15/02/2018

[ RESENHA ] Segredos e Mentiras

Titulo: Segredos e Mentiras
Autora: Diane Chamberleain
Editora: Arqueiro
Paginas: 288
Estrelas: 4,5/5
Noelly, Emy e Tara são mulheres diferentes, mas inseparáveis há mais d vinte ans. O laço que as une é tão forte que até seus maridos – ou, no caso de Noelle, o homem que chegou mais perto disso- se tornaram amigos, e as filhas de Tara e Emy são como irmãs. Elas compartilharam alegrias e tristezas, e nos momentos difíceis, têm sempre com quem contar. As três acreditam que sabem tudo uma sobre as outras. Mas quando Noelle toma um coquetel de remédios fatal sem nunca ter dado o menor sinal de ser infeliz, Emy e Tara percebem que não a conheciam tão bem assim. Então, da tristeza e da negação que o suicídio traz, surge a necessidade de entenderem o porquê.

A estória se inicia logo com a decisão de Noelle de dar fim à sua vida, mas não de uma maneira desesperada, mas como se aquela decisão já tivesse sido definida há muito tempo. Suas melhores amigas, Tara e Emy, não conseguem entender a razão desse infeliz acontecimento, pois não havia sinais que provasse algo de errado em Noelle. Mas com o desenrolar da narrativa notamos que existe muito que elas realmente não sabem.

"Ás vezes as pessoas guardam coisas para si Até mesmo as pessoas mais próximas da gente.Nunca se consegue conhecê-las de verdade."

Além de perder a amiga, Tara havia perdido o marido e amor da sua vida há seis meses. Além disso, deve lidar com sua filha, Grace, que é fria e se distancia cada vez mais da mãe. Ela é professora de teatro e antes de tudo, era uma mulher extrovertida e bastante sociável. O sol das três amiga. Emy é mais calma, mas ainda assim amável e toma conta de seu negócio, o Hot!. Sua filha Jenny é a melhor amiga de Grace (e bem mais legal). Quando morreu Noelle deixou um buraco nas amigas, mas deixou também uma carta que dizia “Cara Anna, já comecei esta carta várias vezes e aqui estou, começando-a novamente, sem fazer a mínima ideia de como lhe dizer” e é isso. Uma carta “cortada” no meio e que deixa mais questionamentos que resposta.

Os capítulos são divididos entre as três amigas, Anna e Grace. Infelizmente não posso falar muito de Anna sem dar spoiler, mas a personagem, assim como todas as outras, é cativante. Também no meio desse redemoinho temos Haley, uma garota de 13 anos que sofre com câncer e é filha de Anna. Eu achei ela incrível. A forma como ela é positiva e esperançosa mesmo diante de todas as circunstâncias é incrível. Além disso, ela e sua família são muito importantes na trama.

Nós conhecemos a visão de Noelle que as amigas tinham e da mulher que ela realmente era, cheia de segredos e mentiras (como o título diz). Apesar disso Noelle não é uma vilã ou algo do tipo, ela é um ser humano muito complexo que tomou decisões erradas e difíceis que transformou não apenas sua vida, mas a de todos a seu redor. Eu adorei Tara e Emy, elas são muito bem construídas e têm diversos problemas, mas se apoiam uma na outra em uma amizade linda. Juntas elas decidem descobrir o que há por trás do suicídio de Noelle e vão cavar fundo para isso.


"Haley andava expressando seus sentimentos de forma muito espontânea ultimamente. Jamais se escondia atrás de máscaras, como tantos de nós fazemos. Permitia-se ser vulnerável,como se percebesse que não havia tempo a perder com fingimento. Não tínhamos nenhuma promessa de haver amanhã. Ninguém tem."

Nós vemos a vida de Noelle desde quando era adolescente, quando conheceu as outras na faculdade, até uma noite fatídica. Tive raiva dela muitas vezes e acredito que ela mentiu tanto que não permitiu ser inteiramente uma amiga. Ao mesmo tempo, como eu disse, ela é um ser humano e isso foi construído maravilhosamente. Você sente pena dela, tristeza e alegria pela personagem. Em paralelo vemos a vida de Tara e Emy no presente e a busca pela verdade.

É um pouco difícil falar do livro sem dar um spoiler, pois a todo momento tem alguma revelação ou reviravolta. Apesar de acabar descobrindo certas coisas, a autora consegue nos surpreender, e eu adoro ser surpreendida. Mas além disso, a beleza desse livro é sua simplicidade. A trama é dramática, mas não um dramalhão piegas. Sua construção é inteligente e simples, ela consegue consegue mesclar o extraordinário por trás do segredo ao lado dos desafios do dia a dia; e atingir o leitor com uma boa descrição e ótimos diálogos. 

