13/07/2017

[ RESENHA ] O Sol Também é Uma Estrela

Título: O Sol Também é Uma Estrela
Autora: Nicola Yoon
Páginas: 288
Editora: Arqueiro
Estrelas: 5/5
Livro: Cortesia da Editora
Natasha: Sou uma garota que acredita na ciência e nos fatos. Não acredito na sorte. Nem no destino. Muito menos em sonhos que nunca se tornarão realidade. Não sou o tipo de garota que se apaixona perdidamente por um garoto bonito que encontra numa rua movimentada de Nova York. Não quando minha família está a 12 horas de ser deportada para a Jamaica. Apaixonar-me por ele não pode ser a minha história.Daniel: Sou um bom filho e um bom aluno. Sempre estive à altura das grandes expectativas dos meus pais. Nunca me permiti ser o poeta. Nem o sonhador. Mas, quando a vi, esqueci de tudo isso. Há alguma coisa em Natasha que me faz pensar que o destino tem algo extraordinário reservado para nós dois.O Universo: Cada momento de nossas vidas nos trouxe a este instante único. Há um milhão de futuros diante de nós. Qual deles se tornará realidade?


Você acredita em destino? Por conta de um momento, a vida de duas pessoas com pensamentos e sonhos diferentes se une e transforma-os de uma forma incrível, lhes dando não apenas esperança, mas algo muito maior do que isso!

Com apenas oito anos, Natasha Kingsley e sua mãe, Patricia, que viviam na Jamaica, tiveram de imigrar para os Estados Unidos e ficar junto de seu pai, Samuel, cujo sonho era se tornar um ator famoso; mas que nunca se realizara. E o pai que ela conhecia e amava se transformara num homem amargurado e distante. Tentando se adaptar ao novo país, Natasha se torna uma jovem de 17 anos muito inteligente e que viu na ciência uma espécie de conexão e um refúgio pelo que acontecia com sua família. Contudo, ela nunca pôde contar a ninguém sua história, pois como o visto havia expirado, ela e sua família se tornaram imigrantes ilegais, menos Peter, seu irmão de 9 anos que nascera nos Estados Unidos.

Porém, um deslize de Samuel, faz com que a família seja descoberta e um mandado de deportação para a Jamaica seja feito pelo juiz, dando a eles apenas um dia para se prepararem. Natasha não sabe o que fazer, seu sonho de ir para a faculdade junto com sua melhor amiga Bev, estava se desfazendo e mais uma vez ela teria que se adaptar a um país que ela não se lembra.   
 
Enquanto Peter estava super animado para conhecer a Jamaica, Patricia perdia as esperanças e Samuel estava carrancudo e silencioso, mas Natasha não iria ceder. Então ela decide fazer uma última tentativa, pegando os seus fones de ouvido preferido, cuja música era o seu segundo refúgio, seu livro de física e sai em direção ao prédio do Serviço de Imigração e Cidadania dos Estados Unidos (USCIS) no centro de Manhattan, torcendo para que alguém pudesse ajudá-la.

Já a vida de Daniel Jae Ho Bae é um pouco parecida com a de Natasha na questão da imigração e de família problemática. Seus pais, Min Soo e Dae Hyun, viveram e se conheceram na Coreia do Sul e mesmo sendo pobres, eram muito apaixonados um pelo outro. E com a notícia de que o primo de Dae estava se dando bem nos Estados Unidos, o casal viu uma oportunidade de melhorar suas vidas. 

Contudo, mesmo com uma vida diferente, o desejo de que seus filhos nunca tivessem que passar pelo mesmo que eles nunca saíra da mente de Dae Hyun, com isso, ele e Min sempre foram muito exigentes com seus filhos, principalmente com o mais velho, Charles Jae Won Bae.

Charlie além de ser o filho prodígio, bonito e perfeito em tudo, era arrogante e odiava tudo relacionado a Coreia do Sul e principalmente, o seu irmão mais novo; e o sentimento era mútuo. Daniel nunca soube como isso começou, mas que Charlie sempre arrumava um jeito de irritá-lo. Porém uma notícia muda não apenas a visão dos pais sobre o filho prodígio, mas também o destino de Daniel. Charlie é suspenso da Universidade de Harvard, e para fazer a diferença e não desonrar a família, Daniel concorda em ir para uma entrevista com o intuito se tornar médico na Universidade de Yale, mesmo tendo o desejo de se tornar um poeta.

“Há uma expressão japonesa da qual eu gosto: koi no yokan. Não significa exatamente amor à primeira vista. É mais parecido com amor à segunda vista. É a sensação que a gente tem quando conhece uma pessoa por quem vai se apaixonar. Talvez você não a ame imediatamente, mas é inevitável que acabe amando. Tenho quase certeza de que é isso que estou experimentando. O único probleminha (possivelmente intransponível) é que tenho quase certeza de que Natasha não está.”

Dois jovens que supostamente nunca deveriam se encontrar têm seus destinos entrelaçados, e um momento que poderia ter sido algo simples e que poderia ter terminado na Time Square. Falando sobre amor, família, ciência, destino e esperança, o momento se prolonga e muda a vida dos dois para sempre. Para melhor ou pior, isso vocês só descobrirão lendo!

“Ele ajeita o rabo de cavalo sem deixar que o cabelo caia no rosto. Fato Observável: quero ver seu cabelo cair no rosto. Quanto mais falo com ele, mais bonito ele fica. Gosto até do jeito sério, apesar de geralmente odiar a seriedade. O rabo de cavalo sensual pode estar atrapalhando o funcionamento do meu cérebro. É só cabelo, digo a mim mesma. Sua função é manter a cabeça quente e protegê-la contra a radiação ultravioleta. Não há nada inerentemente sensual no cabelo. – De que estamos falando mesmo? – pergunta ele. Digo ciência ao mesmo tempo em que ele diz amor, e nós dois rimos. Ele instiga de novo: – Quais são os ingredientes? – Interesse mútuo e compatibilidade socioeconômica. – Será que pelo menos você tem alma? – Não existe essa coisa de alma – respondo. Ele ri, como se eu estivesse brincando. – Bem – diz depois de perceber que não ébrincadeira –, meus ingredientes são amizade, intimidade, compatibilidade moral, atração física e o fator X. – Qual é o fator X? – Não se preocupe. Nós já temos. – Bom saber – falo rindo. – Ainda assim não vou me apaixonar por você. – Me dê o dia de hoje. Ele fica sério de repente. – Não é um desafio, Daniel. Ele só me encara com aqueles olhos castanhos e grandes, esperando uma resposta.”


Estou apaixonada por essa história! Esse livro é perfeito, tanto o enredo quanto esses personagens maravilhosos! No início, parece que tudo vai desabar, principalmente na vida da Natasha. Fiquei indignada com o Samuel, mas a autora me surpreendeu, pois além de mostrar as perspectivas de Natasha e Daniel, também mostrava o lado dos outros personagens, explicando o motivo de cada ação, simplesmente genial! Adorei a escrita da Nicola Yoon, é viciante, fluída e perfeita.

Não encontrei nenhum erro de ortografia, e estou encantada e louca para ler outras obras dessa autora. A diagramação está linda assim como a capa. Daniel é um personagem maravilhoso, bonito, fofo, romântico, divertido, sonhador e mesmo com uma família super exigente e um irmão insuportável, ele não deixava que tudo isso o abalasse. Natasha é uma menina realista, sonhar não está na sua lista de prioridades, principalmente o amor. 

Identifiquei-me com ela em muitos momentos haha, mas conhecer Daniel, me fez pensar por outra perspectiva e esse livro me despertou lindas lições de vida que eu nunca mais esquecerei. E se você ficou curioso e gostaria de conhecer essa história ou já leu e se apaixonou assim como eu haha, deixe nos comentários a sua opinião!



20 comentários:

  1. Oie!
    Esse livro é só amor!
    Já li essa história e amei! Não conseguia parar a leitura, e quanto mais eu lia, mais eu queria da história.
    É ótima!
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Carla! Awnn que bom que eu não fui a única haha, eu também estava tão viciada que terminei a leitura em dois dias. Com certeza, bjss!

      Excluir
  2. Preciso ler esse livro!
    Ameeeeei sua resenha! E preciso ler logo!
    Obrigada pela dica!
    Beijos :*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Yohanna! Obrigada, que bom que você gostou! Leia sim, é um livro maravilhosoo! Você não vai se arrepender, bjss!

      Excluir
  3. Ahhh, mto bom saber mais do livro.
    Eu to louca com os livros da autora, acho que tocam a gente de um jeito unico ne?
    E essas capas sao tao lindas, eu amei saber mais da historia e ja sei que vou me emocionar com tudo.
    Adorei a dica de leitura.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Suzzy! Simm, é uma história tão maravilhosa que você nunca mais vai esquecer haha. É muito linda mesmo. Com certeza, espero que goste. Bjss!

      Excluir
  4. Oiii Jennifer tudo bem?
    Eu ainda não realizar a leitura dessa belezinha, mas sei que o preciso ler, sua resenha ficou bem convincente e sei que seria uma ótima pedida, ser cheio de amorzinhos.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Morgs! Obrigada, leia sim! Com certeza, é uma história linda! Bjss!

      Excluir
  5. Oi, Jennifer
    Estão falando tao bem desse livro que tenho ficado ainda mais curiosa. Tão bom, né, quando somos fisgados assim pelos personagens. Torna a leitura ainda melhor.
    Adorei ver sua visão da história. Pretendo ler.

    Livros, vamos devorá-los

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi,Leticia! Com certeza haha, quando nos conectamos com os personagens e com a história não conseguimos mais largar o livro. Obrigada, leia sim. Bjss!

      Excluir
  6. Oi, tudo bem?
    Quando a Arqueiro lançou esse livro fiquei extremamente curiosa e com o passar do tempo acabei esquecendo. Sua resenha trouxe a minha curiosidade de volta com tantos elogios.
    Bjs!
    Fadas Literárias

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Iris! Sei como é haha! Obrigada, fico feliz e espero que goste do livro tanto quanto eu. Bjss!

      Excluir
  7. Olá! Sua resenha foi a melhor que já vi sobre esse livro! E te confesso que não tinha vontade de ler. Mas, você me convenceu! Deu para perceber que é uma linda história, com dramas diferentes, mas que fazem parte de um todo. Já fiquei encantada pelos protagonistas e claro que voou ler, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Aah Obrigada <3 , que bom que você gostou! É uma história linda mesmo! Leia simm, vale muito a pena. Bjss!

      Excluir
  8. Olá Jennifer.
    Sua resenha ficou bem completa e de deu uma noção bem clara do que vou encontrar ao ler o livro.
    Já li "Tudo e todas as coisas" da mesma autora e gostei bastante. Lerei esse com certeza porque tenho interesse no assunto da imigração.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Obrigada, fico feliz que tenha gostado. Nossa, estou louca para ler Tudo e Todas as coisas, espero que seja tão bom quanto esse. Leia sim, você vai amar. Bjss!

      Excluir
  9. Olá ♥
    Sempre achei essa capa maravilhosa, mas nunca parei para focar no enredo. Gostei bastante da temática algo algo que não estamos acostumados a ver. Gostei bastante da proposta que a autora tem no livro. Sua resenha me encheu o coração e me inundou de vontade de ler o livro, parece ser um livro emocionante que nos trás uma reflexão enorme no fim. Dica anotada, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii! Aah Obrigada, que bom que você gostou! Com certeza, nos faz refletir bastante. Leia sim, bjss!

      Excluir
  10. Estou indignada por você parar a narrativa num ponto critico e me deixar morrendo de vontade de ler o livro, quer dizer, tenho ele aqui, mas nunca havia encontrado motivos para ler, pelo menos não tinha encontrado até agora.
    Parabéns pela resenha, vou correr para ler o livro e dps volto aqui ;)
    bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa era a minha intenção kkkk <3. Obrigada, que bom que você gostou! Leia sim, espero que você se apaixone pela história tanto quanto eu. Volta simm, depois me diz o que achou, bjss!

      Excluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo