03/03/2017

[ RESENHA ] The Kiss of Deception

Título: The Kiss of Deception
Autora: Mary E. Pearson
Páginas: 409
Editora: Darkside
Estrelas: 5/5
Tudo parecia perfeito, um verdadeiro conto de fadas menos para a protagonista dessa história. Morrighan é um reino imerso em tradições, histórias e deveres, e a Primeira Filha da Casa Real, uma garota de 17 anos chamada Lia, decidiu fugir de um casamento arranjado que supostamente selaria a paz entre dois reinos através de uma aliança política. O jovem príncipe escolhido se vê então obrigado a atravessar o continente para encontrá-la a qualquer custo. Mas essa se torna também a missão de um temido assassino. Quem a encontrará primeiro? Quando se vê refugiada em um pequeno vilarejo distante o lugar perfeito para recomeçar ela procura ser uma pessoa comum, se estabelecendo como garçonete, e escondendo sua vida de realeza. O que Lia não sabe, ao conhecer dois misteriosos rapazes recém-chegados ao vilarejo, é que um deles é o príncipe que fora abandonado e está desesperadamente à sua procura, e o outro, um assassino frio e sedutor enviado para dar um fim à sua breve vida. Lia se encontrará perante traições e segredos que vão desvendar um novo mundo ao seu redor.O romance de Mary E. Pearson evoca culturas do nosso mundo e as transpõe para a história de forma magnífica. Através de uma escrita apaixonante e uma convincente narrativa, o primeiro volume das Crônicas de Amor e Ódio é capaz de mudar a nossa concepção entre o bem e o mal e nos fazer repensar todos os estereótipos aos quais estamos condicionados. É um livro sobre a importância da autodescoberta, do amor, e como ele pode nos enganar. Às vezes, nossas mais belas lembranças são histórias distorcidas pelo tempo.

No mundo dos livros existe os mais variados tipos de romances, têm os bem cheios de amorzinho, uns mais quentes/picantes, outros regados de bom humor, tem aqueles romances que mexem com a nossa cabeça e existem romances incomparáveis e é aí que "The Kiss of Deception" entra, um tipo de história única, completa e envolvente que captura a atenção do leitor desde a primeira página. Com uma associação de fatores, como rixa entre grupos, uma monarquia pedante, um amor predestinado e um amor acordado entre famílias, uma protagonista forte e um ambiente bem descrito lindo de se ler.

A princesa Lia é a Primeira Filha da Casa Real de Morrighan, ela já tem sua mão prometida a um príncipe de outra localidade e esse casamento seria a proposta perfeita para selar um acordo de paz entre grupos. Mas ela não aceita essa obrigação a ela imposta e decide que abandonará tudo e todos para fugir de um casamento, ritual e cultura tão opressora.


Parte então na companhia de Pauline, uma tipo de criada sua, mas que é muito mais sua amiga do que qualquer divisão hierárquica e começa uma longa viagem em busca de paz de espírito. Nessa viagem enfrentam muitas dificuldades e finalmente chegam ao vilarejo mais ao sul de Morrighan onde começam a trabalhar e a princesa deixará todas as regalias do passado para viver como uma mera camponesa.

“Parei no cume da colina e olhei para trás, onde apenas pequenos vislumbres da baía ainda eram visíveis entre as árvores. Terravin. Agora eu entendia os monumentos. Alguns eram feitos de suor e pedra, outros eram feitos de sonhos, mas todos eram feitos das coisas que não queríamos esquecer.”

Ela gosta da rotina que tem na taberna que trabalha, de todos os afazeres, da vida que leva ali, com Pauline próxima a ela. Só que inesperadamente surgem dois cavalheiros muito diferentes um do outro e eles chamarão a atenção da jovem Lia.

Um deles é Kaden e o outro Rafe. O interessante é que um deles é o príncipe que ela largou no altar no dia do casamento e o outro, bom, o outro é o seu assassino. Mais da metade do livro se passa e nós não sabemos quem é quem. Quem é o mocinho e o vingador? Porque ambos nutrem sentimentos ambíguos para com ela, ora ódio, ora ternura, ora amor, ora raiva. Detalhe, a jovem Lia não faz idéia de qual é a identidade deles, pensa que são viajantes e estão de passagem por ali.

Quando deixado no dia do seu casamento o príncipe não aceitará essa ofensa e decide caçar a jovem princesa e trazê-la de volta nem que seja arrastada. Enquanto isso, um assassino é convidado a eliminar Lia da rota, porque sem a existência dela não haverá a acordo e um certo grupo será favorecido para finalmente colocar em prática um ataque a região de Morrighan.

Tudo isso acontece simultaneamente, a fuga, o acordo de morte e a procura do príncipe. Todos chegarão ao mesmo ponto e resta saber se descobrirão quem é quem nesse jogo de gato e rato.


Vamos lá, esse é o tipo de obra que pode parecer meio confusa no começo por você não saber quem é bom ou mal, mas depois você quer beijar a autora por ter tido uma sacada tão incrível. O fator surpresa na descoberta de quem é o assassino nos deixa pirados, é maravilhoso!

Algo que ainda não comentei é que toda Primeira Filha tem um dom, cada uma com o seu e Lia, teoricamente, também tem essa habilidade e essa possibilidade de ser especial trará um novo contexto para o romance todo.

(...) "As verdades do mundo desejam ser conhecidas, mas elas não se forçam sobre a gente como as mentiras fazem. Elas vão nos cortejar, sussurrar para nós, brincas por trás de nossas pálpebras, deslizar para dentro de nós e aquecer nosso sangue, dançar ao longo de nossas colunas e acariciar nossos pescoços até que a pele fique toda arrepiada."

Durante a leitura percebemos o quanto ela está dividida entre os dois jovens, mas em certo ponto o seus sentimentos ficam mais claros e vamos torcer fortemente pra que tudo dê certo. Tem um triângulo amoroso como vocês já devem ter notado, mas fiquem tranquilos que não tem nada de clichê nesse triângulo, é exótico e criativo, absolutamente cativante.

Dentre todos os romances românticos e de fantasia lidos por mim em 2016, essa obra foi de longe a que mais amei, como eu disse, é uma história completa! Além da edição ser digníssima, em capa dura e muito bem diagramada, a editora Darkside com o selo DarkLove quebrando nossos bolsos com tanto livro lindo.

O segundo livro da série "Crônicas de Amor e Ódio" já foi lançado, se chama "The Heart of Bretayal" e em breve teremos a resenha dele por aqui. O terceiro livro "The Beauty of Darkness" sairá ainda esse ano, provavelmente no primeiro semestre e o coração palpita de ansiedade, rsrs.

Espero que tenham curtido a resenha e se gostaram comentem aí! ^^

Bjinhos.
Até breve.
Att,
Paty Argachof

16 comentários:

  1. Olá!
    To doida pra ler essa série. Só vejo bons comentários. E sua resenha me deixou ainda mais curiosa. Não vejo a hora dos meus livros chegarem!
    Beijos!

    Camila de Moraes

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa série é simplesmente AMAZINGGGGG! kkkk
      Leia sim e quando ler comente aqui. ^^

      Bjsss

      Excluir
  2. Olá, sua ótima resenha só me deixou com ainda mais vontade de ler esse livro, que já quero desde o lançamento. Acho a trama super interessante, com a fuga da personagem e essa coisa de não sabermos quem é o príncipe e quem é o assassino.

    petalasdeliberdade.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olha, recomendo fortemente a leitura, é muito bem escrito e criativo demais!
      Bjsss

      Excluir
  3. Oi, tudo bem?

    Ainda não i o livro, ainda que queria muuuuito desde que fiquei sabendo da existência dele. Acho o preço os livros da editora bem salgadinhos, mas justíssimo, por causa de todo o cuidado, design gráfico etc.
    Gosto dessa dualidade e, com certeza, o bem x o mal iria me irritar e me atrair bastante na leitura. Espero lê-lo em breve! :)
    Adorei sua resenha!

    Love, Nina.
    http://ninaeuma.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o preço das obras da DarkSide são mais salgadinhos, mas eu acho que compensa, porque são incríveis!
      Olha, eu acho que irritada você não fica, mas viciada com certeza. rsrs

      Obrigada!
      Bjsss

      Excluir
  4. Acho que nenhum homem aceita este fato muito bem, já pensou, ser deixado no altar? Um príncipe ainda por cima... Corajosa a guria. Este livro está na minha lista desde seu lançamento, mas não li ainda :(
    Bjs

    ResponderExcluir
  5. Oi, tudo bem?
    Todas as resenha que li sobre esse livro, os leitores são unanimes em admitir que amaram o livro. Apesar das resenhas super positivas e da sinopse ser bem interessante, não consigo me interessar pela leitura dele. No momento passo a dica, mas quem sabe futuramente! Adorei seu post e sua resenha!

    ResponderExcluir
  6. Oi, tudo bem?
    Acho que eu surtaria com todo esse mistério!!
    Quero muito ler o livro, mas é bem carinho, preciso de promoção!
    Bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi.

    Li esse livro em Janeiro e amei. Logo em seguida precisei ler o segundo, não podia ficar sem ler a continuação. Estou MUITO ansiosa pelo terceiro livro, estou torcendo para que seja lançado este ano. Não consigo esperar por muito mais tempo.

    ResponderExcluir
  8. Oiii paty, tudo bem?
    Menina eu fiquei apaixonada pela sua resenha e é um dos livros que mais me agradam, até hoje sempre li comentários positivos e sei que seria uma ótima leitura, ainda mais sabendo que tem um romancezinho.
    Abraços

    ResponderExcluir
  9. Olá!
    Cada vez que vejo uma resenha desse livro, ele me chama mais e mais! haha
    Só coisa boa a falar dele! Já está na minha lista de leitura.

    Vou aguardar a resenha do segundo livro!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Apesar de curtir muito os lançamentos da darkside não sinto vontade de conhecer essa série, mesmo com tantos elogios sobre ela... Apesar de vc dizer que o triângulo amoroso é diferente do convencional, esse fato me deixou ainda mais com cisma de ler KoD...

    Bjs...

    ResponderExcluir
  11. Oi, tudo bem?
    Eu confesso que não sou muito fã de histórias desse tipo, por isso nunca dei muita atenção para esse livro, sabe? Mas lendo sua resenha fiquei curiosa, principalmente por conta dessa introdução suupeer positiva sobre o livro kkkk Bom, eu gostei bastante da protagonista, ela parece ser cativante e também gostei de saber que o triângulo amoroso não é nada clichê.

    Beijos :*

    ResponderExcluir
  12. Olá, eu adoro o gênero, mas estou enrolando um pouco para ler essa obra, acho que foi o grande bum...de repente todo mundo estava lendo e eu fugi, kkkk

    Adorei a resenha...

    Abraços

    ResponderExcluir
  13. Sempre vejo essa série nas livrarias e leio alguns comentários sobre ela. Mas não tive o interesse de ler ainda.
    Adorei a resenha.

    ResponderExcluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo