07/12/2016

[ RESENHA ] Suzy e as Águas -Vivas

Título: Suzy e as águas-vivas
Autora: Ali Benjamin
Páginas: 224
Editora: Verus
Estrelas: 4/5 ♥
Livro: Cortesia da Galera Record
Um dos romances mais autênticos e comoventes dos últimos tempos. Finalista do National Book Award de 2015. Suzy Swanson está quase certa do real motivo da morte de Franny Jackson. Todos dizem que não há como ter certeza, que algumas coisas simplesmente acontecem. Mas Suzy sabe que deve haver uma explicação — uma explicação científica — para que Franny tenha se afogado. Assombrada pela perda de sua ex-melhor amiga — e pelo momento final e terrível entre elas —, Suzy se refugia no mundo silencioso de sua imaginação. Convencida de que a morte de Franny foi causada pela ferroada de uma água-viva, ela cria um plano para provar a verdade, mesmo que isso signifique viajar ao outro lado do mundo... sozinha. Enquanto se prepara, Suzy descobre coisas surpreendentes sobre o universo — e encontra amor e esperança bem mais perto do que ela imaginava. Este romance dolorosamente sensível explora o momento crucial na vida de cada um de nós, quando percebemos pela primeira vez que nem todas as histórias têm final feliz... mas que novas aventuras estão esperando para florescer, às vezes bem à nossa frente.

Suzy e Franny se conheceram ainda bem pequenas e tornaram-se melhores amigas. Elas eram como irmãs, Franny sempre mais na dela, mais calada, tímida e Suzy sempre tinha muito o que falar, seus pais até a aconselharam fazer perguntas as pessoas para que assim ela também aprendesse a ouvir, mas Franny gostava de ouvir Suzy falar.
Tudo começou a mudar quando elas fizeram 12 anos e Franny começou a se comportar de forma diferente, e aos poucos foi fazendo amizades com um grupo de garotas populares, garotas que não se pareciam em nada com Suzy ou com a Franny de antes. As coisas chegaram a um ponto critico, onde Suzy começou sofrer bullying não só por aquelas garotas, mas também por sua ex-melhor amiga Franny.


Durante as férias Suzy recebe uma noticia terrível, Franny tinha morrido afogada, saber daquilo a deixou triste, ainda mais ao saber de tudo depois de 2 dias do ocorrido, mas algo ficou martelando em sua cabeça... Como Franny poderia ter morrido afogada se ela era a melhor nadadora que Suzy conhecia? Isso não era possível. 
Suzy simplesmente não conseguia aceitar que o afogamento foi o motivo que tirou a vida de sua amiga, então durante uma visita a um local de exposição de águas-vivas ela encontra a resposta de sua pergunta. Essa era a única explicação, Franny foi morta por uma água-viva e uma água-viva irukandji e Suzy queria apenas provar isso para todos.

"-Como... a gente diz adeus?-Não existem palavras mágicas ... Não há uma única maneira certa de dizer adeus a alguém que você ama. O mais importante é que você mantenha alguma parte dela dentro de você."

Depois da morte de Franny, Suzy resolve não falar mais nada, passa então a ouvir mais as pessoas e sua principal distração é pesquisar profundamente tudo sobre as águas-vivas. Suzy é daquelas personagens que me fez sentir vontade de entrar no livro, abraça-la e dizer: Ei, estou com você. Pois ela é uma garota muito sozinha, sem amigos e ainda filha de pais divorciados que não se entendem muito bem. 
Por conta do silencio de Suzy seus pais a leva a consultas psicológicas, pois sua mudança é grande, antes ela falava pelos cotovelos e depois da morte da amiga ela simplesmente deixou de falar, mas nada parece resolver esse problema. 

Suzy tinha esperanças de que ela e Franny ainda voltariam a serem amigas e aceitar a morte dela era aceitar que isso nunca iria acontecer, era aceitar que elas estavam brigadas quando Franny morreu e que não tinha mais como voltar atras e mudar o passado e aceitar isso era simplesmente doloroso demais.

"Ter veneno não torna uma criatura má. Veneno é uma forma de proteção. Quanto mais frágil o animal, mais ele precisa se proteger. Portanto, quanto mais veneno uma criatura tiver, mais devemos ser capazes de perdoá-la. Elas são as que mais precisam do veneno"

O livro é extremamente tocante, tiveram várias coisas na história que me fez lembrar de coisas que aconteceram comigo no passado, como sofrer bullying por alguém que antes era meu amigo e isso é algo que fica marcado, que doí... e muito. 
Além disso perdi minha melhor amiga a alguns anos e foi algo inexplicavelmente terrível, uma dor absurda e aceitar que aquilo de fato é verdade doí muito, eu tinha 17 anos quando isso aconteceu e foi terrível, agora fico imaginando como é para uma garota de 13 anos perder a melhor amiga e o mais triste... quando estavam brigadas... Eu particularmente não sei se teria suportado.

Suzy e as águas-vivas é um livro lindo, daqueles que mexe com nossos sentimentos de todas as formas possíveis.  Narrado em primeira pessoa por Suzy, e também acompanhamos  flashbacks do passado, pois o livro começa com a noticia da morte de Franny e aos poucos vamos sabendo como a amizade começou e como tudo acabou também.

Um livro lindo que recomendo muito. Não consegui dizer nem mesmo a metade do que estava planejando falar (isso sempre acontece quando estou falando de um livro bom, então fica a dica ahaha).


Preparem-se para um livro cheio de curiosidades, nossa protagonista é uma garota muito inteligente. Sem contar que a diagramação está um arraso, bem delicado e não encontrei erro de revisão no meu lindo exemplar.

"Você sabia que a luz da estrela mais próxima de nós leva quatro anos para nos alcançar? O que significa que, quando a vemos, quando vemos qualquer estrela, na verdade estamos vendo como ela era no passado. Todas aquelas luzes cintilantes, cada estrela no céu pode já ter se apagado anos atrás. Todo o céu noturno poderia estar vazio neste exato instante e nós nem saberiamos"


17 comentários:

  1. Olá,

    Muito chato quando uma ex amiga se torna algo que você odeia e ainda mais quando são tão novas. Tenho muito interesse nesse livro, ouvi muitas coisas legais e as resenhas são muito positivas. Fiquei intrigada com a questão da morte da colega de Suzy e acho que isso vai tornar a leitura mais dinâmica. Espero ler em breve.

    Beijos,
    entreoculoselivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Oi, Taty
    Tenho escutado muitos elogios para esse livro e tenho ficado imensamente curiosa. Nossa, a história parece ser bem tocante mesmo. E não sabia que tem semelhanças com coisas que já aconteceram com você. O bullying é algo que acredito a maioria de nós já sofremos, eu me incluo nisso, mas perder uma melhor amiga deve ser barra, hein!
    Adorei sua resenha, quero muito ler o livro e me emocionar também.

    ResponderExcluir
  3. Olá,
    Já vi algumas resenhas sobre a obra e todas foram bem positivas, me deixando bem intrigada para conhecê-la mais a fundo e me deliciar com a escrita nela encontrada.
    A trama parece ser bem tocante ao tratar sobre amizades e bullying.
    A capa é maravilhosa e já anotei a dica.

    http://leitoradescontrolada.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Gente, nunca que pelo título eu ia imaginar que haveria uma história tão linda e profunda por trás. Realmente dá para ver toda a dificuldade que a menina passa e ainda tem que perder aquela que já foi sua melhor amiga, mesmo que depois tivesse a chegado até a fazer bullying com ela. Achei muito legal isso dela querer saber mais e até mostrar para todos o que realmente aconteceu e realmente dá vontade de abraça-la e dizer que tudo vai ficar bem e que ela não tem culpa de nada... Muito interessante mesmo e com toda a certeza entrou para minha lista de interesses!
    Um beijo
    www.brookebells.com

    ResponderExcluir
  5. Taty, eu tenho tanta curiosidade em ler esse livro que você nem imagina, até agora só vi comentários positivos, além do mais esse livro está de encher os olhos com essa capa linda! Dica super anotada e ótima resenha.
    Beijinhos da Morgs!

    ResponderExcluir
  6. Olá, ainda não sabia do que se tratava esse livro, e pelo seu posts, é uma leitura que eu certamente vou gostar de fazer. Imagino como deve ser difícil para a personagem perder uma amiga, mesmo que estivessem afastadas.

    ResponderExcluir
  7. OI Taty!!

    O livro trata de temas polêmicos e sensíveis. Já havia lido antes uma resenha e desde então me interessei pela obra, creio que esse drama tenha essência e assim como uma fábula traga uma moral no fim da estória. Obrigada por ressaltar mais ainda que preciso ler. Beijos!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Taty! Fiquei com medo do livro ser extremamente triste e, no momento, estou procurando leituras mais animadas. Li outras resenhas e como a sua, que estão me ajudando a "perder o medo" de encarar a jornada de Suzy. Deixari na lista de sugestões! Obrigada!

    ResponderExcluir
  9. Já tinha ouvido falar do livro, mas não sabia que ele trazia um tema tão delicado, mostrando como Suzy consegue digerir e viver com todos esses problemas e situações que vão acontecendo por sua vida.
    Apesar de não gostar da vibe triste que ele traz, pretendo ler ele em breve, gosto da carga emocional que vem junto.

    ResponderExcluir
  10. Olá!
    Eu devo ter um grande problema, porque toda resenha que eu vejo desse livro as pessoas estão falando super bem e eu simplesmente não sinto vontade nenhum de ler! Adorei a sua resenha e acho que em breve não poderei escapar dessa leitura, quem sabe eu adoro também, não é?

    ResponderExcluir
  11. Taty lindona a premissa do livro é bem interessante, mesmo com a dor da morte da amiga ela vai tentar descobrir qual a razão e toda essa situação trouxe mudanças e crescimento a protagonista, o que sempre é um ponto a favor na história, estou com esse livro em casa e pretendo ler em breve, essa capa é muito linda. beijos

    Joyce
    www.livrosencantos.com

    ResponderExcluir
  12. Olá, tudo bem?

    Sabe, estou fugindo de leituras com tema de morte no momento, questões pessoais. heheh.
    Estou fugindo um pouco de leituras que podem me deixar triste. A premissa me parece muito bacana, quem sabe uma leitura no futuro, mas nesse momento, deixo a dica passar.

    Beijo!
    Ana.

    ResponderExcluir
  13. Oi Taty, sua linda, tudo bem?
    Esse quote que colocou no final, sobre as estrelas, eu não sabia e de certa forma me deixou triste a possibilidade de nesse exato momento o céu estar vazio. Preciso dizer que você foi muto corajosa em dar seu depoimento, de que também no passado, sofreu bullying. Eu não entendo sinceramente porque alguém faz isso com o outro. Aproveite essa dor para se fortalecer. Achei muito triste a amiga dela virar as costas para ela e para conseguir fazer parte de um grupo praticar bullying com ela. E estou desconfiada que essa morte da amiga tem alguma coisa a ver com provar algo para esse grupo. Parece uma linda história mesmo, delicada. Vai para a lista com certeza!!! Sua resenha ficou super sensível, adorei!!!
    beijinhos.
    cila.
    http://cantinhoparaleitura.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  14. Oi Taty,
    Tudo bem? Saudades de você!
    Amei sua resenha, e achei esse livro bem interessante. Esse sim faz jus ao drama, com coisas que realmente tocam no coração. Adorei o post e sinto muito pela sua perda.

    Beijos,

    ResponderExcluir
  15. Nossa, sua resenha está linda, entendendo isso de não conseguir passar todos os sentimentos em uma resenha
    o que você falou sobre o livro me tocou demais e eu estou com vontade de sair correndo na livraria mais perto e já começar a ler o livro, já estou sentindo que irei chorar

    ResponderExcluir
  16. Hello! Tudo bem?
    Gostei mto do livro, apesar de ter me decepcionado um pouco com o final.
    Achei que teria uma explicação melhor, mas entendi a ideia do autor.
    Suzy é uma fofa e so queria que alguem a entendesse.
    Amei a capa.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
  17. Olá!
    Segunda resenha que leio desse livro e a curiosidade só aumenta, ainda mais com assuntos tão tocantes. Gosto de livros onde personagens passam por perdas, aprendo demais com eles. Gostei da capa, muito fofa. espero ler esse ano!

    Beijos

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo