Bjss!

      Excluir
  2. Eu já tentei ler nora uma vez e para mim não fluiu em nada. Acho que comecei com o livro errado. Quem sabe. Mas enfim. Sua resenha está divina. Parabéns soube expor muito bem o livro.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada, Karine! Fico muito feliz que tenha gostado, esse foi o primeiro livro que eu li dela, fiquei curiosa em relação a história e acabei gostando bastante.Mas não desiste não, de repente você só não encontrou o livro certo dela. Bjss!

      Excluir
  3. Não consigo ler nada da Nora. Apesar de tantas pessoas amarem a escrita dela, eu não consigo gostar e já abandonei várias leituras de gêneros diferentes dela e não fluiu. Portanto nem tento mais. Fico feliz que tenha gostado da sua experiência com os livros dela.

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Raíssa! Poxa, que pena que você não gostou! :( Obrigada,bjss!

      Excluir
  4. Olá,

    Infelizmente não tenho experiências muito positiva com os livros da Nora, exceto o Quarteto Noivas o qual eu consegui apreciar a leitura. Mas achei bem legal a premissa dessa obra e fico feliz que você tenha gostado.

    Abraços,
    Cá Entre Nós

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Vivianne! Já ouvi falar que o Quarteto das Noivas é muito bom, nunca tinha lido nenhum livro dela e Dançando no Ar foi o primeiro, eu gostei bastante. Bjss!

      Excluir
  5. Ola Jenni eu amo a escrita da Nora, sempre perfeita,intensa ao mesmo tempo delicada. O que dizer dessas capas lindas. Adoro todo livro que envolva magia e mistérios, eu li essa Trilogia já faz tempo, pretendo reler em breve. ótima resenha. beijos

    Joyce
    Livros Encantos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Joyce! Também me apaixonei pela escrita da Nora e fiquei curiosa em ler suas outras obras. Obrigada, bjss!

      Excluir
  6. Oie tudo certinho?!?! É livrobda Bora Roberts, Então eu quero ler com certeza. Adoro a escrita dela. Todos os livros sempre nos passam alguma mensagem com ou sem elementos esotéricos.
    Adorei a resenha.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Com certeza, não larguei o livro até ter terminado kkk me fez refletir bastante também.Obrigada, bjss!

      Excluir
  7. Menina eu nunca li nada da Nora, mas eu não imaginava que ela abordava temas de bruxas kkk olha a minha ignorância, que vergonha! Imaginava que eram todo romances tipo Nicholas Sparks kkkk adorei muito a história e me interessou muito! Quero ler agora ♥️

    MEMÓRIAS DE UMA LEITORA

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Suzane!kkkk Pois é, também me surpreendi com a história. Lê sim é muito bom, você não vai se arrepender.Bjss!

      Excluir
  8. Olá
    Nunca li na da Nora ainda, Mas tenho muita curiosidade, mesmo seu gênero de livros não ser o que eu gosto. Achei bem legal a premissa do livro, gosto de histórias com bruxas
    Dica anotada

    ResponderExcluir
  9. Olá, tudo bem?

    Eu adoro as obras da Nora, essa mulher passeia de um gênero para o outro, escreve tantos livros e ainda assim se reinventa na escrita o tempo todo. Confesso que não conhecia essa trilogia, mas já li alguns livros dela e amei todos. Fiquei super curiosa para ver como Nell deve ter evoluído na história, dica mais do que anotada!

    Beijo!

    ResponderExcluir
  10. Oi, Jennifer.
    Adorei a sua resenha e vou colocar mais essa trilogia da Nora na minha lista de desejados. Eu adoro a escrita da autora e adoro histórias sobre magia, então acho que será uma leitura perfeita para mim!
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  11. Olá lindona,

    Parabéns pela resenha bem trabalhada e explicativa.
    Estou querendo muito começar a ler os livros de Nora começando com essa Trilogia da Magia, porque envolve bruxas e romance e acho uma combinação perfeita.

    Beijos!

    ResponderExcluir
  12. Oiii!

    AMO NORA <3
    mas não consegui ler nada dela como sobrenatural sabe? Somente romances como o QUarteto de Noivas, inclusive sdds...
    Fiquei curiosa em saber como ela escreveu essa obra e se ela é tão envolvente quanto a doce história das quatro amigas.
    Adorei a sua resenha.

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  13. Olá, tudo bom?

    Nunca li nada da Nora, mas sempre vejo muitas pessoas falando muito bem que tenho curiosidade em conhecer a autora. Gostei muito da sua resenha, a história chamou bastante minha atenção, acho que vou começar ler a autora por este livro.

    Beijos:*

    ResponderExcluir
  14. Olá!

    Nora rainha! Mas prefiro-a escrevendo só romances, não sei se leria os sobrenaturais dela, não é meu gênero favorito. Vendo suas fotos, que saudade do Quarteto de Noivas, uma série e tanto!

    ResponderExcluir
  15. Gosto muito dos livros da Nora que já li, acho a escrita dela fascinante, e adoro livros que tenham bruxas. Então o fato dela ser aprofundar nesse tema das bruxas de Salém me deixou mega interessada no enredo, espero conseguir ler em breve.

    ResponderExcluir
  16. Olá.

    Acredita que ainda não li nenhum livro da Nora? Vejo muitas pessoas falando bem dos seus livros, mas ainda não tive oportunidade de ler nenhum. Vejo que o livro causou um misto de emoções, né? Nossa, gostei bastante da premissa da obra e já quero ler. Dica anotada!

    Beijos,
    Respire Literatura

    ResponderExcluir
  17. Oiii Jennifer, tudo bem?
    Infelizmente eu não sou muito chegada nos livros da Nora, confesso para ti que já tentei diversas vezes, mas acabo desistindo na metade, creio que o problema seja eu ahuaahuauaaua sua resenha ficou incrível e convincente, os leitores vão amar ler e as capas são sempre apaixonantes.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  18. Olá!
    Sua resenha ficou incrível! Eu gosto muito dos livros da Nora, e não conhecia esse ainda, mas me chamou muito a atenção por ter três bruxas como protagonistas. Dica mais do que anotada, espero poder ler o livro em breve.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  19. Oii.
    Eu simplesmente amooo Nora Roberts e tudo o que essa diva escreve. Ainda não li esse livro, mas certamente é tão bom quanto os outros que ela escreveu.
    fiquei super curiosa para fazer a leitura depois dessa resenha maravilhosa elogiando a obra.
    Bjs Mary.

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo