10/07/2017

[ RESENHA ] Intenso Demais

Título:  Intenso Demais
Autor: S.C. Stephens
Editora: Valentina
Páginas: 464
Estrelas: 3/5
Ela ultrapassou perigosos limites e agora não há mais volta. Traição, amor e paixão. Chegou a hora da decisão de uma vida. Há quase dois anos, o namorado de Kiera, Denny, é tudo que ela sempre quis: apaixonado, carinhoso e totalmente dedicado. Quando os dois se mudam para outra cidade a fim de começar uma nova vida – Denny no emprego de seus sonhos, Kiera numa conceituada universidade –, tudo parece perfeito. Mas então, um imprevisto separa o feliz casal. Sentindo-se sozinha, confusa e carente, Kiera se aproxima de Kellan Kyle, o sexy e sedutor vocalista de uma banda de rock. No começo, ele é apenas um amigo em cujo ombro ela pode chorar suas mágoas, mas, à medida que sua solidão aumenta, o relacionamento ganha força. Até que, uma noite, tudo muda... e nenhum deles jamais será o mesmo.


Um breve gostinho da história...

Kiera era uma menina feliz, que sempre conseguia o que queria.
Tem uma família que a ama e faz suas vontades, um namorado lindo e que estava sempre tentando agrada-la.
Ela estava tão apaixonada por Denny, que resolveu abandonar tudo e ir morar com ele em Seattle, já que ele conseguiu um estágio na "melhor empresa do mundo".
Os dois vão morar na casa de um antigo amigo de Denny, já que esse amigo resolveu alugar um quarto pra eles 'à preço de banana'.
Kiera nunca tinha visto esse amigo de Denny, mas assim que o vê ela fica totalmente atraída pelo cara. (Atraída até demais para meu gosto)
Conforme o tempo passa, os três vão criando uma certa intimidade por dividirem o mesmo teto.
Denny fica cada vez mais ocupado com seu estágio, o que faz com que ele fique cada vez menos em casa e Kiera fique cada vez mais sozinha com o tal amigo de Denny. 
À propósto, vamos dar 'nomes aos bois', o tal amigo se chama Kellan.
Se bem que pensando bem sobre o assunto, o boi na história não foi o Kellan. kkkkkkkkkk
Devido a ausência  de Denny, Kiera fica muito carente e chateada. Ela acaba brigando com Denny e eles "terminam".
Mas ela precisa saciar sua carência não é. Pobre Kiera...
E lá estava Kellan, com toda a sua "perfeição" para satisfazê-la.


Sim, senhoras e senhores, ela transa com amigo do seu namorado !  
A partir daí, todo o desejo entre os dois aflora e se torna um frenesi descabido. 
Pior que isso, Denny decide abandonar o estágio pra poder ficar com ela, e a louca da Kiera fica indecisa de com quem ela deve ficar.
E ai começa toda a novela mexicana da história.


Senta que lá vem a resenha:

Acho que palavras não poderiam descrever o quanto a Kiera é chata, mimada, imatura, insegura e indecisa. Ela tinha tudo que queria com Denny, então pra que, pra começo de conversa, foi se envolver com Kellan?!?!?!?!?
Aliás, se o Denny era tão perfeito como ela descrevia, por que ficou tão atraída pelo Kellan?!?!?!
E abrindo um parentese aqui entre nós, não entendo essa fascinação que as personagens tem pelos caras nesse tipo de livro.
Entendo você ficar atraído por alguém, mas ficar à ponto de babar pelo cara só por ele respirar, ou ficar definindo ele como perfeito o tempo todo é demais !!!!!

Mas voltando ao assunto... Além da sacanagem de ficar com um amigo de Denny, ainda voltou a ficar com ele como se nada tivesse acontecido.
A atração que sente por Kellan começa a se transformar em paixão, e ela nem é capaz de perceber. (Que burra, dá zero pra ela!)
Começa a se afastar de Denny involuntariamente, mas mesmo assim fica confusa se quer ou não abandona-lo pra ficar com Kellan. Sendo assim ela tem a brilhante ideia de ficar com os dois. (apesar de ela não assumir isso de fato)

"Fica... por favor. Fica comigo... não me deixa - implorei baixinho, minha voz falhando ao pronunciar a ultima palavra. Eu não sabia o que estava dizendo. Apenas não podia suportar a ideia de nunca mais vê-lo"


Aí depois desiste, mas não quer que Kellan siga sua vida com outras mulheres.

Só faltou colocar uma coleira no Kellan e amarrar na porta do quarto dela pra uma rapidinha sempre que quisesse ! 
Não consigo entender por que os autores sempre descrevem as mulheres como pessoas tão sem personalidade assim. É difícil ler um romance onde a mulher seja uma pessoa que sabe exatamente o que quer e com quem quer ficar.


Kellan por sua vez, atura toda essa palhaçada da Kiera, de te quero e não te quero mais. Tá sempre ali recolhendo as migalhas que ela esta disposta a oferecer a ele. Depois fica se sentindo culpado por causa de Denny, mas mesmo assim não larga o osso.
"Eu preciso de você. Deixe-me fazer isso. Eu posso te fazer esquece-lo. Eu posso fazer você esquecer-se de si mesma"


E as atitudes que ele toma as vezes são tão mulherzinha que fica óbvio que foi uma mulher que escreveu o livro.

Em que mundo que um cara que tem tudo como o Kellan, ia ficar se arrastando e implorando o amor de alguém?!?!?! Cara assim são orgulhosos demais pra isso!
Essa coisa de ficar abraçadinho no sofá não era pra fazer o tipo dele, mas...
Também me chateia  a autora ter inventado toda aquela história triste que todo personagem desse tipo de livro tem que ter, pra ser o motivo para ele estar sozinho mesmo sendo uma cara lindo, talentoso, sexy e legal. Acho isso tão desnecessário. Sabe, você ter que usar de uma história triste pra fazer o leitor se cativar pelo personagem.

Acho que o mais sensato de toda história é o Denny. Não tem nada no jeito dele que eu discorde. Entendo as atitudes que ele tomou. Acho que eu nunca torci tanto para que Kiera ficasse com ele. (Será que minha torcida fez efeito?) 
O que é estranho, porque o livro todo tenta fazer você se apaixonar por Kellan junto com a Kiera.


A verdade é que esse livro me irritou. Eu estava sempre querendo entrar no livro e dar uns tapas na Kiera.

Aliás, eu já tive essa vontade com outros essa vontade com outros personagens de outros livros, mas caramba, se tivesse um troféu da chatice, com certeza eu daria pra Kiera!!!
A história também não é tão quente assim. Tem mais romance do que cenas quentes, então não vá esperando que esse seja o próximo 50 tons de cinza. 
Mas tenho que parabenizar a autora, por que mesmo a Kiera sendo uma chata, ela conseguiu me prender a história até o fim. E mesmo o livro sendo meio grande, eu o li em 3 dias. O que considerando o pouco tempo que tenho pra ler, foi muito rápido.
E o final... Ah, foi de cortar o coração!!!
Tenho que admitir que quase chorei. 
Despedidas demais!!! 
Resumindo, dá pra ler sim. Mas não é nem de longe um livro que se diga: Uau !!!!! 


11 comentários:

  1. Tenho curiosidade nessa trilogia desde que ela lançou. E sabe que a personagem é irritante me faz pensar se devo lê-la rsrsrs. Adorei sua resenha.

    Bjs
    Suka
    http://www.suka-p.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Suka. Que bom que gostou da resenha. eu realmente não consegui digerir a Kiera até hoje, mas vai que você goste.
      Leia o livro e deixe sua opinião aqui. Quem sabe você não ache ele tão chata como eu achei.
      Caso você concorde comigo, vou deixar seu lugar reservado no fã clube do "Odiamos a Kiera". !!! hahahaha
      Bjs

      Excluir
  2. Hellooo!!
    Eu penso como vc, nao entendo como as meninas gostam de caras assim.
    Confesso que amo um romance com roqueiro, mas esse ja li tantas resenhas falando da protagonista ser mimada e chata que nao me anima a ler.
    Sem contar que ja vi o livro por dentro e que letra pequena, nao iria terminar nunca hehe.
    Muito boa a resenha, bem sincera e direta.
    Beijos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hellooooooo!
      Ouvi sobre esse livro por uma amiga literária. Ela me falou tão bem do livro que não exitei em pagar uma bela fortuna por ele na época.
      Imagine a minha decepção ao ler. Fiquei tão chateada que a resenha saiu tipo um "PELO AMOR DE DEUS, NÃO LEIAM!"kkkkk
      Mas se você gosta de romance de roqueiros, é melhor ler "Preciso do seu amor" é melhor que esse"
      bjs

      Excluir
  3. Olá! A sinopse não me agradou mesmo e agora lendo sua resenha, tive mais certeza ainda. Não curto esse tipo de história com meninas mimadas e indecisas. Dá vontade de esganar mesmo rsrsr. Parabéns pela resenha, beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Suzana.
      Sempre me perguntei porque as meninas desse tipo de livro são tão fúteis. Você também já se perguntou isso?

      Excluir
    2. Olá Suzana.
      Sempre me perguntei porque as meninas desse tipo de livro são tão fúteis. Você também já se perguntou isso?

      Excluir
  4. O título chama a atenção, mas confesso que essas capas com homens gostosos não me convencem... E depois de ver a sua resenha acho que faço bem em continuar me mantendo longe do livro. Gosto de histórias mais de romances bem desenvolvidos com personagens complexos e essa coisa de menina mimada me cansa um pouco! Bjos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Então passe bem longe desse livro. RS
      Bjs

      Excluir
  5. Amei a sua resenha! Eu também odiaria essa personagem e ficaria profundamente irritada com o livro. Tenho um tanto de raiva das personagens que jogam um relacionamento perfeito no lixo por causa de uma atração e ainda se sentem no direito de posar de vítimas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. O pior foi mesmo a autora tentar vitimiza-la. Ela não foi vítima de coisa alguma. Fez o que fez porque queria.

      Excluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo