25/01/2018

[ RESENHA ] Menina de Vinte



Título: Menina de Vinte
Autor: Sophie Kinsella
Páginas: 496
Editora: Record
Estrelas: 5\5
Lara Lington sempre teve uma imaginação fértil. Agora ela começa a se perguntar se está ficando maluca de vez. Meninas normais de vinte poucos anos não veem fantasmas, né? Pelo menos era o que ela pensava até o espírito da tia-avó Sadie, que foi uma jovem dançarina de Charleston com ideias avançadas sobre moda e amor, aparecer misteriosamente com um último pedido: Lara precisa localizar um colar que foi dela por mais de 75 anos. Só assim tia Sadie poderá descansar em paz. Além de encontrar a joia, Lara tem que lidar com probleminhas do dia a dia: a sócia foi curtir um romance em Goa, sua empresa está afundando e ela acabou de ser abandonada pelo homem “perfeito”. Nesta divertida história, Lara e Sadie são duas meninas de vinte bem diferentes que vão aprender a importância dos laços familiares e da amizade.

Sabe quando tudo começa a desandar na vida? Lara Lington sabe bem disso. Primeiro ela perde o namorado, depois a melhor amiga dela larga empresa que elas montaram em cima dela e agora terá que lidar com um funeral de uma tia que nem conheceu. E mais: fazer com que os pais não descubram o quanto sua vida está afundando. Só um funeral reuniria toda a família Lington que é formada pelo amável pai de Lara, a neurótica mãe e a cínica Tonia, irmã de Lara. Todos eles sempre viveram à sombra do tio rico, dono do império dos café Lingtons, Bill.

No meio do funeral algo acontece: uma garota de seus 23 anos e roupas da década de vinte grita para acabar com a cerimônia, pois ela precisa do seu colar perdido. O problema é que só Lara enxerga essa garota que é nada mais nada menos do que o fantasma da tia-avó Sadie! Ela enlouquece Lara para que ela pare a cerimônia e assim ela o faz com a desculpa de que Sadie teria sido assassinada. Essa é apenas a primeira enrascada que Sadie meteria Lara.

Ninguém sabe porque apenas Lara consegue enxergar Sadie, mas é incumbida de descobrir o paradeiro desse colar tão importante para a tia avó. Lara é uma personagem muito legal, que logo virou uma “amiga” minha. Já Sadie é realmente irritante e egocêntrica, mas é impossível não gostar dela. Graças a ela a protagonista vê uma mudança na sua vida. 

"Nunca ouviu uma voz dentro de você mandando que mudasse de vida? Dizendo que estava no momento errado?"

Nesse processo de busca do colar leva Lara ao asilo em que Sadie viveu por muito tempo e tem que lidar com a culpa da família praticamente tê-la abandonado-a. Acho que a autora trata de uma forma rápida, mas ainda assim válida de como os idosos são tratados. Sadie vive parte da vida sozinha em um asilo onde apenas enfermeiras se importavam com ela. Uma garota de 23 anos estava presa em um corpo de 105 que não podia dar a ela a vida que ela desejava e que tinha vivido. Ela sentiu como se não fosse importante ou especial, e a ausência da família só confirmava isso. Felizmente ela estava bem errada.

No meio do caminho temos o ex-namorado Josh, a quem Lara tenta reconquistar (obsessivamente) com a ajuda de Sadie. Também temos Ed, um empresário norte americano com quem Sadie quer um encontro e usa Lara para isso. Mas sério, apesar de me proporcionar altas risadas, toda a obsessão com a década de 20 era obviamente ultrapassada. E eu senti uma vergonha alheia pela coitada da Lara em seu encontro com Ed.

As protagonistas não deixam nada a desejar. São muito interessantes e a dinâmica é maravilhosa. Eu ri bastante com elas. Lara é impulsiva. Largou o emprego para montar uma empresa com a (péssima) melhor amiga, além de ficar stalkeando o ex. E gosta muito de mentir para os pais. Apesar desses defeitos, ela é bastante determinada e realmente esforçada. Além disso, ela busca ver o bem nas coisas e tornar o mundo melhor através do seu trabalho.

Sadie, como já disse, é bastante irritante e acha que todos devem fazer suas vontades, mas é a alma da narrativa. Ela é quem move a história com sua energia e maluquice. Sem falar que adorei como ela era a frente do seu tempo, uma feminista. Também gostei muito de Ed, apesar do estilo fechadão eu percebi que ele o equilíbrio perfeito para Lara. Mas com quem ela vai acabar só lendo para saber.

A narrativa é maravilhosa, Sophie escreve de forma mágica que te faz se sentir dentro da estória, e faz a leitura ser tão gostosa que quando termina fica aquele vazio. 

Ela era intransigente e enérgica. Tinha a mania de... fazer as coisas acontecerem. Tanto para ela quanto para os outros.

No geral eu adorei a história. É uma leitura leve, engraçada, com um "toquezinho" de mistério. E um grande ponto abordado é a relação familiar. Acho que tanto Sadie quanto Lara tinham o que aprender e ensinar uma a outra e eu fiquei feliz em com elas evoluíram e da amizade que desenvolveram. O livro é sobre viver agora e aproveitar, além de dar importância a quem amamos e a quem nos merece. Apesar Para quem gosta do gênero chick-lits ou da autora eu super recomendo adicioná-lo na sua lista, até porque ele vai além do que o gênero propõe.

É fácil dispensar a família. É fácil não dar valor. Mas sua família é sua história. Sua família faz parte de quem você é.

42 comentários:

  1. achei um tanto quanto engraçado esse enredo, coitada da Lara, todos devem ter pensado que ela estava louca. Uma via de mão duple, espero que tanto Lara quanto Sadie tenha alcançado seus objetivos e claro que vou ter que ler para descobrir o desfecho dessa maluquice rsrs. Adorei a dica.

    Beijos.
    https://cabinedeleitura0.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkk a coitad da Lara é taxada de louca só umas cem vezes. Ainda bem que você gostou da dica!

      Excluir
  2. Nossa, fiquei apaixonada pela sua resenha! O livro parece ser tão gostoso de se ler que fiquei com vontade de ler e me deparar com tanta coisa divertida e essas lições familiares! Ótima dica!

    Beijos,
    Conta-se um Livro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Hey. Fico feliz que tenha gostado! Espero que leia e se divirta tanto quanto eu.

      Excluir
  3. Olá, tudo bem? Gente, cada vez eu fico mais curiosa para ler algo dessa autora, kkkkkkk. Adorei a resenha e a premissa do livro, parece ser uma história bem engraçada.

    Beijos,
    https://duaslivreiras.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Larissa! Sophie Kinsella é uma ótima autora do gênero, sempre engraçada e com histórias adoráveis.

      Excluir
  4. Oiii Thais tudo bem?
    Realmente parece ser uma leitura bem interessante e apaixonante, ainda mais que a autora é mega engraçada nos seus livros e isso me atrai bastante, amei a capa, está linda!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Morgana! A capa também foi uma das coisas que me ganharam. Espero que aproveite a leitura tanto quanto eu.

      Excluir
  5. A Sophie escreve os melhores chick lit... Adoro a escrita dela... Pois é capaz de levar as pobres protagonistas ao extremo e nos proporcionar muitas risadas... Ahhh e seus mocinhos sérios geralmente são encantadores.

    Bjs.
    Amanda Nery
    www.leituraentreamigas.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você descreveu perfeitamente. Adoro os livros dela.

      Excluir
  6. Amei sua resenha.
    Nunca li nada da autora mais adoro chick lit, são os melhores gêneros na minha opinião. Esse livro em especial parece ser uma obra bem divertida. Adoro livros também que tenham um certo mistério.
    Anotado a dica, em breve pretendo ler algum livro dela.

    bjus

    http://naturezaliteraria.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Eu também sou fã de chick lit. Sempre divertidos, com protagonistas ótimos e ,muitas vezes, até lições

      Excluir
  7. Olá!

    Posso comentar já falando da capa... É uma fofura!
    A narrativa é maravilhosa. Lara me pareceu ser uma personagem muito divertida e determinada.
    Fiquei imaginando como deve ter sido engraçado só ela ver o espírito da tia-avó kkkkk.
    Super leria esse livro.

    Dica anotada!


    =**

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! O livro é ótimo mesmo. Espero que aproveite tanto quanto eu

      Excluir
  8. Oi tudo bem?
    Fico imaginando as enrascadas que Sadie põe Lara, parece que a história é bem divertida, e gostei da abordagem familiar, obrigado pela dica, anotada!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! O livro é ótimo mesmo. Espero que aproveite tanto quanto eu

      Excluir
  9. Oi!
    Esse parece ser um daqueles livros bem divertidos, que a gente ri bastante e que, mesmo assim, nos traz uma mensagem legal também. Esse último quote que destaco foi tocante (e real). Adorei sua resenha e já estou anotando a dica!

    Abraços,
    http://literaleitura2013.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Muito obrigada. O livro é ótimo mesmo. Espero que aproveite tanto quanto eu

      Excluir
  10. Olá, eu quero muito ler algum livro da autora. E depois dessa sua resenha maravilhosa, já fiquei mega interessada na história divertida desse livro. Acho que vou começar por ele.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Obrigada! Adoro saber que dei o empurrãozinho para iniciar a leitura haha Aproveite!

      Excluir
  11. Que capa mais charmosinha!!!
    Eu não conhecia o livro, parece ser mesmo uma leitura leve e acho que pode ser boa quando quero dar uma relaxada nos livros mais pesados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Beatriz. Esse é exatamente o tipo de livro para relaxar e rir

      Excluir
  12. Os livros dessa autora parece serem tão engraçado. Qualquer dia desse vou conferir, mesmo não sendo o tipo de leitura que desperte o meu interesse.

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Sou fã da escrita da Sophie Kinsella. Menina de Vinte foi uma leitura bem interessante e perspicaz que surpreendeu do início ao fim.
    Apesar de número de páginas eu achei que a narrativa ficou bem fluida e dei boas risadas com o jeito da protagonista.
    Beijos!

    Camila de Moraes.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim! A leitura é ótima, não parece que são tantas páginas. Espero a chance de elr mais livros da autora

      Excluir
  14. Oi, Thais!
    Já li esse livro e é um dos meus favoritos! Adoro a Lara e o Ed! E a Sadie, é uma figura! No começo eu a achei bastante irritante também, mas depois dava vontade de abraçar! rsrs
    Adorei a sua resenha, que bom que você curtiu a leitura!
    Bjos
    Lucy - Por essas páginas

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É exatamente meu pensamento. A Sadir é tipo aquela amiga implicante, mas que a gente adora. Também se tornou um dos meus favoritos e espero ler mais livros da autora logo

      Excluir
  15. Oi, tudo bem?
    Adoro esta autora, acho ela super divertida e irreverente. Este ainda não li, mas não tenho duvidas que seja ótimo! Adorei sua resenha e dica anotada!
    http://colecionandoromances.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! O livro é ótimo. Espero que aproveite tanto quanto eu

      Excluir
  16. Ola
    Esse livro parace ser bom para ler entre um hstória e outra, ou apos ler um livro pesado e dificil. Voi deixar a dica anotada para quando precisar de algo assim.
    Adorei a resenha.
    Bjus

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! Espero que aproveite quando tiver a chance de ler

      Excluir
  17. Olá Thais, tudo bem?
    Eu já li muitas resenhas positivas para esse livro, apesar de nunca ter pensado em, efetivamente, lê-lo. Gostei muito dos pontos que você apresentou na história e me senti muito próxima da protagonista por ter lido suas impressões.
    Por toda a leveza e envolvimento que essa história parece ter, vou anotar a dica, sim!
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo! Espero que tenha a chance de ler logo.

      Excluir
  18. Olá!

    Eu sou louca para ler alguma coisa da Sophie Kinsella, já coloquei livros dela na lista de leitura incontáveis vezes e nunca fui para frente infelizmente. Nunca tinha dado muita atenção para esse livro em especial e sua resenha me mostrou o que eu estou perdendo, pois parece ser um livro maravilhoso e muito espirituoso. Vou tentar mais uma vez colocar a autora na lista de leitura e escolho esse livro unicamente pela sua resenha cativante. Obrigada pela dica.

    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, obrigada! Adoro motivar as pessoas na leitura haha. Espero que você se divirta com essa leitura tanto quanto eu

      Excluir
  19. Oi, tudo bem?
    Adorei a premissa do livro, não me dei bem a primeira vez que tentei ler algo da autora mas li outro livro recentemente e adorei, e este acho que vou curtir!
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! O livro é ótimo mesmo. Espero que aproveite tanto quanto eu

      Excluir
  20. Oi Thais, como está?
    Rapaz, que proposta é essa? Eu adorei mesmo! Nunca vi nada parecido e não achei que a Sophie Kinsella iria tão longe agora! Quero pra agora!
    Abraços e beijos da Lady Trotsky
    http://galaxiadeideias.com
    http://osvampirosportenhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá! Não li muitas obras da autora, mas sempre acho maravilhosos e esse foi meu preferido. Super recomendo

      Excluir
  21. Deve ser uma leitura muito divertida!!! Já quero ler. Sem contar que essa capa é muito linda mesmo. Ainda não li nada da autora, mas sei que a fama dela é de que suas obras são engraçadas. Pensava que o título desse livro era por conta da idade da protagonista, jamais imaginaria que seria a década em que vivia a tia fantasma. Adorei. Um beijo e sucesso com seu blog.

    ResponderExcluir
  22. Oi, Thais ^^
    A Kinsella é uma das autoras rainhas do gênero chick-lit que desejo imensamente ler desde que assisti a adaptação cinematográfica de Becky Bloom. Só vejo elogios para essa girl. <3
    Não tinha lido uma resenha dessa obra e fico feliz em saber do que se trata para já adicionar no QUERO LER do Skoob.
    Gosto de ver esse impacto de gerações porque geralmente vemos um crescimento acontecer de ambas as partes.
    Já vejo que não vou me dar muito bem com essa Sadie mesmo percebendo que o fato dela dar o ar cômico para o enredo é um ponto que a autora explora para não odiarmos ela kkk
    Lara me parece uma personagem para se ter uma simpatia, mas já vejo que ela precisa melhorar essa impulsividade dela pois já sofri desse mal que de vez em quando acorda de novo. ashaushsa
    Só posso dizer muito obrigado por sua resenha e por me fazer desejar ter essa leitura. ^^
    Abraços.

    ResponderExcluir
  23. Deve ser uma leitura interessante para quem curte este gênero literário, mas, infelizmente não é de uma temática que eu tenha o hábito de ler, então vou passar a dica desta vez. Boa sorte com o blog!

    Portal GATILHO
    https://portalgatilho.wordpress.com

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo