09/03/2017

[ RESENHA ] Sorrisos Quebrados

Título: Sorrisos Quebrados
Série:  Quebrados
Autora: Sofia Silva
Páginas: 286
Editora: Publicação independente
Estrelas: 5/5 
Paola Perante Deus, o meu marido prometeu me amar.
Cuidar de mim. Ser meu amigo.
Perante todos, disse que me amava. Que íamos ser felizes.
Viver para sempre juntos.
Mentiu em tudo.
Até que um dia, perante mim, ele disse que ia me matar. E não mentiu.
A partir desse dia vivi escondida no meu mundo, até o André aparecer.
André
Não procurava nada. Não queria ninguém.
Não depois de tudo que vivi.
O meu coração estava escondido na escuridão, até a Paola surgir com as suas cores, pintando a minha vida.
Sorrisos Quebrados é um romance colorido entre duas pessoas Quebradas por relacionamentos passados.
Uma história de superação dos próprios medos e promessas.


Primeiramente eu vou repetir uma frase que foi citada por mim assim que finalizei a leitura e eu não pude esquecê-la na hora de avaliar a compra deste e-book na Amazon: “A escrita da Sofia me ganhou de forma tão sorrateira que, sem perceber, acabei completamente envolvida, tocada, quebrada e consertada por esse livro”.
Sem sombra de dúvidas, janeiro foi mês muito produtivo para mim no quesito leituras. Não foram muitos, mas todas tiveram uma qualidade incrível e, para fechar o ciclo com chave de ouro, eu não poderia ter escolhido melhor, senão colocar Sorrisos Quebrados no meu caminho.

Eu nunca havia me deparado com uma escrita tão poética, profunda, verdadeira e simples (tudo isso ao mesmo tempo, acreditem) e agora que eu conheci, estou completamente viciada e não consigo me controlar (Sofia publica logo o segundo livro dessa série, mulher!). Por vezes me pego lendo algumas das dezenas de passagens que eu destaquei na obra, só para suspirar mais uma, duas, três vezes.

“ Às vezes precisamos olhar para as pessoas com os nossos corações e não com os olhos, pois só assim vemos quem realmente são”.
Resultado de imagem para sorrisos quebrados... livro
Contrariando vários tabus que existem nesse mundo infinito, aqui nós não encontramos personagens perfeitos ou comuns. Na verdade, nos deparamos com milhares de estilhaços deixados pelas almas quebradas desses dois protagonistas que mexem com o nosso sentimental como ninguém e que foram marcados por aqueles que mais amavam.
Paola é uma explosão de cores e justamente por ser um mix tão intenso e misturado de dor e esperança, nós acabamos por nos revoltar pelas causas e sentir junto com ela o desenvolvimento de toda trama.

Essa protagonista, definitivamente, não era a mais bonita no seu círculo de amizades, mas, acreditava ela, era a mais afortunada de todas as suas amigas, afinal, estava noiva de um verdadeiro príncipe encantado: Roberto. Rico, bem sucedido e lindo. Entretanto, não demorou muito para que o conto de fadas caísse em ruínas e a verdadeira personalidade de seu noivo começasse a se revelar.

Um perdão aqui, outro ali. Ele iria mudar com certeza, ela pensava. Seu ciúme doentio e seu caráter possessivo não era mais do que apenas uma fase ruim no início do tão sonhado casamento. Trágico engano. Um novo recomeço transformou-se em agressão. Não somente física. Para a tão sonhadora mulher, as marcas roxas em sua pele eram o que menos doía quando o seu orgulho e sua personalidade estavam completamente destruídos.

Ela só queria amor! O que ganhou foi ódio. Almejava uma família. Recebeu ingratidão. Até que não desejou mais nada além de liberdade.
Não demorou muito para que ela percebesse a armadilha que foi pregada contra ela e já era hora de dar um basta em toda aquela humilhação. Com nada mais do que a esperança de ser livre novamente. Aquele era o bendito dia em que ela fugiria e se reencontraria com seu antigo eu. Entretanto, seu príncipe, que se revelou monstro, não estava satisfeito. Ele queria mais, ansiava sugar até a última gota de felicidade que aquela mulher poderia ter um dia.

E, juntamente a Paola, somos transportados para anos depois com nossas almas diferentes, mas não exatamente como ela que agora carregava consigo o pior acontecimento de sua vida: Um rosto completamente desfigurado e um corpo dolorosamente marcado.

Aquele era o seu fim! Todos os olhares de pena ou de alívio das suas amigas por não terem sido elas as escolhidas eram demais para uma pessoa suportar. Então ela se isolou… e se dedicou à única coisa que nunca a abandonou: a pintura. E mesmo com aquela imensidão de tons misturados em que ela pintava e se pintava, ainda existia a melancolia. Até que ela encontrou a luz! Não. Ela encontrou o Sol… Ops, a Sol, a garotinha mais introspectiva e tímida que podia existir. Junto à timidez, ela trouxe sorrisos e alegria, mas também trouxe a escuridão. E, pasmem! Ela chamava a escuridão de pai.

André.
O homem mais absurdamente grande e intimidador que Paola havia visto na vida. Com um braço só ele poderia destruí-la mais uma vez e ela não teria forças para juntar os seus cacos novamente. Era necessário cuidado e receio. Até que, com muita dificuldade, nossa protagonista percebeu que não precisava de nada disso, afinal, a alma dele já estava danificada demais, sem forças para atentar contra qualquer outra pessoa, erguendo-se somente para amar a filha com toda intensidade.

“— Um dia me fecharam num frasco com receio que eu pintasse o mundo.
— E o que você fez?
— Pintei o meu mundo no frasco.”

As feridas de André eram intensas e profundas. Seu coração se perdeu no meio do caos e um dos ganchos mais interessantes da obra foi essa busca incessante do leitor pelo que aconteceu no passado de André que transformou não só ele, mas que mudou também toda a forma da Sol de encarar o mundo.
A mistura da escuridão, dos raios solares com a pintura é pura poesia e eu duvido que você não vá amar, querer cuidar e sentir intensamente cada momento com esses personagens o tempo todo.
André é a mais crua contradição. Diante de toda aquele tamanho, o que encontramos é sensibilidade e dor.

"Porque, Paola, todas as suas partes feias são as mais lindas que já vi."

E eu não vou falar mais nada porque vocês vão ter que ler para entender o que é este homem… E o quão lindo é ver o Sol, as cores e a escuridão se mesclando.
A mensagem que esse livro traz é forte e linda. É necessário recomeçar! Todos nós necessitamos de recomeços. Apesar das cicatrizes, internas ou externas, existe um mundo lindo para conhecer, pessoas maravilhosas para se relacionar! Devemos dizer sim para a vida.

Esse livro me tocou profundamente e pode não ser uma história verídica, mas os personagens que existem aqui têm marcas da vida real: violência doméstica, preconceitos e muitos outros problemas que, se eu citar aqui, podem ser considerados spoilers, então…
Só para concluir, devo ressaltar que essa não é somente uma história sobre duas pessoas isoladas do mundo. É uma lição sobre cair e se reerguer.

“Só mais uma noite.”

A narrativa é feita em primeira pessoa com pontos de vistas alternando entre dois protagonistas. A escrita fluiu muito bem e quando eu me dei conta já havia finalizado a leitura. A capa é simplesmente maravilhosa e combina muito bem com a história. O livro foi publicado inicialmente no Wattpad e conta com vários outros títulos (Destinos Quebrados, Corações Quebrados e Heróis Quebrados). Até agora o único livro publicado pela autora através da Amazon é SQ, mas Sofia já adiantou que o segundo livro da série estará disponível na plataforma ainda neste semestre.





17 comentários:

  1. Gente... Sorrisos quebrados foi um dos últimos livros que li em 2016 (ou dos primeiros que li em 2017?) e me deixou de ressaca literária. Você consegue sentir o sofrimento dos personagens pela leitura. Te toca como o envolvimento deles acontece e os bloqueios que eles tem por seus passados. Realmente é um livro incrível! bjos

    ResponderExcluir
  2. Eu tenho muita curiosidade para ler esse livro, infelizmente, não leio em e-book, então vai complicar bastante - pq se não me engano a autora é portuguesa se não publicar pela Chiado, talvez eu nunca venha a conhecer o trabalho físico dela tbm. :/

    Raíssa Nantes

    ResponderExcluir
  3. Olá
    Pelos quotes que você colocou o livro parece ter uma linguagem bem poética, também fiquei curiosa com o André e sua filha, devem ser uma dupla adorável. Mas não sei se estou bem para acompanhar a história da Paola

    ResponderExcluir
  4. Nossa, que história intensa desse livro.
    Não conhecia ainda e fiquei maravilhada com o seu relato, me animei de conhecer tb.
    Achei a capa bem linda e diferente, com certeza o livro "Sorrisos Quebrados" seria algo que eu iria gostar de conhecer, ainda mais se tratando dos temas abordados, que sao tao atuais.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  5. OiE!
    Que história intensa!
    Eu ainda não tive a oportunidade de ler o livro, mas estou curiosa para conferir. Acredito que vou ficar bem emocionada durante a leitura dessa história.
    bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
  6. Oie tudo bem? De cara já amei essa capa, porém não pensei que seria uma história tão intensa, agora estou curiosa para conhecer esses dois e ver como termina esse drama.

    Bjs Jany

    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
  7. Oi, Mari, tudo bem?
    Todos elogiam demais esse livro. Até hoje vi só uma resenha de alguém que não curtiu tanto assim.
    Que bom que amou o livro. Adoro quando termino uma leitura assim, meio "consertada" rs. E adoro uma narrativa meio poética e que me mexe comigo assim. Ótima dica.

    ResponderExcluir
  8. Oi, Mari.
    Adorei a resenha. Tenho um pouco de medo desses livros de Whatpadd porque nunca encontrei um que me ganhasse, mas depois do que você escreveu, vou procurar esse livro e arriscar sorte! Vai que... Rs...
    Beijos
    Camis - blog Leitora Compulsiva

    ResponderExcluir
  9. Olá,! Este livro está na minha lista, mas ainda não consegui ler. Pretendo resolver o quanto antes, diante da quantidade de análises positivas que já li a respeito dele. Belo texto e gostei dos pontos que você destacou sobre a delicadeza da obra! Abraços!

    ResponderExcluir
  10. Que livro lindo! como eu não conhecia ele antes? Amei demais! Me pareceu uma história muito rica e que marca a nossa vida, né? Preciso desse livro. Sua resenha ficou magnífica!

    Eliziane Dias

    ResponderExcluir
  11. Antes de qualquer coisa, amei a sua resenha!
    Agora vou falar do livro, aliás, nem sei o que falar. Só que: como eu não li essa história antes? Sério, mesmo sem ler, achei lindo!
    Eu via essa capa pelo facebook e sempre gostei bastante, mas nunca imaginei que o livro se tratava disso <3

    ResponderExcluir
  12. Olá! Essa capa está linda demais! E que resenha foi essa? Amei os quotes que você selecionou. Essa história me conquistou de cara, parece ter bastante drama e pelo que percebi, ótimas reflexões podem ser tiradas dessa história. Vou ler com toda certeza. Beijos!

    ResponderExcluir
  13. Olá!

    Já vi várias resenhas positivas, e estou louca pra ler, mesmo tendo certeza de que vou chorar no fim! Parabéns para resenha!

    ResponderExcluir
  14. Oiii!!
    Eu me apaixonei primeiro pela capa, que é linda e claramente atrai publico, ao ler a resenha, percebi que é bem mais que uma capa linda!
    A sua resenha me diexou encantada com a escrita da autora e já imagino que esteja ansiosa pelo segundo...
    Dica anotada!

    Beijinhos,

    ResponderExcluir
  15. Olá,
    Menina, que resenha! Me senti totalmente absorta, querendo saber mais e mais de Paola e André, o que aconteceu com eles e essa forma toda poética da autora de descrever os acontecimentos, gente!
    Esses quotes fizeram parte também do estopim de vontade que me surgiu de ler a obra!
    Dica mais do que anotada.

    LEITURA DESCONTROLADA

    ResponderExcluir
  16. Oi, tudo bem?

    Amo uma história profunda. Gosto de romances assim, intensos, que nos fazem sentir vários sentimentos. Adorei o enredo e a capa é maravilhosa. Com certeza entrou para lista de desejados. <3

    beijos

    ResponderExcluir
  17. Amei esse livro e saber que vai ser lançado pela editora Valentina é maravilhoso.

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo