29/06/2016

[RESENHA] A Garota Italiana

Título: A Garota Italiana
Autora: Lucinda Riley
Páginas: 462
Editora: Arqueiro
Estrelas: 5/5
Livro: Cedido em parceria com Editora Arqueiro.

Aos onze anos de idade, Rosanna Menici conhece o cantor Roberto Rossini, uma estrela em ascensão no mundo da ópera italiana - e o homem que mudaria sua vida para sempre. Incentivada - e apaixonada - por ele, Rosanna passa a se dedicar ao estudo do canto lírico, torna-se cantora profissional, e logo os dois se encontram nas salas de concerto mais famosas do mundo, dividindo não só o palco como também o mesmo destino.
Com seu talento incomum para descrever ambientes e evocar sensações e sentimentos universais, Lucinda Riley nos leva a acompanhar a trajetória de Rosanna, desde os bairros pobres de Nápoles até os teatros mais glamourosos do planeta, trazendo à tona, com sua prosa inconfundível, as alegrias, tristezas, frustrações, decepções e redenções do amor.

O meu caso de amor com essa autora é de longa data e novamente ela me fez viajar deliciosamente nesse novo romance lançado aqui no Brasil pela Editora Arqueiro (que por sinal tem sido super eficiente nos lançamentos da Lucinda Riley desde quando obteve os direitos autorais). Eu como fã tenho aproveitado demais, porque todo semestre temos a oportunidade de aprender e se desconectar um pouco mais do mundo nas obras de Lucinda.

Ela é uma das minhas autoras favoritas, super simpática nas redes sociais e que sempre nos ensina algo sobre o passado ou lições de vida em seus romances.

Me surpreendi positivamente com "A Garota Italiana" porque diferentemente da abordagem característica da autora em suas obras mais recentes, esse livro contará quase que em 99% a história do passado e 1% do presente. Geralmente, ela alterna passado e presente com duas histórias individuais correndo paralelamente, mas ambas ao final tem conexão. Em "A Garota Italiana" teremos a história narrada pelos olhos de Rosanna e em alguns pontos chaves do romance encontramos cartas escritas por ela destinadas ao filho, na verdade ela está contando a sua vida e, parte da dele, durante toda a narrativa.


Rosanna tinha seus 11 anos de idade quando conheceu o homem que fisgou seu coração, ela ainda era uma criança, no entanto sabia que Roberto Rossini seria seu marido um dia. Ele era um cantor lírico recém formado que estava no início da sua ascendência e em um encontro na casa da família dela Rosanna teve a oportunidade de cantar em frente a todos os presentes, quando Roberto ouviu a delicadeza e potencial da voz dela, disse que deveria procurar um amigo seu chamado Luigi, ele poderia desenvolver a voz da menina para que no futuro atuasse como cantora lírica e se caminhasse bem chegaria ao Scala em Milão. 

"Alguns minutos depois, sem conseguir dormir, sentou-se. Tornou a abrir o diário, pegou o lápis e escreveu outra frase. Um dia vou me casar com Roberto Rossini."

Com a ajuda do irmão Luca ela consegue fazer essas aulas e durante cinco anos de sua vida se dedica aos estudos com Luigi e ajuda nas tarefas da cantina da família. E é nesse momento que uma grande porta se abre para ela, terá a oportunidade de estudar música em Milão e seu irmão irá acompanhá-la nessa jornada.

Nessa nova aventura conhecerão pessoas maravilhosas, como Abi e Paolo... Irão fazer a jornada da descoberta pessoal e encontrarão o amor bem ao lado ou em algo inimaginável. 

E assim o destino de Rosanna vai sendo traçado aos poucos. Quando já moça reencontrará Roberto e a conexão entre os dois será intensa demais para ser ignorada. Só que esse famoso cantor tem sua fama feita não somente no meio musical, mas também nas peripécias na cama com muitas jovens que não resistem ao charme galante dele. O sentimento que ele irá nutrir por Rosanna é amor, todavia como se manter firme aos desejos do seu coração quando o corpo está habituado a viver na libertinagem? 

"(...) E nunca faço promessas que não posso cumprir. Elas sabem como Roberto Rossini é. Se não conseguem aceitar isso, não deveriam se envolver comigo. É simples. - Ele deu de ombros."

Os dois viveram juntos momentos apaixonados e incríveis, ascenderam juntos no meio musical e fizeram o elo do sucesso quando cantavam juntos. Tudo lindo, maravilhoso e quase perfeito... só que não!

Roberto é muito excêntrico, irritadiço, um tanto quanto mimado e irresponsável, um marido obsessivo que não consegue se comportar adequadamente quando fica muito tempo distante de sua Rosanna. E o desfecho do romance dos dois poderá ser dolorosamente vivido em muitos aspectos, além de afetar as boas amizades dela, já que os dois funcionam como uma droga um para o outro e como vocês bem sabem uma droga não pode despertar o que há de melhor em nós.

"Não vou dizer que foi uma época fácil para mim, mas eu tinha passado uma parte tão grande da vida dedicada a Roberto que estava decidida a aproveitar ao máximo cada segundo daquele meu presente. É por isso que hoje lhe digo, Nico, para aguentar firme e valorizar cada instante. Nunca deixe passar nenhum dia sem tirar dele o máximo, pois nunca mais voltará a ter esse tempo."


Durante a leitura me senti vivendo na Itália e na Inglaterra, envolvida pelas músicas italianas tão lindas frequentemente citadas ao longo do romance.

Terminei o livro com olhos marejados e em total conflito interno, pois não sabia se ficava triste ou feliz com o desfecho de todo esse romance, mas depois de refletir conclui que foi o melhor para a grande maioria dos personagens.

Sabe aquele tipo de livro que quando você termina quer voltar e começar a ler tudo de novo? Pois bem, "A Garota Italiana" é esse tipo de jóia rara. ^^


Espero que tenham gostado da resenha!

Até breve, leitores!

Beijinhos.

Att,

36 comentários:

  1. Oi Paty, acho que nunca li um que se passava na Itália. Já estou ansiosa pra saber um pouco mais desse livro.
    Beijso
    Quanto Mais Livros Melhor

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, flor! É apaixonante... <3
      Bjokas

      Excluir
  2. Olá
    Não gosto muito de livros de romance, eu e irrito demais com as tramas de vai e vem e de relacionamento abusivo ( quando normamente acontece quando se torna um vicio). Mas achei bem legal as citações de música eu sou simplismente apaixonada por músicas eruditas.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você curte música erudita recomendo que leia, tem muita música italiana linda! Mas tem o romance envolvido, então pode não te agradar tanto assim...rsrsrs
      Bjsssss ^^

      Excluir
  3. Oiii Paty, tudo bem?
    Menina sou completamente apaixonada por esse livro, por mais que eu ainda não tenha lido, sua resenha só me deixou mais animada para realizar a leitura o quanto antes. Parabéns pelas fotos e a resenha, dica anotada!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii, flor! Tudo certo e você?
      Esse livro é demais!! Um dos melhores livros da autora, se bem que sempre tenho dificuldade pra escolher o melhor dos melhores quando falo de Lucinda Riley, kkkk.
      Obrigada! ^^
      Bjinhosss

      Excluir
  4. Olá, A Arqueiro está mandando vem sendo eficiente com vários autores, torcer para que continuem assim.
    Embora eu não seja muito fã de romance eu gostei da sua resenha, vc descreveu bem os personagens e o centro da história.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu confesso que tenho uma quedinha pela Arqueiro há anos e ultimamente eles tem mandado muito bem nos lançamentos, melhoram muito. ^^
      Obrigada!! ^^
      Bjinhosss

      Excluir
  5. Gente que sonho. Tô esse livro aqui e louca para ler.
    E ainda mais curiosa, então ela contou a maior parte do livro no passado, bem interessante.
    Beijinhos, Helana ♥
    In The Sky, Blog / Facebook In The Sky

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você curte um bom romance narrado com maestria corra pra ler! kkk
      É lindooooo... <3
      Bjokas

      Excluir
  6. Opa! Curti por demais esse livro, quero muito ler e ver sobre a Itália tb heheheh. Adorei a premissa da obra, sua resenha está perfeita. Vou adicionar na lista dos desejados.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada!!! ^^
      Ahh, adicione sim, é um romance que merece estar na estante dos adoradores desse gênero.
      Bjinhossss

      Excluir
  7. Oi!
    Adorei a sua resenha! Eu já vi algumas pessoas comentando sobre o livro e achei interessante a premissa, só não sei se me arriscaria a ler. =D
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Se você curte romances românticos recomendo que se arrisque sim, rsrs.
      Obrigada!! \o/
      Bjinhoss

      Excluir
  8. Oi linda,

    Eu estava numa dúvida cruel se lia ou não esse livro, porque nunca li nada da autora, mas depois de sua resenha fiquei até com lágrimas nos olhos por imaginar que o final do casal pode ter sido nada agradável para nós leitores.

    Vou comprar essa edição maravilhosa e depois venho compartilhar minha opinião com você.

    Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Essa autora é uma das minhas favoritas, ela escreve de uma maneira que te envolve, todos os livros dela são lindos.
      Quando ler comente aqui assim!
      Bjinhossss

      Excluir
  9. Ooi! Parece ser um drama bem intenso, não é? Não sei se fico triste pela personagem... Ela achava, desde criança, que aquele homem seria magnífico, certo? Mas, a decepção ocorreu logo depois que ela o viu de verdade, que conviveu. É tenso :c Parabéns pela resenha!
    Beeijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É intenso, mas não te deixa pra baixo sabe? É um romance que ensina que não é sempre que podemos ter o que mais queremos, tudo tem seu tempo.
      Obrigada, flor!
      Bjinhosss

      Excluir
  10. Oioi! Tudo bem?
    Ainda nao li nada da Lucinda Riley, mas com a vinda dela pra Bienal fiquei interessada em ler algo dela.
    Achei o lançamento da A Garota Italiana em boa hora, achei a capa linda e a premissa me chamou a atenção.
    Agora lendo a resenha vi que posso gostar mto da historia.
    Vou tentar ler.
    Beijos

    Livros e SushiFacebookInstagramTwitter

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Estarei na Bienal para pegar autógrafo dela, Lucinda Riley escreve lindamente.
      Recomendo que leia os livros dela sim!
      Bjinhossss ^^

      Excluir
  11. Olá!

    Nossa, primeira resenha que leio dele. Não sabia que se passava na Itália, mas já gostei. Amo esse país, mas nunca li nenhum livro que se passe lá. Com certeza vou deixar na minha enorme lista, porque o livro parece incrível!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hahaha, coloca na lista simmmm! Esse livro é muito amor. <3

      Excluir
  12. Olá,
    O livro parece ser bem interessante, essa é a primeira resenha que leio dele e fiquei bem curiosa para saber como essa história terminara. Adorei a sua resenha. =)

    Ps: Nunca li nada dessa autora.
    Beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada! ^^
      Arrisque a leitura dele, é lindo.
      Amo essa autora.

      Bjinhosss

      Excluir
  13. Oiii!!!

    Eu não conhecia esse livro é nem a autora.
    Gostei muito da sua resenha.
    Parece que é bem escrita bem surpreendente é com uma dose drama. Melhor parte é se sentir na Itália. ..
    Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oiii, que bom que gostou da resenha! ^^
      Sim, é um romance muito bem escrito, como todos os livros dessa autora.
      É tão lindo.
      Bjinhosss

      Excluir
  14. Oi!!!

    gente, que resenha linda!!!!

    olhaaaa...eu nem gosto do estilo e fiquei com vontade de ler!!!

    parabéns!!!

    bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ouuunnn, que linda!
      Obrigada!!

      Olha, arrisque ler sim. É um amorzinho essa obra.

      Bjinhossss ^^

      Excluir
  15. Oie!
    Esse livro está aqui na pilha, e vou ler ele em breve. Fico ainda mais animada sabendo que o livro é assim, pois sei que vou devorar essa leitura. Eu já li outros livros da autora, e adoro a narrativa dela.
    Bjks!
    Histórias sem Fim

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Coloque ele no topo da pilha pra ler loguinho, rsrsrs.
      Essa autora é TOP demais, amo ela.
      Bjinhosss ^^

      Excluir
  16. Olá Paty, tudo bem?
    Adorei sua resenha e achei muito interessante a forma como você se expressou.
    Com certeza estou colocando ele na minha lista, adoro quando temos o passado e o presente como o alicerce de uma grande e intensa história de amor.
    Abraços
    http://www.viciadosemleitura.blog.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oii, Bia!
      Que bom que curtiuuu! <3
      Então, esse livro é show, leia sim!
      Bjinhossss

      Excluir
  17. Fiquei acabadinha no final! Mas ainda acho que foi um final feliz, pois afirma que eles vão se encontrar outra vez

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É, o final é pra se pensar... Tipo, não é que eles ficam super separados, masssss tem aquele distanciamento né? Eu gostei muito!

      Excluir
  18. Fiquei acabadinha no final! Mas ainda acho que foi um final feliz, pois afirma que eles vão se encontrar outra vez

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, acho que foi um final feliz de certa maneira porque foi o mais psicologicamente saudável para os dois... e o importante é que ainda havia amor e amizade. ^^

      Excluir

Olá!
Seja bem vindo ao Coleções Literárias. Sinta-se a vontade para deixar seu comentário.
Siga o blog também, seremos imensamente gratos.
CONTATO: colecoesliterarias@gmail.com
Beijos

© Coleções Literárias ♥ - Todos os direitos reservados - 2016 ♥ Criado por: Taty Salazar || Tecnologia do Blogger. imagem-logo