O livro traz temas como a relação de mãe e filha - que é algo que gosto muito-, amizade, sororidade, família, descobertas, mudanças e perdão. A narrativa é intensa e ao mesmo tempo singela. Minha única ressalva é que o final poderia ter sido melhor desenvolvido, mas nada que comprometa a maravilha que é o livro. Por fim digo: a questão principal aqui não é o que Noelle fez, mas se você conseguiria perdoar um grande erro e mágoa de alguém que ama tanto. O quanto o amor pode ser maior que a dor? Me digam vocês. 

14 comentários:

  1. Olá!
    Nunca tinha lido ou ouvido alguém falar a respeito desse livro. Ele me lembrou bastante Selva de Batom, contudo parece ser muito mais complexo e dramático. Dica anotada! Adoro histórias com personagens complexas e profundas.
    Bjs

    ResponderExcluir
  2. O livro parece pesadíssimo mas muito interessante. Adorei sua resenha e super quero ler os livros

    ResponderExcluir
  3. Gostei de Noelle logo de cara e fiquei mega curiosa para saber o que diz a carta. Uma peninha o final ter deixado a desejar, mas a questão final aguça a curiosidade em relação a leitura. Dica anotada.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Ai que fofura de livro menina, adoro livros com muitos dramas, eles normalmente se tornam um dos meus favoritos e achei a edição bem fofinha também. Dica anotada e lindas fotos.
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Adorei o fato do livro ser narrado pelas três, não sabia deste detalhe ainda.
    Bjs, Rose.

    ResponderExcluir
  6. Olá, eu não conhecia o livro e achei interessante a sua resenha sobre ele. Não curti a capa, mas a premissa até parece ser boa.

    ResponderExcluir
  7. Olá!
    Eu amo essa autora. Já leu Perdas e Danos? Também é dela e segue o mesmo ritmo de narração com vários personagens. O drama que esses personagens vivenciam e seus envolvimentos fazem com que a leitura seja viciante.
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
  8. Ola, eu ja tinha visto essa capa em alguns lugares e nunca me intereassei pela estoria. Por mais interessante que me pareca eu passo essa dica pois tenho certeza que não será um livro que irei querer ler

    ResponderExcluir
  9. OI, tudo bom?
    Apesar de nao conhecer a obra e a autora, confesso que fiquei curiosa pela leitura, ainda mais pelas lições que ela apresenta .. dica anotada :)

    Beijos,
    Thalita Sousa

    ResponderExcluir
  10. Já tinha visto esse livro, mas nunca parei para ler uma resenha. Gostei bastante das suas considerações sobre a obra e não descarto a possibilidade de leitura. Obrigada pela dica.

    ResponderExcluir
  11. Olá!
    lembro desse livro quando saiu, fiquei bem curiosa na época,mas acabei esquecendo. Adoro livros assim, com essa premissa misteriosa, onde envolve família, amigos, sentimentos e muitas outras coisas. É uma obra que quando chego ao final, olho para o teto e fico horas refletindo tudo que li. Gostei de conhecer mais sobre a história, e espero ter oportunidade de conferir esse drama!

    beijos!

    ResponderExcluir
  12. Olá! Tudo bem? Não conhecia o livro, mas achei a capa um encanto. Tipo aquelas capas dos livros do Wattpad. Bem, eu não gosto muito de livros dramáticos assim, por isso vou deixar passar a dica. Lendo sua resenha, gostei do fato de ter muitas personagens femininas, cada uma com seus problemas e carga. Que bom que a leitura te agradou bastante. E que venha muitas boas leituras, pois o ano está só começando. Um beijo. Até a próxima dica.

    ResponderExcluir
  13. Olá Thais,
    Já li algumas resenhas desse livro e fiquei bem curiosa para fazer essa leitura, pois, assim como você, gosto dessa relação de mãe e filha. Eu adoro essas obras que são difíceis de resenhar por conta de reviravoltas que os livros têm.
    A sua resenha me conquistou completamente e vou anotar a dica para ontem!
    Beijos,
    http://www.umoceanodehistorias.com/

    ResponderExcluir
  14. Olá,

    Achei a ideia do livro muito legal e diferente, mas confesso que o enredo não chamou tanto a minha atenção. Talvez eu indicaria o livro para pessoas que curtem história com essa "vibe", mas no momento eu estou preferindo outros gêneros literário. Por isso, eu eu prefiro passar a dica no momento, mas provavelmente darei uma oportunidade quando querer sair da zona de conforto! ♥

    → desencaixados.com

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo