13/06/2016

[ RESENHA] Marianas: A Civilização dos Sonhos

Título do Livro: Marianas: A Civilização dos Sonhos
Autor: E. Chérri Filho
Páginas: 192
Editora: Giostri
Estrelas:   3/5
Livro: Cedido pelo Autor

O extraordinário amor entre um homem e uma sereia nasce e enfrenta grandes dificuldades em meio à disputa de poder no fundo dos mares, numa civilização amiga cuja existência é negada ou escondida pelos livros de História. Jeremy e Licia operam um no outro grandes transformações de pensamentos e sentimentos, em razão do que vivem, inusitado, intenso e sincero. Embarque com eles nesta viagem da qual certamente você não voltará o mesmo.





Hey leitores!

Tudo bem com vocês? Para hoje trago uma fantasia nacional mesclada com romance e muitas reviravoltas surpreendentes!

Marianas: a civilização dos sonhos nos leva a conhecer primeiramente Jeremy, um notório cientista e sonhador, que sempre acreditou na possibilidade de ter mais no fundo dos oceanos do que acreditamos saber, como as utópicas sereias.


“Mas sua meta estava traçada e nada poderia impedir o “caçador de raridades marinhas” de encontrar-se, no seu destino, como a “civilização dos sonhos”.


A trama se inicia quando Jeremy parte rumo as Ilhas Marianas, onde já haviam sido encontradas várias carcaças de seres meio peixes, meio humanos. Suas pesquisas patrocinadas por Renato Franchi, seu amigo mais próximo, que acredita nas mesmas coisas que Jeremy crê.

Certa noite, Jeremy mergulha bem mais do que deveria, acabando por ficar inconsciente e sendo salvo pela bela ariata azul, Licia, por quem acaba se apaixonando.

“-[...]. Você era um estranho completo, mas naquele momento eu daria minha vida pela sua, se fosse preciso. E eu entendo quando diz que finalmente encontrou o que sempre buscou porque meu coração diz o mesmo. ” –Licia.
Ele acorda numa espécie de redoma de oxigênio e mal de acreditar que está no lugar que sempre acreditou existir, a civilização dos sonhos. Lá Jeremy se vê um tanto confuso, mas também encantado com esse novo mundo aquático e seus habitantes com seu estilo de vida puro. Fica bastante abalado quando percebe que nem tudo é só beleza e alegria, existe também o mal nos oceanos.


“A cidade dos sonhos seria um exemplo de cidadania e humanidade, como um Éden. ”

No começo, Jeremy passa por todo um processo de aceitação, pois o fato de Licia ter trago um humano para a civilização é uma infração punida com morte, mas ela é absorvida por diversas razões, uma delas é o fato dela ser uma líder ariata muito respeitada e irmã do tritão Gléssios, um grande líder.


“-[...]. Portanto, com todo respeito que tenho por esta corte, se eu tiver de ser perdoada, peço que perdoem por colocar o amor acima da lei. ” –Licia.

Os ariatas azuis são extremamente amorosos e protetores com qualquer ser, mas existe os ariatas vermelhos, que são cruéis, e autodenominados “vermes”. Liderados pelo vingativo Zorguin, um ariata que sempre nutriu uma paixão insana por Licia e uma ambição frenética pela dominação tanto os oceanos como da terra firme. Ele recebe ajuda do filho do deus do mar (Netuno), Nabor, que se perdeu dos ensinamentos do pai.


“Todos os lideres mortos. Uma cidade totalmente devastada pelo ódio. A inveja de um líder perdido em seus devaneios. Conquistou a morte e a destruição. ”




O livro é narrado na terceira pessoa, nos dando uma visão completa do ponto de vista de alguns personagens, e a escrita é fácil e boa de ser apreciada. Algo que me incomodou durante a leitura foi a ausência da numeração das páginas, me deixando sem uma noção de orientação. Demorei um pouco para ler, apesar de ser um livro curto, pois não me senti muito envolvida com a trama. No primeiro momento, achei o romance entre Licia e Jeremy um pouco meloso e repetindo demais. Porém, os personagens logo são arrastados para situações perturbadoras, prendendo assim minha atenção.


“A vida nos conserva o bem e nos brinda com mal. Basta recebermos ambos da mesma forma com que as coisas da vida passam. O tempo tende a curar o bem e registrar o mal. S ferida aberta vai cicatrizar na esperança. ”


A capa é incrível. Tem um ar de mistério que atrai curiosos, como eu. 



“O tempo parecia andar para trás. Um segundo à espera de Licia era uma eternidade."


Eu já li outros livros cujo o tema central eram as sereias, porém o escritor Chérri Filho abordou o assunto de um modo diferente, puxando mais para o amor e a guerra, o que eu gostei. Recomendo essa leitura para os apreciadores de mistério e seres mitológicos, como as sereias.


“-Minha alma segue engarrafada em você e para você, as ondas do oceano e o tempo irão te encontrar para mim”. –Jeremy.

22 comentários:

  1. Já li algumas resenhas do livro e sempre que leio fico com mais vontade de conhecer o livro. Infelizmente só li um livro que tinha como personagem principal uma sereia. Sou muito fã de mitologia e quando o autor sabe aproveitar o tema, o livro fica mágico.

    sonhoseaventurasdeamor.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente Wanderléa, quando o autor sabe aproveitar o tema, torna a leitura muito mais agradável!

      Excluir
  2. Olá, Marcela!
    Vi algumas resenhas desse livro e inclusive uma polêmica que o autor criou sobre determinada resenha, o que me deixou bastante desconfortável com a situação e me fez perder a vontade de conhecer a obra.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Lilian, e uau! Não sabia dessa polêmica... Muito decepcionante quando algo assim acontece.

      Excluir
  3. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  4. Oi, como vai?

    Conheci o livro através de algumas resenhas que li, e nenhuma despertou meu interesse pelo livro. E essa coisa de não haver numeração de páginas acho um tanto confuso isso. Confesso também que não sou fã de mitologia. Achei sua resenha ótima, ainda assim não me interessa a obra. Obrigada pela dica.

    http://www.cristinadeutsch.org
    Saudações literárias.
    Beijos no ♥

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Cristina! Também achei muito confuso a falta de numeração das páginas. E fico feliz que tenha gostado da minha resenha, obrigada!

      Excluir
  5. Já li e resenhei esse livro! Achei erros ortográficos e me incomodou e muito a questão de não ter numeração nas páginas... Recebi até uma proposta do autor para ser Leitor critico, mas sei que ele precisa de alguém que tenha uma ampla disponibilidade e claro que saiba mais sobre o assunto, por isso acabei recusando! Mas a obra é muito boa.

    Atenciosamente Um baixinho nos Livros.

    ResponderExcluir
  6. Oiii Marcela, tudo bem?
    Eu já li esse livro e amei muito <3 com toda certeza irei ler novamente, achei a escrita do autor maravilhosa.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Morgana! E uau, fico feliz e surpresa que tenha gostado tanto do livro a ponto de lê-lo novamente!
      Beijos!

      Excluir
  7. Já tinha lido outras resenhas do livro e, apesar de ser um tema mitológico que eu goste e de ter uma capa muito bacana, não cheguei a me interessar tanto pela leitura justamente por conta do romance excessivo. A premissa da guerra entre seres da mesma 'raça' é diferente mesmo, mas isso n supera minha aversão por romances melosos. Talvez mais pra frente eu tente! beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade Nuccia, essa ideia de guerra entre seres da mesma raça foi algo bem diferente. Espero mesmo que você tente kkk
      Beijos!

      Excluir
  8. Oioi!
    Acho que nunca li nenhuma historia com sereias e eu adoro elas, acho lindas e fantasticas.
    Nao conhecia o livro Marianas e adorei a premissa.
    Nunca vi um livro sem paginas, me sentiria desconfortavel.
    Vou tentar ler sim e adorei a resenha.
    Beijos.

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii Suzzy! Fico contente que tenha gostado da minha resenha, obrigada! E sim, é realmente desconfortável ler sem a numeração das páginas...
      Beijos!

      Excluir
  9. Olá!
    Ainda não conhecia esse livro. Gosto bastante de seres mitológicos e nunca li nenhum livro que a personagem principal fosse uma sereia.
    Achei a premissa legal, mas não sei se o leria. Fiquei meio em dúvida. E isso de não ter páginas me traria agonia, rs.
    Ótima resenha!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Nunca li livros abordando esse tema. Mas não sei se iria gostar, quero ler a sereia da Kiera Cass, vai ser uma experiência kkkk
    Deixo o convite para conhecer meu blog: http://blogliterariodois.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Também estou louca para ler A Sereia, da Kiera Cass kkk
      E vou conhecer seu blog sim.
      Beijos!

      Excluir
  11. oi ^^
    pow não me sinto animada para ler esse livro e ele até havia me chamado a atenção, mas depois perdi completamente o interesse.
    espero que para quem se sentiu atraído pela leitura goste da mesma. no mais gostei da sua opinião. Seguindo o Coelho Branco

    ResponderExcluir
  12. Oláa! Eu já li algumas resenhas sobre o livro, mas acho que a sua foi a mais completa até agora. Não me sinto MUITO atraída pelo livro, porém acho que seria uma leitura legal para mim também. Tenho uma amiga que é viciada em livros de sereia, vou indicar esse a ela! :D
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Gabrielly! Obrigada por achar minha resenha completa kkk E vou torcer para que sua amiga goste da indicação!
      Beijos!

      Excluir
  13. Oie Marcela tudo bem? Já me recomendaram esse livro, mas até agora não li. Estou curiosa por ser sobre sereias, mas não posso por nada novo na meta desse ano mais ):

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo